Linux, uma história sem fim!

Nesse artigo, que na verdade é uma auto-narrativa apaixonada do autor sobre sua trajetória no mundo do software livre, saberemos como o Linux mudou a vida de Leonardo Berbert.

[ Hits: 17.834 ]

Por: Leonardo Berbert Gomes em 17/01/2005 | Blog: http://leonardo-berbert.branded.me/


O começo



Tudo começou quando eu me deparava com o Windows, já estava cansado da mesma rotina, sabia futricar nele de canto a canto e de cabo a rabo, mas parecia que me faltava algo, algo que me despertasse a curiosidade e ajudasse a crescer cada vez mais os meus conhecimentos.

Assim que aprendi a programar em VB, fui me tornando cada vez mais independente, pois pensava assim: "Já estou apto a aprender outras linguagens". Foi aí que me deparei, no curso técnico onde estudava, com o Linux, que se tornaria a minha paixão fanática.

Assim que meu professor começou a lecionar sobre ele, meus amigos e eu esculachamos ele e o mesmo sempre defendia o software livre. A partir desse dia comecei a procurar maiores informações sobre o Linux, foi aí que encontrei o site desta COMUNIDADE e o principal responsável por isso, meu primo Fábio Berbert de Paula, que na época nem era meu conhecido. A partir daí entrei em contato com ele para nos falarmos, ele me deu a maior força com relação ao Linux e comecei a fazer parte desta comunidade. O meu professor também notou meu crescimento dentro de suas aulas e com pouco tempo lá estávamos, eu e ele, configurando REDES e nos tornando cada vez mais conhecedores desse mundo de informações que envolve o software livre.

Me tornei o seu melhor aluno e comecei a me dedicar ao Linux. Após alguns meses, conheci uma outra pessoa que se fez importante também no meu crescimento em relação ao sistema, o seu nome eu nunca poderia deixar de citar, Wanderson Berbert, peça fundamental também na minha escalada em relação ao conhecimento.

Nunca achei que fosse encontrar um sistema operacional que fosse se adaptar as minhas normas, todo mundo esculacha ele e eu, de forma diferente de minhas ações anteriores, já estava o defendendo, era uma coisa extraordinária o que acontecia em minha vida e foi a partir daí que me dediquei cada vez mais a ele e procuro combater, entre aspas, o Windows, porque é uma missão difícil e árdua, mas com a ajuda de todos quero crescer dentro do Linux e poder ensinar o que eu puder aos iniciantes.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. O começo
   2. As constantes divergências
   3. Tirando as conclusões
Outros artigos deste autor

Detectando vulnerabilidades com o Nessus

SuperDNS: Solução definitiva para DNS dinâmico

Monitorando as conversas do MSN

Gerando gráficos sem mistérios no MRTG (Debian)

Solucionando problemas no sistema de arquivos

Leitura recomendada

Usando direcionadores de fluxo

O que há de novo no Linux Mint 12?

Software Livre - Melhor você ir se acostumando

Quer entrar no mundo de Tux ou está ajudando alguém a fazê-lo?

KahelOS - apresentação e dicas

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 17/01/2005 - 09:26h

OPa!,

Fala ae + um Berbert =D você acho que já é o quarto que tenho conhecimento aqui no vol rsrs. É a familia Berbert representando a comunidade!.

Abraços e bem viindo amigo!, qualquer coisa eh nois!

--
Abs,
guinet gmail com

[2] Comentário enviado por wberbert em 17/01/2005 - 09:51h

Fala ai primo,

Gostei de ver como mais um usuário windows é seduzido pela maneira linus de ser :).

Diferentemente dos softwares comercionais, o linux é a liberdade e uma filosofia de vida.

Continue assim

[3] Comentário enviado por duduberbert em 17/01/2005 - 10:04h

Gostei de ver seu artigo.. é issu aí continue crescendo quanto ao linux pq o seu mano ta aki pra te dar a maior força!!!
VC é muito esforçado e muito inteligente e luta contar as dificuldades, parabéns!!!

Té mais.

[4] Comentário enviado por wilbil em 17/01/2005 - 10:37h

ola achei muito interessante o que vc disse na pagina 2

Se vocês não tivessem conhecido o Windows, só o Linux, aposto que nunca achariam complicado!

isso e verdade ja fiz teste coloquei uma pessoa que nunca usou M$ OFFICE iniciou direto no open depois de um tempo ela terve que formatar o pc e quando instalaram o da M$ ela disse que queria o open pois era mais facil de usar (ps. agora e a pessoal mais proficional em open que ja vi)

o mesmo ja fiz com o linux minha prima de 10 anos ela queria usar net em casa e sempre usou linux dai na escola dela começaram a estudar pc ela disse aquele windows e muito dificil e lerdo (fiquei tao feliz)

mandou bem no artigo constinue assim

att
william

[5] Comentário enviado por removido em 17/01/2005 - 10:48h

Isso aih, galera!
Eh assim que se incentivam os desenvolvedores...
Eu pelo menos fico muito emocionado quando defendem algum programa que eu fiz... :)
Software livre na veia!!!
Abraços!

[6] Comentário enviado por removido em 17/01/2005 - 11:42h

Eu até pouco tempo utilizava o Windows mas, assim como você, resolvi mudar para o Linux, apenas pra 'ver como que é'. O que aconteceu? Bem, depois de uns 3 meses com o linux em casa, a partição q o Windows estava instalada agora tem a árdua tarefa de armazenar minhas mp3!!
Abraços e parabéns pelo artigo.

[7] Comentário enviado por john_connor em 17/01/2005 - 14:09h

mto bom seu artigo ...........comigo aconteceu da mesma forma , mas ainda nao dou aula ate pq tenho dificuldade de me comunicar , tambem sou doente por linux. , como tambem por unix e a serie xbsd (estes ultimos estou dando meus primeiros passos)
para im linux nao e so um sistema operacional e um estilo de vida ......comunidade , compartilhar informaçoes e tal ...
fiquei mais fanatico ainda depois de assistir revolution os e participar da ultima conisli ..........VIVA LINUX E SOFTWARE LIVRE ..
...........PARABENS TB PRO LINUX, PRO JOHN E PRO RICHARD .......sem palavras pra esses caras....

john_connor

[8] Comentário enviado por luiscarlos em 17/01/2005 - 15:36h

tenho certeza de que quem sobrevive ao seu primeiro mes com linux e decide continuar acaba se tornando um amante deste SO e não troca ele por nada, hj, apos muito esforço, posso dizer que faço tudo que fazia no windows e MELHOR, por que não sou preso, assim comoa comunidade que eh LIVRE, linux me surpreendeu deste o tempo que só ouvia seu nome e não sabia nada, muitas pessoas falando mal e da dificuldade de se aprender, que poucas pessoas sabiam manusear akele teminal negro mas cheio de recursos, hj eu tenho a certeza de que o sonho de me tornar um linuxer não era paenas sonho, ainda sou iniciante, mas meu desejo de aprender supera todas as dificuldades, quanto mais dificil for mais prazeroso vai ser quando eu conseguir, esse eh meu recado para akeles que estão começando, não desistam nunca, seu esforço será recompensando!!

[9] Comentário enviado por wester em 17/01/2005 - 19:19h

Só para complementar, eu trabalhei com um professor de astronomia, que teve a maior parte de sua formação feita na Alemanha. Ele acabou vindo para Brasil para dar aulas na universidade na qual eu trabalhava. Um belo dia, ele me chamou quando foi usar o computador de sua sala por uma razão que me deixou pasmo: "Esse computador aqui é meio chato, tudo o que é comando que eu digito nesse Run aqui não funciona ". Essa cena foi demais! Questionando, ele me disse que na universidade da Alemanha eles usavam Linux para PC e se me lembro bem, Solaris, para uma aplicação que desconheço.

[10] Comentário enviado por pablocarlos em 17/01/2005 - 23:10h

É isso aí, parece muito com a minha história no Linux, só que conheci o sistema num curso de ruindows no SENAC, lá meu professor me mostrou o Linux rodando num servidor, daí fiquei curioso e daí pra frente é só paixão pelo Tux ! Aprendendo a cada dia, larguei o ruindows de vez em cerca de 2 meses, hoje não largo o Linux pra nada.
Quanto ao trecho "Se vocês não tivessem conhecido o Windows, só o Linux, aposto que nunca achariam complicado!", concordo plenamente !!! É por isso que devemos atrair a cada dia mais novos usuários para o Linux, e ir passando nosso estilo de vida para as gerações futuras !!

Linux na veia dos irmão !!

[11] Comentário enviado por fernandoamador em 19/01/2005 - 04:20h

Bom!

[12] Comentário enviado por Slug White em 28/01/2005 - 15:40h

Caramba acho que vou chorar, buááááá, uso linux desde 1995 com o primeiro conectiva, hoje vendo tanta gente usar fico muito feliz.
Só fico triste pois nesses anos todos nunca consegui fazer ninguém usar linux, acho que a Mico-soft fez lavagem cerebral na população mundial.
Mas é isso ai...
Vou tentar tb:

Vc está ficando com sono, seu olhos está fechando, vc é apaixonado por linux e quando eu contar até 3 vou vai esquecer o Windows. puf.


Linux, linux, linux...

[13] Comentário enviado por omega_indigo em 11/05/2005 - 18:36h

è galera, como ja comentaram aqui, quem sobrevive um mes con Linux, nao quer saber de Windows. Embora eu to tendo dificuldade com o Linux, mas acredito que vou conseguir dominar o danado.

[14] Comentário enviado por cardosoalcir em 28/05/2005 - 10:21h

Conheci o Linux com uma amigo aqui do vol (midnight), dops aqui na empresa montei um suse pra mim, e a partir dai comprei uma briga la em casa, eu instalalei suse e minha familia so sabe Win, mas o piór é que nem tentam aprender o Linux, e dops pra usuário que vai ler email e navegar o kde esta ai pra isto.
Aqui mais um soldado nesta guerra a favor do linux!

[15] Comentário enviado por freakcode em 19/11/2005 - 21:27h

besteira. se a pessoa quer usar windows, deixa ela usar oras,,,
esse tipo de atitude só atrapalha a visão que se tem do Linux e seu "usuários pentelhos".

você que gosta do software livre: lembre-se que não existe atitude mais livre do que deixar as pessoas escolherem seus softwares, antes de tudo.

pensem nisso.

[16] Comentário enviado por maikinhuus em 05/04/2007 - 12:25h

boa freakcode, tbm penso assim.
mas não há nada de+ de nós falarmos de linux para as outras pessoas =D. Mas isso não que dizer que devamos pentelhar os usuários de Ruindows!!!
Muitas pessoas metem o pau no linux mesmo sem saber como funciona e nem ter mechido nele, não custa nada dar aquele "empurrãozinho", emprestando um live-cd, etc.
Mas devemos sempre lembrar que a maior liberdade é a livre escolha, e tipo, agente tem q lembrar q o melhor software é aquele com o qual vc se melhor se adapta.

abraços.

[17] Comentário enviado por removido em 30/01/2008 - 16:37h

eu também defendo minha distro com unhas e dentes. Que mané ruindows nada o negócio é SL.

um forte abraço a todos


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts