Openfire no SLES 10 autenticando no Active Directory

Espero ajudar com este artigo, nele veremos como configurar um comunicador interno com o Openfire autenticando no AD.

[ Hits: 36.394 ]

Por: Robinson Czelusniak em 09/09/2009


Instalação e configuração do Openfire



Agora você tem o JAVA atualizado e vamos baixar e configurar o Openfire.

Você pode baixar direto do link utilizando o wget:

wget http://www.igniterealtime.org/downloadServlet?filename=openfire/openfire-3.6.4-1.i386.rpm

Ou fazer o download direto do site www.igniterealtime.org.

Depois de baixá-lo vamos instalar e configurar.

No diretório onde você baixou o arquivo digite:

# rpm -ivh openfire-3.6.4-1.i386.rpm

Ele criará a estrutura dele em /opt/openfire, acesse este diretório:

# cd /opt/openfire

Todas as configurações estão nesse diretório. Vamos popular nossa base do MySQL.

Acesse o diretório /opt/openfire/resources/database/, onde ficam as configurações do MySQL:

# cd /opt/openfire/resources/database/

Para enviar estas configurações para o MySQL digite:

# mysql -u openfire openfire -p < openfire_mysql.sql

Dessa forma estamos usando o usuário openfire (-u openfire) para gravar na base Openfire (openfire) todo o conteúdo do arquivo openfire_mysql.sql (< openfire_mysql.sql) e estamos solicitando a senha do usuário openfire com a opção -p.

Com isto acabamos de popular a nossa base. Agora vamos iniciar o serviço do Openfire com o comando:

# /opt/openfire/bin/openfire.sh &

Você carregá-lo através de /etc/init.d/openfire, mas a primeira vez que é iniciado é preciso utilizar o script acima.

Agora adicione o Openfire na inicialização do sistema com o comando:

# chkconfig openfire on

Configurações do Openfire

Acesse pelo browser o endereço do servidor na porta 9090:

http://ip.do.servidor:9090

Selecione o idioma da interface de administração e clique em continuar.

Figura 1:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Selecione o nome do domínio e clique em "continuar".

Deixe o mesmo do seu AD.

Exemplo:

AD dc=teste,dc=local
dominio teste.local)

Figura 2:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Clique em "continuar".

Figura 3:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Especifique as opções do banco de dados e clique em "continuar".

Figura 4:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Marque a opção "Servidor de Diretórios LDAP" e clique em "continuar".

Figura 5:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Selecione o tipo de servidor para Active Directory e configure de acordo com seu AD, depois clique em "Testar Configurações".

Aparecerá uma tela com a resultado, se estiver ok feche e clique em "Salvar e Continuar".

Figura 6:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
A próxima tela faz referência aos mapeamentos dos atributos do usuário, não precisamos mexer, então clique em "Salvar e Continuar".

Figura 7:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
A próxima tela faz referência aos mapeamentos dos atributos dos grupos, não precisamos mexer, então clique em "Salvar e Continuar".

Figura 8:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Adicione um ou mais administradores para o Openfire, basta digitar um nome de usuário que esteja no AD e ele irá adicionar.

Figura 9:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Você pode ver quais foram as contas que você adicionou como administrador, depois clique em "continuar".

Figura 10:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
E pronto, está configurado. agora você pode logar na interface para ver como ela é, clicando em "logue-se no console de administração".

Figura 11:
Linux: Configurar o Openfire no SLES 10 no autenticando no Active Directory
Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Pacotes necessários
   2. Instalação e configuração do JAVA
   3. Instalação e configuração do Openfire
   4. Instalação e configuração do Pandion nas estações
Outros artigos deste autor

Squid autenticando no Windows utilizando grupos do AD

SUSE Linux - Squid autenticando no Active Directory (AD)

Instalando Postfix e Dovecot no SLES 11 e autenticando em um diretório da Novell (Edir)

Squid com autenticação

CBQ (Controlador de banda) no Conectiva 10

Leitura recomendada

Instalando MTA Sceo no FreeBSD 7.1

Configurar autenticação no Postfix

Qmail + Patches + Performance Tuning, the Debian AMD64 way

Servidor de e-mails vinculado ao AD (Postfix + Courier)

Montando um servidor de e-mail completo com Postfix

  
Comentários
[1] Comentário enviado por hendrigo em 10/09/2009 - 09:53h

Existe opção de usar BD interno do Openfire, sem o mysql fica mais fácil, e a única dependência vai ser o Java!
Pelo menos é assim que utilizo, com OpenLDAP.

[2] Comentário enviado por tedcosta em 23/02/2010 - 15:04h

Gostaria de parabenizalo pelo excelente artigo, fiz tudo conforme sua orientãções e funcionou direitinho. Só estou com um probleminha, quando adiciono um novo usuário, em alguns casos ele fica aparecendo o alias do usuário em vez do nome completo.

Abraço
Ted

[3] Comentário enviado por czelusniak em 23/02/2010 - 20:11h

Obrigado Tedcosta, você viu se no AD ele tem o Full Name pode ser isto, mas vou verificar no meu openfire e te digo com mais certeza o que pode ser isto.


[4] Comentário enviado por czelusniak em 23/02/2010 - 20:12h

Hendrigo valeu pela dica de usar o próprio BD do openfire, na verdade a idéia é seria tentar unificar a maioria dos serviços com uma autenticação só, por isto fiz o artigo utilizando a autenticação no AD

[5] Comentário enviado por Leogalo em 12/04/2010 - 17:59h

Boa tarde Robinson,

Eu configurei seguindo os passos do seu tutorial, deu tudo certo, porem qd vou logar com usuario e senha, da um erro. "Exceçao", e aparece um monte de linhas, parece q é alguma coisa do Java. O q poderia ser ?


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts