Como evitar que o "apt-get autoremove" desinstale toda a interface gráfica

Publicado por Perfil removido em 15/01/2015

[ Hits: 16.131 ]

 


Como evitar que o "apt-get autoremove" desinstale toda a interface gráfica



Você instalou seu sistema GNU/Linux com a interface padrão do sistema, GNOME ou KDE por exemplo, mas não gosta de um ou outro aplicativo que já vem instalado no meta-pacote. Então resolve desinstalar o tal pacote indesejado com o "apt-get remove --purge pacote".

Até aí tudo bem, mas para sua surpresa quando você digita o comando "apt-get autoremove" ele sugere desinstalar praticamente todo o sistema... f**deu! O que fazer agora? Leia essa dica e seus problemas acabarão. :D

A solução para esse problema é bem simples. Quando executar o comando "apt-get autoremove" ele vai exibir a lista de pacotes que serão desinstalados e pede sua permissão para continuar, neste ponto muita atenção, digite "n" para abortar o processo.

Agora basta copiar a lista que foi exibida e mandar reinstalar todos. O apt-get vai então marcar os pacotes como "instalação manual" e, por conseguinte, vai desvincular as dependências com o primeiro pacote que foi removido anteriormente.

Vamos à um exemplo prático para deixar mais claro: suponha que você esteja usando o GNOME e assim como eu, odeia o maldito Evolution (gerenciador de e-mails). Desinstale-o normalmente como faz com qualquer outro pacote:

# apt-get remove --purge evolution

e depois execute o comando:

# apt-get autoremove

Mas cuidado, você deve cancelar digitando "n", OK?
Linux: Como evitar que o 'apt-get autoremove' desinstale toda a interface gráfica
Copie a ENORME lista de pacotes que foi exibida no terminal para um editor de texto de sua preferência, para facilitar o processo, e ajuste os nomes dos pacotes numa mesma linha. Agora sim, copie de volta para o terminal após o "apt-get install ...". Depois disso, a próxima vez que o comando "autoremove" for executado o GNOME não mais será removido.

Se preferir fazer isso em modo gráfico, abra o Synaptic, selecione os pacotes "auto-removíveis", clique em "Pacote" no menu e desmarque a opção "Instalado automaticamente".

Outras dicas deste autor

Blog e repositório de pacotes deb para amd64

Como abrir arquivos .docx, .xlsx, .pptx no OpenOffice ou BROffice

Grid Window no Xfwm4 (Xfce) - Em sistemas que aceitem PPA

Instalando o aMSN 0.93 com traydoc no KDE 3.1

Guia VOL: “como encontrar o que eu quero ???”

Leitura recomendada

Instalando o Flash Player 10 no Debian Lenny e Firefox 3.06 (manualmente)

Teclado multimídia no Linux

Chromium for Linux (o verdadeiro)

VirtualBox: VERR_SUPLIB_OWNER_NOT_ROOT VMMR0.r0

Instalando o SolydXK

  

Comentários
[1] Comentário enviado por mspaint em 15/01/2015 - 20:07h


Boa meu jovem, já removi o kde inteiro há mt tempo atrás por causa disso heuheuehueh VLW!!!

[2] Comentário enviado por tiago4171 em 15/01/2015 - 23:03h


Quebrei meu debian 2x por causa disso, tava usando até o Xubuntu por causa disto. Salvou a pátria

[3] Comentário enviado por lgcd em 16/01/2015 - 09:48h


Não precisa fazer nada disso, desculpe o comentário, mas bastar digitar:

$ sudo aptitude

Vai entrar no aptitude, vai ter uma lista de programas a instalar e instalado, se você teclar "m" minúsculo ele vai passar os pacotes para instalação manual, ou seja, um não vai mais ter ligação com o outro, depois de fazer em todos os pacotes, não precisa entrar em um por um, bastar teclar "m" para a primeira lista que aparece que ele joga pra todos que estão na tree, é só sair do aptitude, eu prefiro reiniciar, maldito windows... e depois é só desinstalar os pacotes que você quer, não vai pedir para remover a interface gráfica.

[4] Comentário enviado por mspaint em 16/01/2015 - 11:52h


[3] Comentário enviado por lgcd em 16/01/2015 - 09:48h


Não precisa fazer nada disso, desculpe o comentário, mas bastar digitar:

$ sudo aptitude

Vai entrar no aptitude, vai ter uma lista de programas a instalar e instalado, se você teclar "m" minúsculo ele vai passar os pacotes para instalação manual, ou seja, um não vai mais ter ligação com o outro, depois de fazer em todos os pacotes, não precisa entrar em um por um, bastar teclar "m" para a primeira lista que aparece que ele joga pra todos que estão na tree, é só sair do aptitude, eu prefiro reiniciar, maldito windows... e depois é só desinstalar os pacotes que você quer, não vai pedir para remover a interface gráfica.


Boa também, mas como no Linux há várias soluções para o mesmo problema as duas dicas são muito boas e rápidas.

[5] Comentário enviado por zerocoolroot em 16/01/2015 - 16:46h


[3] Comentário enviado por lgcd em 16/01/2015 - 09:48h


Não precisa fazer nada disso, desculpe o comentário, mas bastar digitar:

$ sudo aptitude

Vai entrar no aptitude, vai ter uma lista de programas a instalar e instalado, se você teclar "m" minúsculo ele vai passar os pacotes para instalação manual, ou seja, um não vai mais ter ligação com o outro, depois de fazer em todos os pacotes, não precisa entrar em um por um, bastar teclar "m" para a primeira lista que aparece que ele joga pra todos que estão na tree, é só sair do aptitude, eu prefiro reiniciar, maldito windows... e depois é só desinstalar os pacotes que você quer, não vai pedir para remover a interface gráfica.


Parceiro,

Gentilmente poderia ajudar um amigo burro aqui..!!

Não compreendi muito bem o que você disse. Poderia me dizer como faço isso passo-a-passo, pois já umas 2 vezes acabei desastrosamente desinstalado a interface gráfica por conta disso..!!

Desde já fico muito agradecido,

[6] Comentário enviado por removido em 16/01/2015 - 17:16h


[3] Comentário enviado por lgcd em 16/01/2015 - 09:48h


Não precisa fazer nada disso, desculpe o comentário, mas bastar digitar:

$ sudo aptitude

Vai entrar no aptitude, vai ter uma lista de programas a instalar e instalado, se você teclar "m" minúsculo ele vai passar os pacotes para instalação manual, ou seja, um não vai mais ter ligação com o outro, depois de fazer em todos os pacotes, não precisa entrar em um por um, bastar teclar "m" para a primeira lista que aparece que ele joga pra todos que estão na tree, é só sair do aptitude, eu prefiro reiniciar, maldito windows... e depois é só desinstalar os pacotes que você quer, não vai pedir para remover a interface gráfica.


Boa dica a sua, essa eu não sabia!!! Mas, se for do seu jeito ou do meu jeito ou de qualquer que seja o jeito, o importante é solucionar o problema, não é mesmo!? Valeu!!! ;-)

[7] Comentário enviado por mspaint em 16/01/2015 - 22:10h


Parceiro,

Gentilmente poderia ajudar um amigo burro aqui..!!

Não compreendi muito bem o que você disse. Poderia me dizer como faço isso passo-a-passo, pois já umas 2 vezes acabei desastrosamente desinstalado a interface gráfica por conta disso..!!

Desde já fico muito agradecido,


Man, use a primeira dica então. Pode ser mais fácil pra você.

[8] Comentário enviado por edps em 15/05/2015 - 17:42h


Tanto o conteúdo da dica como a sugestão do colega @lgcd funcionam, mas para o caso da sugestão tenho outra sugestão:

# apt-mark manual pacote(s)
ou
# aptitude unmarkauto pacote(s)

Farão com que os pacotes sejam tratados para a forma manual, assim não serão removidos, para reverter:

# apt-mark auto pacote(s)
ou
# aptitude markauto pacote(s)

Referência:

http://debian-handbook.info/browse/pt-BR/stable/sect.apt-get.html

Ou simplesmente façam como eu, instalem via NetInstall e não usem meta-pacotes, tais como: gnome-core, gnome-desktop-environment, gnome, kde-full kde-standard kde-plasma-desktop, ao invés disso eu instalo somente o que preciso.

Você pode (se gosta do Gnome por exemplo) simular a instalação do ambiente completo:

# apt-get install task-gnome-desktop task-brazilian-portuguese task-brazilian-portuguese-desktop gnome -s

Pegar a lista do que realmente precisa e mandar bala!

# apt-get install lista-grande-pra-kct-sem-os-metapackages-mencionados

Ou para o KDE:

# apt-get install task-kde-desktop task-brazilian-portuguese task-brazilian-portuguese-desktop task-brazilian-portuguese-kde-desktop kde-full -s

# apt-get install lista-grande-pra-kct-sem-os-metapackages-mencionados


IntÈ!

[9] Comentário enviado por GustavoValerio em 17/10/2015 - 16:52h


[8] Comentário enviado por edps em 15/05/2015 - 17:42h


Tanto o conteúdo da dica como a sugestão do colega @lgcd funcionam, mas para o caso da sugestão tenho outra sugestão:

# apt-mark manual pacote(s)
ou
# aptitude unmarkauto pacote(s)

Farão com que os pacotes sejam tratados para a forma manual, assim não serão removidos, para reverter:

# apt-mark auto pacote(s)
ou
# aptitude markauto pacote(s)

Referência:

http://debian-handbook.info/browse/pt-BR/stable/sect.apt-get.html

Ou simplesmente façam como eu, instalem via NetInstall e não usem meta-pacotes, tais como: gnome-core, gnome-desktop-environment, gnome, kde-full kde-standard kde-plasma-desktop, ao invés disso eu instalo somente o que preciso.

Você pode (se gosta do Gnome por exemplo) simular a instalação do ambiente completo:

# apt-get install task-gnome-desktop task-brazilian-portuguese task-brazilian-portuguese-desktop gnome -s

Pegar a lista do que realmente precisa e mandar bala!

# apt-get install lista-grande-pra-kct-sem-os-metapackages-mencionados

Ou para o KDE:

# apt-get install task-kde-desktop task-brazilian-portuguese task-brazilian-portuguese-desktop task-brazilian-portuguese-kde-desktop kde-full -s

# apt-get install lista-grande-pra-kct-sem-os-metapackages-mencionados


IntÈ!


Era exatamente assim que eu fazia para manter o mínimo possível de pacotes desnecessários.

[10] Comentário enviado por tiago4171 em 20/01/2016 - 21:33h


[8] Comentário enviado por edps em 15/05/2015 - 17:42h


Tanto o conteúdo da dica como a sugestão do colega @lgcd funcionam, mas para o caso da sugestão tenho outra sugestão:

# apt-mark manual pacote(s)
ou
# aptitude unmarkauto pacote(s)

Farão com que os pacotes sejam tratados para a forma manual, assim não serão removidos, para reverter:

# apt-mark auto pacote(s)
ou
# aptitude markauto pacote(s)

Referência:

http://debian-handbook.info/browse/pt-BR/stable/sect.apt-get.html

Ou simplesmente façam como eu, instalem via NetInstall e não usem meta-pacotes, tais como: gnome-core, gnome-desktop-environment, gnome, kde-full kde-standard kde-plasma-desktop, ao invés disso eu instalo somente o que preciso.

Você pode (se gosta do Gnome por exemplo) simular a instalação do ambiente completo:

# apt-get install task-gnome-desktop task-brazilian-portuguese task-brazilian-portuguese-desktop gnome -s

Pegar a lista do que realmente precisa e mandar bala!

# apt-get install lista-grande-pra-kct-sem-os-metapackages-mencionados

Ou para o KDE:

# apt-get install task-kde-desktop task-brazilian-portuguese task-brazilian-portuguese-desktop task-brazilian-portuguese-kde-desktop kde-full -s

# apt-get install lista-grande-pra-kct-sem-os-metapackages-mencionados


IntÈ!


Cara tu é 1000!!!!



Contribuir com comentário