Ajuda e como pedi-la

Publicado por Perfil removido em 27/09/2009

[ Hits: 7.587 ]

 


Ajuda e como pedi-la



Peço desculpas a todos, especialmente aos administradores e moderadores, pois não encontrei nada guiando a forma mais adequada para pedir ajuda na seção de "Perguntas". É possível mesmo que já exista aqui no site algo falando disso... mas não custa dar uma chovidinha no molhado.

Pois bem. Diz a Bíblia Sagrada, em Tiago 4:3: 3. "Pedis e não recebeis, porque pedis mal".

Muitas perguntas não são respondidas simplesmente porque são mal formuladas.

Livre-se dos "emessenismos", como "plz help", "ajudaaaaaaaaa plz", "AJUDAAA COM TAL TAL". Seja claro. Seja sério. Seja objetivo.

E isso começa no título dela... Veja-se alguns exemplos:
  • Recuperar histórico
  • Problemas no ubuntu 9.04
  • amsn
  • ubuntu 9.04
  • Não estou consseguindo alguem mi ajuda

Aí quem está lendo, que talvez possa te ajudar, vai olhar de cima pra baixo e perguntar:
  • recuperar histórico de que?
  • que problemas no Ubuntu 9.04?
  • amsn o que?
  • ubuntu 9.04 o que?
  • não esta conseguindo o que? quer ajuda para que?

Para depois abrir a pergunta e verificar que não tem a menor ideia de como ajudar.

Agora, veja umas outras perguntas:
  • configurar web cam
  • web cam no linux 3.0

Estas perguntas ainda estão longe do ideal, mas seus títulos estão propostos de forma a indicar sobre que assunto a pessoa solicita ajuda. Se o leitor não tiver a menor ideia de como configurar uma webcam, não abrirá a mensagem, mas ela poderá ser vista por quem estiver enfrentando problema semelhante, na busca por uma resposta que lhe sirva.

O ideal (ou quase ideal...):
  • modem 3g no mandriva
  • Amsn não funciona no Kurumin
  • Problemas no amd64 Debian lenny
  • Internet discada (Ubuntu 8.10)

Estas últimas perguntas, ainda que não perfeitamente claras (coisa quase impossível de se escrever concisamente...), indicam a que distro se refere o problema e onde está a raiz de todos os males. Isso facilita a vida de quem responde e deixa claro a quem busca ajuda a que se refere aquele tópico, se poderá servir para ajudá-lo.

A comunidade Linux é formada por gente ocupada, que trabalha no mundo real para viver e, mesmo assim, dispõe-se a ajudar os novatos ou aqueles que estão enfrentando alguma dificuldade.

Então, há de se ter consideração com estas pessoas, pelo menos indicando clara e sucintamente o seu problema, pois assim quem está disposto a ajudar não perderá tempo tentando entender seu problema, que não foi exposto de forma clara e a sua solução, quando buscada na internet, servirá para ajudar novos usuários que enfrentem o mesmo problema.

Veja agora, o que eu idealizaria como uma pergunta bem redigida:

[Ubuntu 8.10] Webcam Logitech Quickcam Express não funciona

"Olá, (bla bla bla) não estou conseguindo instalar a webcam Logitech Quickcam Express no Ubuntu 8.10. Que devo fazer?"

Pronto. É bem simples. No título diz a distro (quem não entende nada de Ubuntu não perde tempo na sua pergunta, salvo se tiver uma solução genérica que te sirva), o hardware (ou software: escreva "PROGRAMA TAL" no lugar da descrição da webcam) problemático e o problema ("NÃO FUNCIONA"; se for software: "NÃO EXECUTA", "DÁ O ERRO TAL" etc).

Por outro lado, quem "googlar" com problema igual, pode achar sua pergunta e aí dessa vez, você devolve à comunidade o que retirou dela, ajudando indiretamente um usuário novo, ajudando expandir mais e mais a comunidade Linux.

Você com certeza verá mais resultados nas sua buscas. Aliás, falar em buscas, antes de postar uma nova pergunta, veja se no site não existe nada relacionado. Busque lá em cima na tela, no canto direito. Digite seu problema e mande buscar. Quer ver um exemplo?

"ubuntu 8.10 webcam logitech"

Retornará um monte de coisas. Se isso já existe respondido no servidor, por que você vai entulhar mais ainda o servidor com a mesma coisa? Para obrigá-lo a gastar mais tempo? Pára forçar a comunidade a responder novamente perguntas respondidas, enquanto outras que não tem resposta ficam em aberto, porque "a seara é grande, mas poucos os trabalhadores"?

Tenha iniciativa. O Linux, pessoal, força o usuário a ser "independente", ao mesmo tempo em que este pode contar o tempo todo com uma comunidade ativa e bem disposta. O Linux requer que você pense com sua cabeça, busque soluções por si mesmo. Às vezes, a sua solução (sim, você novato) acaba ajudando um antigo usuário Linux, porque ele não se focou ou buscou aquele conhecimento que você adquiriu em pouco tempo.

Quando fizer uma pergunta, coloque-se no lugar de alguem que não te conhece e nunca te viu e que não sabe seu problema. Pense: "minha pergunta está clara?" Se não estiver, é hora de modificá-la.

O espírito do Linux é dar e receber. Você recebe informações e ajuda e direta ou indiretamente ajuda outros. Mantenha-se nesse espírito.

O resto daquela passagem em Tiago diz: "Pedis, e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites." Não sejamos egoístas, mas pródigos em ajudar e sermos ajudados.

Obrigado.

Outras dicas deste autor

Efeitos 3D no Slackware 12 sem instalar nada

Instalando o navegador Google Chrome no Ubuntu

identica-mode - Instalação e configuração

Como criar uma senha muito forte para o seu e-mail

Problemas com GCC no Sabayon Linux [Resolvido]

Leitura recomendada

Chamada de trabalhos para o PGCon Brasil 2008

Alterar tema do GDM no Ubuntu 9.10

Lista de MIME Types por Content Type

Linux em família

Implementando servidor de horas no Linux

  

Comentários
[1] Comentário enviado por meinhardt_jgbr em 27/09/2009 - 13:51h

Valter,

Sua Dica definitivamente está muito bem escrita e valeu a "chovida no molhado", pois acredito que pelo menos a maioria dos iniciantes no Linux ainda não conseguiu captar o espirito da coisa e a satisfação de poder ajudar, mesmo com as limitações de trabalho, familia, etc.
Muito bom também seu enfoque na necessidade da pesquisa antes de postar qualquer pergunta apenas porque é mais fácil. Até acredito que não seja preguiça, apenas falta de maior conhecimento quanto a necessidade de ser ou pelo menos tentar ser independente e batalhar pela solução.
Respondi a algumas das perguntas que estavam a longo tempo sem resposta, focando exatamente nisto, mesmo quando tanto o título ou o conteúdo não estava suficientemente claros. Isto ocorreu apenas por insonia e por estar procurando uma pergunta que deixei mais ou menos a um mes e ainda estava sem nenhuma resposta. Em viagem a trabalho, as vezes não resta muito mais a fazer que ver televisão até altas horas, então, melhor fazer algo produtivo e dar nossa humilde e limitada contribuição.

Sua Dica defintivamente vale um Artigo já que tem muito mais visibilidade além de como disse acima, estar muito bem formulado e escrito.

Parabens!

Sds

[2] Comentário enviado por albertguedes em 27/09/2009 - 14:27h

Nossa, esse foi um desabafo em nome de todos que "tentam" ajudar os iniciantes, mas muitos deles não ajudam a ajudá-los, fazendo esses dramas tipo "PELAMORDEDEUSMEAJUDEM!".

Falando a verdade, quando vejo titulos desse tipo IGNORO COMPLETAMENTE E SEM REMORSO !

Aprenda a fazer a pergunta direito e com detalhes, depois eu vejo se respondo. Não é porque nos disponibilizamos a ajudar que deve ser feito de qualquer maneira.

[3] Comentário enviado por albertguedes em 27/09/2009 - 14:27h

NOTA: vou indicar esse artigo de agora em diante pra cada um que formular duvidas mal feitas. ;)

[4] Comentário enviado por dbahiaz em 27/09/2009 - 14:31h

Muito boa a dica. Muito mais eficiente que descrever uma historia é colocar informações sobre o que deseja solucionar, acho que deveria ter um campo de busca bem no meio da pagina e grandeeeeee com um pisca-alerta! Dizendo:

"Novato, pesquise aqui antes" kkkk

[5] Comentário enviado por /bin/laden em 27/09/2009 - 17:34h

Muito boa a tua iniciativa cara! Que bom fosse se todos os usuários deixassem um pouco a preguiça de lado e se dispusessem a pesquisar e ler materiais como o seu, antes de sair postando "adoidado" aqui no VoL.


[6] Comentário enviado por removido em 27/09/2009 - 18:41h

Em minha opinião o maior problema dos "iniciantes em Linux" é a preguiça. Preguiça de pesquisar no Google ou mesmo no VOL, preguiça de pensar em um título adequado para o tópico que estão iniciando, preguiça de formular claramente suas dúvidas. Sem generalizar, mas a grande maioria ainda deseja tudo mastigado, como é no Windows, next, next, finish. Enfim, parece que alguns confundem o VOL com o Orkut.

Belo artigo, faço minha as palavras de albertguedes: vou indicar esse artigo de agora em diante pra cada um que formular duvidas mal feitas".


[7] Comentário enviado por removido em 28/09/2009 - 02:41h

Amigos, agradeço os comentários e a receptividade desta dica... Realmente, agora descobri que chovi no molhado mesmo, pois simulando a postagem de uma nova pergunta é que acabei encontrando direções para a melhor forma de se realizar isso. E aqui está:

* Usando o VOL a seu favor: encontrando facilmente o que precisa:
http://www.vivaolinux.com.br/dica/Usando-o-VOL-a-seu-favor-encontrando-facilmente-o-que-precisa

* Como elaborar perguntas para listas de discussão:
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Como-elaborar-perguntas-para-listas-de-discussao

* Fornecendo informações úteis para obter respostas válidas:
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Fornecendo-informacoes-uteis-para-obter-respostas-validas

Eu *SABIA* que o pessoal do VoL não ia deixar isso passar em branco.

Novamente obrigado e que Deus abençoe a todos abundantemente.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts