Apache, PHP, MariaDB e PhpMyAdmin no Fedora 27

Este artigo pretende demostrar a instalação e configuração, passo a passo, de um ambiente de desenvolvimento PHP no Fedora 27 utilizando o Apache, MariaDB e PhpMyAdmin.

[ Hits: 16.896 ]

Por: Antonio Marcos Pereira em 19/01/2018


Instalação do MariaDB



Para realizar a instalação do MariaDB (conheça mais sobre o MariaDB em mariadb.org), execute o seguinte comando:

# dnf install mariadb-server -y

Em seguida, inicie o MariaDB:

# systemctl start mariadb.service

Caso queira habilitar para que ele inicie junto com o sistema operacional, digite:

# systemctl enable mariadb.service

Por padrão, é necessário habilitar a senha de root do MariaDB, para isso execute o seguinte comando:

# mysql_secure_installation

Com isso, deverá haver o seguinte retorno (fique atento às configurações após a inserção da nova senha):

NOTE: RUNNING ALL PARTS OF THIS SCRIPT IS RECOMMENDED FOR ALL MariaDB
      SERVERS IN PRODUCTION USE!  PLEASE READ EACH STEP CAREFULLY!

In order to log into MariaDB to secure it, we'll need the current
password for the root user.  If you've just installed MariaDB, and
you haven't set the root password yet, the password will be blank,
so you should just press enter here.

Enter current password for root (enter for none): [ENTER]
OK, successfully used password, moving on...

Setting the root password ensures that nobody can log into the MariaDB
root user without the proper authorisation.

Set root password? [Y/n] y
New password: [Digite a senha de root]
Re-enter new password: [Repita a senha]
Password updated successfully!
Reloading privilege tables..
... Success!

By default, a MariaDB installation has an anonymous user, allowing anyone
to log into MariaDB without having to have a user account created for
them.  This is intended only for testing, and to make the installation
go a bit smoother.  You should remove them before moving into a
production environment.

Remove anonymous users? [Y/n] y
... Success!

Normally, root should only be allowed to connect from 'localhost'.  This
ensures that someone cannot guess at the root password from the network.

Disallow root login remotely? [Y/n] y
... Success!

By default, MariaDB comes with a database named 'test' that anyone can
access.  This is also intended only for testing, and should be removed
before moving into a production environment.

Remove test database and access to it? [Y/n] y
- Dropping test database...
... Success!
- Removing privileges on test database...
... Success!

Reloading the privilege tables will ensure that all changes made so far
will take effect immediately.

Reload privilege tables now? [Y/n] y
... Success!

Cleaning up...

All done!  If you've completed all of the above steps, your MariaDB
installation should now be secure.

Thanks for using MariaDB!


Concluída a instalação, você poderá testar entrando com a nova senha cadastrada. Para isso, digite:

# mysql -u root -p

Em seguida, digite sua senha. Se a senha estiver correta, haverá um retorno como o descrito abaixo:

Welcome to the MariaDB monitor.  Commands end with ; or \g.
Your MariaDB connection id is 19
Server version: 10.2.9-MariaDB MariaDB Server

Copyright (c) 2000, 2017, Oracle, MariaDB Corporation Ab and others.

Type 'help;' or '\h' for help. Type '\c' to clear the current input statement.

MariaDB [(none)]>


Para sair do MariaDB digite:

> quit

Pronto. Seu sistema gerenciador de banco de dados MariaDB já está instalado e configurado.

Agora prosseguiremos para a instalação do PHP.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalação do Apache
   2. Instalação do MariaDB
   3. Instalação do PHP 7.1
   4. Instalação do PhpMyAdmin
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Instalando Servidor LAMP no Ubuntu e Derivadas

Renascendo na Programação

Introdução a Orientação a Objetos no PHP4

Verdades e mentiras sobre tecnologias WEB

MVC - Conceito e exemplo em PHP

  
Comentários
[1] Comentário enviado por adsjcsp em 01/02/2018 - 10:53h

Muito boa essa colaboração.

[2] Comentário enviado por Mc.Eagle em 27/02/2018 - 22:30h

Excelente, vivo dizendo que vou testar o Fedora 27 como distro principal, mas acabo deixando pra depois, creio que o bichinho do sudo apt update && apt update && apt list --upgradable && apt upgrade && apt purge && apt autoremove && apt autoclean && clear me picou.

[3] Comentário enviado por ElmiroDuarte em 02/03/2018 - 03:58h

tive um problema, no arquivo /var/lib/mysql, exclui todos os arquivos desse diretorio e reinstalei o mariadb e funcionou perfeitamente ..

[4] Comentário enviado por ElmiroDuarte em 03/03/2018 - 14:51h

consegui resolver o problema do mariadb .. agora tah tudo funcionando ..

[5] Comentário enviado por ANDRETB em 15/03/2018 - 10:19h

muito boa essa dica, ajuda muito .. http://queroserexpert.com/melhor-curso-de-php/


[6] Comentário enviado por tayzemorais em 27/05/2018 - 07:13h

esse passos de instalação serve para o fedora 28 server?

[7] Comentário enviado por antoniomarcosap em 28/05/2018 - 11:14h


[6] Comentário enviado por tayzemorais em 27/05/2018 - 07:13h

esse passos de instalação serve para o fedora 28 server?


Ainda não testei o Fedora 28 Server, mas imagino que funciona da mesma maneira. Parece que não houve mudanças significativas em relação à mudança de estrutura distribuição.

[8] Comentário enviado por ElmiroDuarte em 23/06/2018 - 18:25h


[3] Comentário enviado por LaurianoElmiro em 02/03/2018 - 03:58h

tive um problema, no arquivo /var/lib/mysql, exclui todos os arquivos desse diretorio e reinstalei o mariadb e funcionou perfeitamente ..

também fiz isso ... o mariadb aparentemente não funciona se existirem pacotes do mysql no sistema

[9] Comentário enviado por Mc.Eagle em 18/09/2018 - 21:05h

Estou executando no Fedora 28 (até que enfim migrei!) e até agora tudo okay.

[10] Comentário enviado por websoeiro em 11/10/2018 - 16:37h

Obrigado pelo colaboração


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts