Instalando o Kurumin 7 e outros em um pendrive

Esse artigo visa ensinar a instalação do Kurumin/Knoppix e com algumas alterações qualquer outra distro liveCD em um pendrive de 1 ou 2 GB. Feito com base em experiência própria, usando como base um artigo de Carlos E. Morimoto publicado no Guia do Hardware em 11/08/2005 com alterações em 15/02/2007.

[ Hits: 83.523 ]

Por: Gabriel Hidasy Rezende em 06/03/2008


Considerações finais



O maior empecilho a usar o Linux a partir de um pendrive é a velocidade, que não é exatamente o problema em portas USB 2.0 com pendrives de boa qualidade, mas o sistema será muito lento de se utilizar em um pendrive USB 1.0 ou em uma máquina fotográfica ou palm com card reader, onde a velocidade dificilmente alcança 1MB/s. Outro problema é o espaço, mas é um problema que diminui conforme surgem pendrives maiores.

Outro grande problema é que muitas BIOS antigas até dão a opção de bootar pelo pendrive, mas engasgam na hora, na do Morimoto (Asus A7N8X-X) só funcionou com o APIC ativado, mesmo ele não tendo nada a ver com isso, na minha (Asus K8V-X SE) ele só da boot se você aperta f8, que abre um menu da BIOS perguntando qual dispositivo usar (muito prático esse menu, na verdade ótimo pra largar o pendrive ou um cd bootável, mas só usar quando quiser sem ter que abrir o setup).

Alguns usuários podem dizer que o texto é uma cópia de um artigo do Guia do Hardware, bem, não é uma cópia, tentei tornar ele mais simples e inclui observações que tive enquanto testava os passos, quem quiser ver o artigo original está em:
E achei interessante trazer ele para o Viva o Linux, pois no Guia do Hardware ele tem menos visibilidade (em meio a tantos artigos, poucos vão ler todas as páginas até achar ele).

Testei o artigo com o Kurumin, o Knoppix e o Kanotix e funcionou perfeitamente, o Ubuntu ficou meio lento, mas também e utilizável.

Algumas pessoas podem vir a argumentar que o Kurumin já foi descontinuado, mas pensem bem, é baseado no Debian e usa pacotes dele, só vai ficar desatualizado quando o Debian mudar e parar de suportar a versão Etch, por um bom período o Kurumin vei se manter atual.

Viva o Linux e a Liberdade!

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Preparando o ambiente
   2. Copiando os arquivos
   3. Grub
   4. Usando as imagens union e home
   5. Considerações finais
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Adicione vídeos como papel de parede no seu Linux

Rancher - Painel para Docker

Teste de distribuições GNU/Linux em pendrive

Resumo do documentário Revolution OS

Leve introdução às linguagens de programação

  
Comentários
[1] Comentário enviado por juliaojunior em 06/03/2008 - 12:54h

Muito bom!!!! Vai para o favoritos :)

[2] Comentário enviado por JhoniVieceli em 06/03/2008 - 17:04h

Boa tbm foi para os favoritos

parabens

[3] Comentário enviado por mcnd2 em 06/03/2008 - 21:46h

Cara.

Meu pendriver (mp3) é montado automáticamente em /media/disk.
Quando executo o comando "sudo fdisk /media/disk" retorna o seguinte: Disco aberto somente para leitura - você não tem permissão para gravar.

Como devo proceder para formatar o pendrive e criar nova partição.

MP3 de 1 Gb.

Desde já agradeço

[4] Comentário enviado por gabriel_h em 07/03/2008 - 13:10h

desmonta o pendrive
umount /media/disk
e faça o particionamento e formatação do seu mp3, depois e o desplugar e plugar denovo que ele vai ser montada em /media/disk e /media/disk1

[5] Comentário enviado por pfras em 08/03/2008 - 12:16h

Muito boa a dica, mas fiz tudo certinho, o sistema deu boot pelo pen e apesar e ter indicado no grub onde achar a imagem continua tentando achar a imagem no hd ou no cd. que deve fazer?

[6] Comentário enviado por gabriel_h em 08/03/2008 - 19:39h

acho que você errou no menu.lst, tem certeza que colocou root (hd0,1), porque o grub sempre detecta o dispositivo em que ele esta instalado como (hd0)

[7] Comentário enviado por silvioadl em 10/03/2008 - 11:26h

Muito bom seu artigo, parabens!

[8] Comentário enviado por J.schall em 10/03/2008 - 20:08h

Gostei muito do artigo, é muito bom para manutenção. Vai pro meus favoritos. Parabéns.

[9] Comentário enviado por removido em 15/03/2008 - 19:13h

ok mas se a pendrive for de apenas 2gb o processo é o mesmo???

[10] Comentário enviado por removido em 15/03/2008 - 19:15h

Gostei muito do artigo, é muito bom para manutenção. Vai com certeza pro meus favoritos. Parabéns. e continuem colaborando com esta seção!!

[11] Comentário enviado por gabriel_h em 24/03/2008 - 14:08h

e o mesmo procedimento para fazer um pendrives de qualquer tamanho a partir de 1GB


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts