Linguagem C - O primeiro programa

O primeiro artigo de uma série sobre Linguagem C. De um "printf", até alocação dinâmica de memória ou GTK+ (interface gráfica).

[ Hits: 77.528 ]

Por: Matheus Brito em 21/04/2014


Ferramentas / Hello World! / Compilação



As ferramentas

Mas, espera aí, e as ferramentas?

Para digitar os códigos, você pode usar qualquer editor de textos, particularmente, gosto do Vim, mas, use um de sua preferência. Para compilarmos, usaremos o GCC, que acompanha toda distribuição GNU/Linux.

Mas, se você preferir, pode usar uma IDE. Recomendo o Code::Blocks.

Comandos de compilação do GCC

Darei alguns exemplos sobre como compilar com o GCC.

Você terá que abrir o terminal. Digamos que você tenha um arquivo chamado teste.c, para compilarmos, usaríamos o comando:

gcc teste.c -o teste

No comando acima, primeiramente, chamamos o GCC, depois dizemos o nome do arquivo (teste.c), usamos o parâmetro -o para podermos dar um nome ao programa que será criado e depos, chamamos ele de teste.

Nós poderíamos usar apenas assim, o comando:

gcc teste.c

E ele resultaria em um arquivo com o nome a.out, por isso, é bom usar o parâmetro -o, para podermos escolher o nome do arquivo resultante.

Um outro modo de usar o primeiro comando mostrado, é:

gcc -o teste teste.c

Mas, nele colocaríamos o parâmetro -o logo em seguida do gcc e teríamos que dar o nome do programa a ser criado antes do nome do arquivo .c.

Para executar o programa é fácil, é só digitar ./ e o nome do programa. No nosso exemplo, só seria rodar o comando:

./teste

Esse é o básico para podermos começar a fazer rodar nossos programas.

Dando um "Hello World!"

Antes de mais nada, lembre-se de sempre salvar os arquivos com a extensão .c, para ver os comandos com cores e indentação, assim, visualizando nitidamente o código.

Recomendo criar uma pasta separada para armazenar os arquivos. Eu peço que você digite os códigos apresentados nos artigos, e não apenas copie e cole, para uma melhor compreensão do código, e assim, você aprenderá de uma maneira melhor.

Abra seu editor de textos predileto e digite o seguinte código, o tão famoso "Hello World!":

#include <stdio.h>

int main (void)
{
  printf("Hello World\n");
return 0;
}

Agora, vamos "destrinchar" esse código:
  • #include <stdio.h> :: O comando #include serve para chamar bibliotecas de funções para o nosso programa. A biblioteca deve ser colocada entre <> e a extensão delas é .h. A biblioteca <stdio.h>, é a biblioteca de entrada e saída de dados padrão. Precisamos dela para usar o comando printf("");, que falaremos mais a frente.
  • int main(void) :: Não vou falar muito sobre essa parte, falaremos a fundo sobre isso na parte de funções. Por enquanto, vamos tratar que essa é a função principal, é onde o programa começa, e sempre ele começa e termina com chaves { }. Ele sempre existirá em nossos programas.
  • printf("Hello World\n"); :: A função printf (sintaxe ou modo de uso é: printf("");), é uma função que faz parte da biblioteca stdio e faz, nada mais, nada menos, que colocar uma mensagem na tela, no caso "Hello World". Os caracteres \n é equivalente ao ENTER do teclado (explicarei isso mais tarde, na parte de strings).
  • Perceba que o último comando foi terminado com ; (ponto e vírgula)? A maioria deles vão ser assim, outros não, mas você verá.
  • return 0; :: Falarei dele na parte de funções, mas, por enquanto, trate ele como o comando para sair do programa, e ele também sempre terá em nossos programas.

Hora da compilação

Salve o arquivo com o nome de p1.c (ou com qualquer nome que você quiser). Abra o terminal, vá até a pasta onde está o arquivo com o comando:

cd nome_da_pasta

E compile usando o comando:

gcc p1.c -o p1

Execute com o comando:

./p1

E veja o resultado, um "Hello World" no seu console (terminal).

Parabéns, esse é o seu primeiro programa na Linguagem C.

Conclusão

Eu aprendi Linguagem C através desses links abaixo, então, eles serão de grande utilidade a vocês:

De aluno para aluno (aqui também há aulas de Java):
C Progressivo (eles também tem outros sites sobre outras linguagens):
Espero que vocês tenham gostado desse artigo.

No próximo, falarei sobre variáveis.

Qualquer dúvida, deixe um comentário. Até mais!

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Ferramentas / Hello World! / Compilação
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Estudo de ponteiros para GNU/Linux

Inteiros e Strings na linguagem C

Introdução à linguagem C - Parte II

O ? Alternativo em C/C++

Operadores com a linguagem C

  
Comentários
[1] Comentário enviado por alexffox em 21/04/2014 - 13:57h

Primeiro de tudo Parabéns pela sua iniciativa de dilvugar de forma fácil algo tão interessante e importante como a Linguagem C
esteja certo que vou acompanhar até o fim !

[2] Comentário enviado por Kirito em 21/04/2014 - 16:13h

Muito obrigado pelo comentário e elogio!!

[3] Comentário enviado por mspaint em 21/04/2014 - 16:48h

Cara, estou em um projeto de um "programinha" de finanças pra uso pessoal(não achei um que se ajuste as minhas necessidades que são simples), e estava estudando como trabalhar com interfaces gráficas pois o programa será escrito em C, porém prentendia desenvolver em console mesmo. Vou aproveitar minhas férias e acompanhar seus artigos se houver interfaces gráficas ficarei muito grato.

[4] Comentário enviado por moisespedro em 22/04/2014 - 15:12h

Vou acompanhar todos os artigos e, além disso, vou ler o livro original. Dizem que da pra aprender tudo nele.

http://freecomputerbooks.com/The-C-Programming-Language.html

[5] Comentário enviado por alexffox em 22/04/2014 - 17:00h

obrigado pela dica do livro!
conhece livros tão bons assim em português ?

[6] Comentário enviado por rudregues em 22/04/2014 - 22:17h


[4] Comentário enviado por moisespedro em 22/04/2014 - 15:12h:

Vou acompanhar todos os artigos e, além disso, vou ler o livro original. Dizem que da pra aprender tudo nele.

http://freecomputerbooks.com/The-C-Programming-Language.html


Lembrando que este livro não é recomandado a iniciantes. Motivo eu não sei, mas sempre vejo essa ressalva....

[7] Comentário enviado por MAPOGOS em 22/04/2014 - 23:30h

Muito interessante este artigo;
aquel programa MPlab deverei usar um apt-get install MPlab para começar no caso a fazer alguns programinhas.
Como prom exemplo um semáforo?
Quais CI deveria usar e deveria instalar este MPlab?
Obrigado.

[8] Comentário enviado por Kirito em 23/04/2014 - 15:11h


[3] Comentário enviado por mspaint em 21/04/2014 - 16:48h:

Cara, estou em um projeto de um "programinha" de finanças pra uso pessoal(não achei um que se ajuste as minhas necessidades que são simples), e estava estudando como trabalhar com interfaces gráficas pois o programa será escrito em C, porém prentendia desenvolver em console mesmo. Vou aproveitar minhas férias e acompanhar seus artigos se houver interfaces gráficas ficarei muito grato.


Haverá tutoriais sobre GTK sim, muito obrigado por acompanhar!

[9] Comentário enviado por Kirito em 23/04/2014 - 15:12h


[4] Comentário enviado por moisespedro em 22/04/2014 - 15:12h:

Vou acompanhar todos os artigos e, além disso, vou ler o livro original. Dizem que da pra aprender tudo nele.

http://freecomputerbooks.com/The-C-Programming-Language.html


Obrigado por acompanhar!! E boa dica, vou começar a ler!

[10] Comentário enviado por Kirito em 23/04/2014 - 15:13h


[7] Comentário enviado por TecDogged em 22/04/2014 - 23:30h:

Muito interessante este artigo;
aquel programa MPlab deverei usar um apt-get install MPlab para começar no caso a fazer alguns programinhas.
Como prom exemplo um semáforo?
Quais CI deveria usar e deveria instalar este MPlab?
Obrigado.


Desculpe, MPlab ?

[11] Comentário enviado por cromado em 23/04/2014 - 22:00h

Tenho o livro "C completo e Total" novinho, quase não usei. sem anotações e nada, perfeito.
Quem quiser comprar, só chamar.

Jabazinho de leve ;).

[12] Comentário enviado por gokernel em 23/04/2014 - 22:00h

Só contribuindo:

Seria bom estimular uma compilação básica com ( -Wall ) para ativar as mensagens de perigo:
------------------------------------
gcc programa.c -o programa -Wall
------------------------------------

Usando essa opção acima, informaria de variáveis não usadas ou informaria outras dicas...

Foi só uma dica que sempre uso.

Abraço !

[13] Comentário enviado por Kirito em 24/04/2014 - 13:44h


[12] Comentário enviado por gokernel em 23/04/2014 - 22:00h:

Só contribuindo:

Seria bom estimular uma compilação básica com ( -Wall ) para ativar as mensagens de perigo:
------------------------------------
gcc programa.c -o programa -Wall
------------------------------------

Usando essa opção acima, informaria de variáveis não usadas ou informaria outras dicas...

Foi só uma dica que sempre uso.

Abraço !


Boa, vou começar á usar nos próximos artigos, obrigado pela contribuição!

[14] Comentário enviado por edersonhonorato em 29/04/2014 - 12:21h

Parabéns pela iniciativa!!!
Espero que mantenha o compromisso de chegar até GTK+ com uma linguagem simples para maior entendimento do pessoal.

Abraços

[15] Comentário enviado por victoride em 29/04/2014 - 14:57h

Muito bom o artigo! Linguagem essencial para todo programador. Acompanharei com certeza!

Abraços!

[16] Comentário enviado por Kirito em 30/04/2014 - 09:37h


[14] Comentário enviado por edersonhonorato em 29/04/2014 - 12:21h:

Parabéns pela iniciativa!!!
Espero que mantenha o compromisso de chegar até GTK+ com uma linguagem simples para maior entendimento do pessoal.

Abraços


Muito obrigado pelo elogio, e pretendo sim, fazer artigos sobre GTK+

[17] Comentário enviado por Kirito em 30/04/2014 - 09:38h


[15] Comentário enviado por victoride em 29/04/2014 - 14:57h:

Muito bom o artigo! Linguagem essencial para todo programador. Acompanharei com certeza!

Abraços!


Obrigado pelo elogio e muito obrigado por acompanhar!!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts