Como colocar um programa para inicializar no boot

Este é meu primeiro artigo aqui na comunidade. Resolvi escrevê-lo devido a dificuldade que tive em encontrar material sobre esse assunto quando precisei saber como colocar um serviço na inicialização do Linux.

[ Hits: 245.218 ]

Por: Anderson Costa em 10/04/2006


Entendendo a inicialização



Os processos de inicialização do Linux são chamados de run levels, ou níveis de execução. Estes níveis vão de 0 a 6, sendo que cada nível carrega seus serviços específicos ou modificados pelo administrador do sistema.
  • 0: Desliga;
  • 1: Modo Single (monousuário);
  • 2: Modo multiusuário sem NFS;
  • 3: Modo multiusuário com suporte a NFS;
  • 4: Não utilizado;
  • 5: Com interface gráfica;
  • 6: Reinicializa.

O processo init


O processo init é o pai de todos os processos no Linux. O init entra em seu run level, que logo após chama o arquivo rc.sysinit. O rc.sysinit carrega as configurações básicas do sistema como: nome da máquina, carrega partições do sistema...
    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Entendendo a inicialização
   2. Adicionando arquivos ou scripts na inicialização
   3. Adicionado serviços na inicialização
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Servidor DNS (bind9) em Debian Linux

Sound Blaster 128 PCI Ensonic - Modulo es1371

Mini-manual do Fluxbox no Zenwalk

Explorando as possibilidades do XFree86

Apache2, PHP5, MySQL5 e PhpMyAdmin com certificação SSL no Debian Etch

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fernando_ba em 10/04/2006 - 19:05h

olá Anderson!?

só adicionando...
o runlevel 4 no slackware seria com interface gráfica, o 5 e o 2 ficaria sem uso, nos demais é igual.

parabéns pelo artigo

flw

[2] Comentário enviado por forkd em 11/04/2006 - 00:51h

Olá Anderson!
Primeiramente, parabéns pela iniciativa de publicar um artigo. Bom, gostaria de expressar minhas opiniões sobre o artigo. Primeiramente, achei o artigo um pouco vago, pois depois que eu li, deu aquela sensação de que está faltando algo. Talvez um aprofundamento maior no assunto... Segundo, faltou dizer que o tipo de inicialização ao qual você se refere é o SysVInit, que é o tipo utilizado pelo Debian, Fedora e etc. O Slackware utiliza um misto de SysVInit com BSD Init, este último sendo utilizado nos BSDs. Por isso, para os usuários de slack, as coisas serão um pouco diferentes... Além disso, notei que faltou falar do comando chkconfig, que faz o gerenciamento dos links de serviços para inicializar. Por isso os usuários não têm de ficar criando links "a rodo". Mas acho interessante você mostrar como se faz manualmente, para que os leitores tenham noção de como funciona. Como é o seu primeiro artigo, parabéns mesmo! Continue melhorando, pois assim a comunidade toda cresce junto!
Falando no assunto, quem um artigo relacionado, que mostra como inicializar comandos no modo gráfico, voltado para o slack, pode ser acessado em: http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=4223
Bom, basicamente é isso.
Até mais! ;)

[3] Comentário enviado por mlegidio em 12/04/2006 - 01:40h

Ola Anderson,
Faz tempo que li sobre a adicao de scripts nos runlevels e que tinha caido um pouco no esquecimento. Seu artigo ja me fez lembrar de tudo. Espero poder ver outros artigos seus aki no VOL.
T+

[4] Comentário enviado por dcbasso em 12/04/2006 - 14:10h

justo o que eu estava precisando! Estava com um problema sério para adicionar um script de firewall.... valeu ae!!!

[5] Comentário enviado por medlima em 12/04/2006 - 15:34h

eu tenho algumas dúvidas sobre o linux eu gostaria de instala-lo em uma maquina k62 233 mhz e pentium 2 mas não estou conseguindo instala-lo sem o cd. a versão do linux que possuo já esta em uma partição dentro do hd mas não consigo fazer a instalação do mesmo. me ajundem um abraço.

[6] Comentário enviado por sirelven em 12/04/2006 - 20:53h

Uma adição apenas. No Debian trabalha-se por padrão em runlevel 2 e a interface gráfica sobe neste mesmo runlevel como um serviço.
E a ferramenta utilizada é o update-rc.d, que cria os links automaticamente. EU particularmente acho que no Debian a inicialização é menos estruturada que nos Red Hats e similares. As respostas de comandos como /etc/init.d/postfix em geral é falha. Um exemplo disso é que se o serviço NÃO estiver rodando e executarmos o stop ele não acusa nada. Nem acerto nem falha. O mesmo se dá com o start em muitos programas.
Mas de qualquer forma, funciona da mesma maneira.

[7] Comentário enviado por PCMasterPB em 14/04/2006 - 01:07h

Só uma pequena dica, ao menos no Suse 9.3, se o cara tentar encontrar o tal /etc/rc.d/rc.local ele não vai encontrar, pois no Suse eles mudaram ele pra /etc/rc.d/boot.local, na realidade, o diretório rc.d é apenas um link para init.d, ficando em /etc/init.d/boot.local, mas nada impede que se crie também um link deste para /etc/rc.d/rc.local. Quem ae for usar o Suse 9.3, já fica sabendo ok. ;D

[8] Comentário enviado por angelo.m.silva em 14/07/2006 - 18:49h

Parabén Jeff,

se metade dos artigos, confs, e tutoriais tivessem a qualidade do seu estaríamos muito bem.

Angelo

[9] Comentário enviado por franciane em 23/10/2008 - 17:48h

olá amigo, acho que voce pode me ajudar, eu quero que no meu slax, parece um banner, então fui neste caminho "/etc/rc.d/rc.local" e no final do arquivo escrevi a seguinte linha "cd /usr/local/bin/banner; python banners.py", se eu excutar este arquivo no prompt o banner aparece mas eu quero que ele seja executado durante o boot, o que voce me diz, está certo o meu procedimento, falta algo, pois o que eu fiz não funcionou.

vlw
at+


[10] Comentário enviado por RogerAS em 13/01/2010 - 22:48h

Obrigado, é exatamente o que eu precisava.

[11] Comentário enviado por ironf15 em 07/06/2014 - 22:15h

Obrigado por seu artigo. Me ajudou bastante.

Abs,

José Oliveira

[12] Comentário enviado por morais48 em 29/11/2015 - 11:06h

amigos me tirem uma duvida comprei uma maquina jukebox em linux em que o programa que roda as musicas inicia primeiro e gostaria de entrar na area de trabalho do linux ,qual seria o comando do teclado por favor


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts