Apollon no Conectiva Linux 10

Este artigo é destinado para as pessoas que nunca conseguiram instalar o Apollon no Conectiva Linux 10. Para quem não sabe, Apollon é um cliente P2P que trabalha em conjunto com o giFT e que pode acessar a mesma rede de compartilhamento de arquivos que o Kazaa acessa.

[ Hits: 16.997 ]

Por: Perfil removido em 03/06/2005


Introdução



Olá pinguinzada! Abaixo segue meu primeiro artigo descrevendo a instalação de um cliente P2P para acessar a rede Kazaa no Conectiva Linux 10. Afinal, como a rede Kazaa é o P2P mais utilizado no mundo atualmente, é mais fácil de achar principalmente músicas nacionais. Vamos lá e mão à obra!

Iremos instalar o Apollon, que é uma interface gráfica para o giFT e seus plug-ins.

Primeiramente irei informar que qualquer pacote RPM do SuSE 9.0 e 9.1 é totalmente compatível com o Conectiva 10, coisa que não acontece com os pacotes do Mandrake e alguns pacotes da RedHat e Fedora.

Então já sacou a solução né?? Depois de penar atrás de pacotes RPM do giFT para Conectiva e não achar ou então tentar compilar o fonte e encher de erros, irei descrever como instalar nosso cliente P2P com os pacotes do SuSE 9.0 ou 9.1, resolvendo suas dependências.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Download
   3. Instalando e rodando
Outros artigos deste autor

Deface: A arte de desconfigurar sites

Regulamentação das profissões na área de informática

Chkrootkit - Como determinar se o sistema está infectado com rootkit

Trabalhos gráficos no Biglinux

Configurando o aMSN para Lan House e/ou Cyber Café

Leitura recomendada

Configuração básica de rede + proxy Linux

Balanceamento de carga e alta disponibilidade com Bonding Driver e Iproute2

Monitoramento de MSN com imsniff

Interoperabilidade monitorando servidores e estações Windows com servidor Linux usando MRTG

Configurando roteador Linux com Velox

  
Comentários
[1] Comentário enviado por hra em 04/06/2005 - 10:59h

Bom artigo, focado na solução.

Eu particularmente prefiro a rede eMule/aMule/ed2k, mas o fasttrack ainda é muito bom.

O gIFT, que é quem faz o milagre do acesso ao fasttrack pelo linux, ainda não tem suporte a rede ed2k e talvez nunca venha a ter, mas a idéia de juntar as redes do eMule e fasttrack numa mesma interface é bem interessante.

Até lá vamos usando a multiplicidade de opções, que indubitavelmente é saudável para o linux.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts