Converter uma distribuição Linux para rodar no coLinux

Saiba como converter a sua distribuição favorita em uma distribuição para executar no coLinux.

[ Hits: 15.396 ]

Por: João Pinto Neto em 23/07/2006 | Blog: http://joaopintoneto.com/


Iniciando o instalador



qemu -L .\bios -m 128 -hda debian.img -cdrom inst_debian.iso -boot d -localtime

A partir daqui faça a instalação normal da distro e quando terminar feche o Qemu.

Acertando a imagem para rodar no coLinux:

dd if=debian.img of=colinux_debian bs=512 skip=63

Depois deste comando não apague a imagem debian.img ainda, ela servirá de backup caso você faça algo errado, deixe para apagar depois de todos os passos.

Finalizando


Montando a imagem no coLinux:

Agora iremos montar a imagem para criar os arquivos de dispositivos necessários para montar as imagens do coLinux. Abra o arquivo de configuração para incluir a imagem da sua distro e inclua a seguinte linha alterando com a localização correta da sua imagem:

<block_device index="2" path="DosDevicesc:coLinuximagescolinux_debian" enabled="true" />

Montando a imagem:

Inicie o coLinux, crie o diretório /mnt/tmp e monte a unidade em /mnt/tmp:

# mkdir /mnt/tmp
# mount -t ext3 /dev/cobd2 /mnt/tmp


Se tudo correr bem e sua imagem montar, crie os dispositivos com o comando:

# for i in 0 1 2 3 4 5 6 7
do
mknod /mnt/tmp/dev/cobd$i b 117 $i
done


Copie os módulos do coLinux para a nova imagem:

# cp -R /lib/modules/2.6.11-co-0.6.3 /mnt/tmp/lib/modules/2.6.11-co-0.6.3

Por último, finalize o coLinux e altere novamente o arquivo de configuração, adequando para a nova imagem:

<block_device index="0" path="DosDevicesc:coLinuximagescolinux_debian" enabled="true" />

Está pronto, agora inicie sua nova distro.

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Iniciando o instalador
Outros artigos deste autor

coLinux - Linux dentro do Windows

Leitura recomendada

Permissão de Execução de Arquivo (Script ou Binário) no GNU/Linux - Elementos Básicos para Compreensão

Configuração da rede no Conectiva 10

Habilitando DDNS com BIND e DHCP remoto

zsh (Z shell) - Uma alternativa ao bash

Configurando um servidor de DNS

  
Comentários
[1] Comentário enviado por andrack em 23/07/2006 - 18:35h

O que é coLinux?


[2] Comentário enviado por removido em 23/07/2006 - 20:00h

"O Cooperative Linux (coLinux) é um sistema Open Source que permite executar o Linux sobre o MS Windows nativamente. Diferentemente do Cygwin, o coLinux é um porte do kernel do Linux que é executado cooperativamente com o MS Windows (2000 ou XP). Além disto, o coLinux dispensa o uso de softwares comerciais como o VMware. Uma vez em execução, o coLinux assume o seu próprio endereço IP e funciona como uma máquina na rede. Com isto, outras máquinas podem acessar serviços executados no coLinux (p.e., o PostgreSQL, o CVS, o Apache, o ssh, etc)."

Se o nobre colega Andrack tivesse feito um pesquisinha teria descoberto... ;-)

Veja abaixo:
http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=2358

[3] Comentário enviado por andrack em 24/07/2006 - 00:08h

Olá amigo acvsilva!

Bom... eu odeio flames, nas o artigo do nosso colega, nem ao menos citou o
que viria a ser o tal de coLinux. Eu fiz a pergunta, apenas para servir como
uma crítica construtiva para o nosso amigo "toad".

Claro! Eu sei muito bem usar o Google.... :-)

Abraços...

[4] Comentário enviado por fernoliv em 24/07/2006 - 06:58h

Opa pessoal!

Realmente, se a idéia do artigo é propagar conhecimento (ainda mais quando se trata de assuntos/softwares menos abrodados), o ideal é que seja explicado ou pelo menos comentado algo sobre os ítens que compõem o mesmo e que são de vital importância para o bom entendimento e melhor difusão das ferramentas empregadas.

Mas no geral, o artigo está bom.

Temos que ter em mente que este site é visitado por pessoas de diversos níveis de conhecimento, e que nem todos podem assimilar prontamente a que o artigo refere-se.

Abraço, Fernando.

[5] Comentário enviado por pistosbo em 24/07/2006 - 08:14h

Apesar de conhecimento ser livre; deveriam filtrar melhor os artigos
por que esse não tem conteudo nenhum !!!

[6] Comentário enviado por supradados em 24/07/2006 - 18:20h

Quando executei o comando, sob windows 2000,
dd if=\.C: of=debian.img bs=1024000 count=4096 deu erro:

dd: \.C:: Invalid argument

[7] Comentário enviado por toad em 30/07/2006 - 13:49h

superdados
o utilitario "dd" pra windows vem no pacote unxutils, descompacta esse pacote de utilitarios em uma pasta e coloque o path dessa pasta vc pode digitar no prompt:
set PATH=%PATH%;C:\unxutils
troque "C:\unxutils" pela pasta que vc descompactou os utilitarios unxutils para que o prompt reconheca o comando "dd"
[]'s

[8] Comentário enviado por =-igor-= em 08/02/2007 - 17:10h

muito bom

[9] Comentário enviado por kernelzinhu em 16/03/2007 - 15:30h

Não funciona...
DD já instalado, no PATH correto...

D:\coLinux>set PATH=C:\unxutils\usr\local\wbin

D:\coLinux>dd if=\.C: of=debian.img bs=1024000 count=4096
dd: \.C:: Invalid argument

D:\coLinux>dd if=\.D: of=debian.img bs=1024000 count=4096
dd: \.D:: Invalid argument

No linux eu sei que seria
dd if=/dev/zero of=debian.img bs=1024000 count=4096


=========[EDITADO]=============
É assim:
D:\coLinux>dd if=\\.\C: of=debian.img bs=1024000 count=4096


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts