Instalação LTSP5 no Ubuntu 10.04 Lucid

Instalação do LTSP5 no Ubuntu 10.04, fazendo por etapas de configuração de cada programa e criação do ambiente do LTSP, pra terminais que vão utilizar.

[ Hits: 40.651 ]

Por: Avena em 30/03/2011 | Blog: https://www.idsorocaba.tk


Instalando pacotes e configurando interface de rede.



Sobre o LTSP: http://pt.wikipedia.org/wiki/LTSP

Linux Terminal Server Project (ou somente LTSP) é um projeto baseado em Linux que agrupa várias ferramentas e protocolos, com a finalidade de proporcionar um ambiente de trabalho remoto. Todo o software é corrido no servidor, e os terminais servem apenas de interface entre o utilizador e as aplicações - os poucos ciclos de processamento gastos são para enviar os dados da placa de rede à placa gráfica. Com efeito, é possível ter vários clientes com hardware antigo (eg. Pentium a 90Mhz, com 16MB de RAM e placa gráfica de 2MB) a ter um desempenho equivalente ao do servidor (que poderia ser um Pentium 4 a 3GB com 1GB RAM e placa gráfica de 2MB).

O LTSP4.2 no Debian Squeeze

Sobre: Mostrando com o VirtualBox e Etherboot, como seria o boot de terminal usando o LTSP4.2 instalado no Debian Squeeze.

Instalando pacotes

Para o funcionamento do LTSP, é preciso instalar alguns programas, vamos a eles:

# apt-get install dhcp3-server debconf-utils debootstrap ldm-server ltsp-server ltspfs nbd-server openbsd-inetd squashfs-tools tftpd-hpa xbase-clients

Além destes pacotes possível instalar o ltsp-server-standalone, com ele vem uma configuração de dhcp-server, que vai estar localizada em /etc/ltsp/dhcpd.conf.

Configuração de interface de rede



O servidor deve ter duas placas de rede, vamos usar aqui no exemplo a eth1 com ip 192.168.20.1 para o LTSP.

Para isso vamos abrir o:

# nano /etc/network/interfaces

E colocar a seguinte configuração na eth1:

auto eth1
iface eth1 inet static
        address   192.168.30.1
        netmask   255.255.255.0
        network   192.168.30.0
        broadcast 192.168.30.255

Depois executar:

# /etc/init.d/networking restart

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalando pacotes e configurando interface de rede.
   2. Configuração do DHCP3-Server
   3. Configuração do TFTPD-HPA e NBD-SERVER
   4. Configurações extras, verificar se está rodando e sistema de boot gPXE
   5. Extras - vídeos da instalação
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Atualização do PJeOffice via Terminal no Ubuntu 19.04

GPT - Guid Partition Table

Restrição de acesso a diretórios pelo Apache

Modem HSP 56 MR no Fedora Core 1

DNS e DNS reverso rapidamente no Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por julio_hoffimann em 30/03/2011 - 19:25h

Muito bom Avena!

Há um tempo atrás, meu grupo de trabalho pensou em implantar o LSTP em um laboratório. A idéia não seguiu adiante, mas cheguei a pesquisar um pouco sobre o projeto. O seu tutorial ajuda bastante. Lembrarei dele se a necessidade de implantação surgir novamente.

Abraço!

[2] Comentário enviado por removido em 30/03/2011 - 19:47h

Legal cara. Muito bom !

Abraço.

[3] Comentário enviado por drc em 01/04/2011 - 09:05h

Taí um artigo muito útil pra mim
Flw pela explicação fera.

[4] Comentário enviado por alexfapa em 27/04/2011 - 15:39h

Amigo avena, sou leigo no assunto, mais acho que estou começando a entender e gostaria de saber se só é possível instalar o LTSP em um servidor com 2 placas. E outra coisa que eu estou tentando entender são os números para:
address
netmask
network
broadcas

gostaria de saber o q eles representam e se eu devo colocar os mesmos números ou deve ser de acordo com o pc que vou utilizar como servidor?

[5] Comentário enviado por MateusAragao em 20/03/2012 - 10:24h

olá Avena! amigo, esse procedimento ainda está valendo para essa versão do ubuntu? to tentando mais só libera a imagem pra no maximo 2 terminais, e fica muito lento o processo de login.... o que será q tá acontecendo? pior q os thin clients q tenho aqui não aceitam a versão 10.10... tem algum outro procedimento pra configurar o ltsp ou solução pra esse problema?
desde já, obrigado.


Contribuir com comentário