Clonagem de HDs com o PHANTOM & UDPCAST no CentOS

Este artigo mostra como implementar um servidor de imagens de sistemas operacionais através do boot da placa de rede.

[ Hits: 43.967 ]

Por: evandro matos couto em 22/02/2010


o que é Phantom e Udpcast



Phantom

Devido a necessidade de restauração rápida de sistemas e à diversidade de configurações diferentes, foi necessário a criação de um sistema que fosse capaz de armazenar as imagens dos sistemas operacionais em um único servidor. Nasce então o Phantom, um sistema de apenas 14MB feito por Djames Suhanko.

Este sistema é capaz de carregar seus arquivos via boot da rede através de um servidor DHCP. Baseado no Kurumin 6, ao boot da rede, primeiramente é feito um diagnóstico:
  • Verifica se a placa de rede existe e se tem IP;
  • Verifica se o HD está como master primário;
  • Abre um informativo antes do menu principal;
  • Abre o menu principal;
  • Carrega o software Partimage.

Download do Phantom:

Udpcast

Udpcast é uma ferramenta de transferência de arquivo que pode enviar dados simultaneamente para diversos destinos em uma LAN. A vantagem de Udpcast sobre outros métodos (nfs, ftp, whatever) é que Udpcast usa habilidades multicast da Ethernet.

Download do Udpcast:

Atualizando o repositório do yum.repo.d

Em primeiro lugar é necessário que tenhamos um servidor com o seu repositório atualizado. Vamos então à sua configuração:

# cd /etc/yum.repo.d/
# vim rpm-forge.repo
Insira o conteúdo abaixo:

[rpmforge]
name = Red Hat Enterprise $releasever – RPMforge.net – dag
mirrorlist = http://apt.sw.be/redhat/el5/en/mirrors-rpmforge
enabled = 1
protect = 0
gpgkey = file:///etc/pki/rpm-gpg/RPM-GPG-KEY-rpmforge-dag
gpgcheck = 0

Salve o arquivo rpm-forge.repo e crie o arquivo repo-novo.repo.
Insira o conteúdo abaixo:

[kagesenshi]
name=KageSenshi Package Repository
baseurl=http://devel.foss.org.my/~kagesenshi/repo/pub/$basearch/
enabled=0
gpgcheck=0

[pbone.net]
name=Centos-$releasever
baseurl=ftp://ftp.pbone.net/mirror/ftp.centos.org/$releasever/os/$basearch/
gpgkey=ftp://ftp.pbone.net/mirror/ftp.centos.org/$releaserver/os/$basearch/RPM-GPG-KEY-CentOS-5
gpgcheck=0
enable=1

[doylenet]
name=Doylenet custom repository for CentOS
baseurl=http://files.doylenet.net/linux/yum/centos/5/i386/doylenet/
gpgcheck=1
gpgkey=http://files.doylenet.net/linux/yum/centos/RPM-GPG-KEY-rdoyle
enabled=1

Salve o arquivo repo-novo.repo e crie o arquivo mirrors-rpmforge.
Insira o conteúdo abaixo:

http://apt.sw.be/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://archive.cs.uu.nl/mirror/dag.wieers/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://ftp2.lcpe.uni-sofia.bg/freshrpms/pub/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

#http://ftp.heanet.ie/pub/freshrpms/pub/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://ftp-stud.fht-esslingen.de/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://mirror.cpsc.ucalgary.ca/mirror/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://mirrors.ircam.fr/pub/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://rh-mirror.linux.iastate.edu/pub/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://rpmfind.net/linux/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://wftp.tu-chemnitz.de/pub/linux/dag/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://www.mirrorservice.org/sites/apt.sw.be/redhat/el5/en/$ARCH/dag

http://apt.sw.be/redhat/el5/en/i386/RPMS.dag/rpmforge-release-0.3.6-1.el5.rf.i386.rpm

http://svn.rpmforge.net/svn/trunk/rpms/syslinux/syslinux-test.spec

Com os arquivos criados, é preciso executar os comandos abaixo:

# yum clean all
# yum update
    Próxima página

Páginas do artigo
   1. o que é Phantom e Udpcast
   2. Instalando os pacotes necessários para o servidor
   3. Fazendo o download do Udpcast e do Phantom
   4. Copiando e editando os arquivos necessários para o /tftpboot
   5. Finalizando as configurações do servidor
Outros artigos deste autor

Docker Linux Container - Open vSwitch Containers - Múltiplos Servidores

Nagios 4 com Check_MK 1.2.5i3 no CentOS 6.5 x64

CentOS 5.8 - MySQL Cluster 7.1 + HAProxy

HAproxy + Stunnel (https) + CentOS 6

Quota - Criando e administrando no CentOS

Leitura recomendada

Execução automática de comandos na inicialização do modo gráfico

Instalando Apache 2.2 com múltiplos sites no OpenSuSE 10.2

Configurando o DNS - BIND9

Faça backup do MySQL e envie para seu e-mail

Como configurar o MySQL no Slackware

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Lima2008 em 22/02/2010 - 21:17h

Veio no momento exato, a uma semana venho pensando em implantar algo assim na empresa, vou testar em uma maquina virtual assim que sobrar algum tempo

Valeu pelo artigo.

[2] Comentário enviado por marcio.itpro em 24/02/2010 - 22:55h

Pra isso as placas de rede dos computadores que vou querer criar imagem tem que ter pxe certo?

[3] Comentário enviado por vandocouto em 24/02/2010 - 23:27h

no momento do boot pela placa de rede, automaticamente o pxe será carregado.

[4] Comentário enviado por doomk em 26/02/2010 - 13:33h

muito bom! segui o tutorial e funfou de prima! vai ajudar muito aqui na empresa.

abraço.

[5] Comentário enviado por Lima2008 em 28/02/2010 - 21:33h

Testei no Debian Lenny e funcionou corretamente, agora vou acrescentar algumas ferramentas a mais, já inclui o clonezilla, mentest e freedos. Está excelente a ferramenta.

[6] Comentário enviado por vinicius@raujo em 23/04/2010 - 14:49h

Muito Bom !

Fiz algo parecido com isso utilizando o fedora com servidor samba ,e tftp. So que no gerenciador de boot não aparecia a imagem do linux ( era tudo em modo texto).
Mas a imagem do phantom era carregada com sucesso!
O problema é que com HDs Sata não tava funcionando! Com HD IDE ta beleza!
Ai mandei um email para o Djames: é respondeu dizendo a a nova versão (vesao 1.0) do phantom sairia em dezembro de 2009 ,mas nada!
A versão 0.9.9.9 continua sendo a mais atual! Pra mim no phantom so ta faltando um serviço de acesso remoto ! ( Assim que tiver com tempo sobrando vou tentar adicionar um vnc)

[7] Comentário enviado por bruno.santinato em 28/04/2014 - 11:43h

Pessoal,

Configurei tudo certo, conforme manda o tutorial, muito bom o serviço do UDPCast e Phantom, ví funcionando uma vez apenas, mas quando fui fazer essa configuração, as maquinas cliente quando estão fazendo o boot, encontram o servidor de imagens, porém, nao encontram o diretório das imagens iso onde estao para fazer o boot via PXE.
Alguem pode me ajudar?
Meu email atual é bruno.santinato@gmail.com e bruno_santinato@yahoo.com.br

Aguardo retorno


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts