Administrando o CUPS por linha de comando (parte 1)

Publicado por Rafael Tomelin em 03/06/2008

[ Hits: 20.759 ]

Blog: http://teclinux.no-ip.org:8080

 


Administrando o CUPS por linha de comando (parte 1)

Neste tutorial iremos mostrar como administrar o CUPS por linha de comando. Irei começar mostrar dos comandos mais básicos até o mais avançado.

O conteúdo desse artigo foi baseado no site:
Antes de iniciar iremos saber para que serve e como funciona o CUPS.

O CUPS serve para compartilhar impressoras pelo Linux para toda a rede. A impressora pode estar tanto no servidor Linux (CUPS) quanto na estação. No compartilhamento você pode liberar as impressoras por usuários, máquinas (IP) ou até mesmo por grupos.

As configurações do CUPS ficam dentro de /etc/cups, sendo que o arquivo de configuração do CUPS em si fica em /etc/cups/cups.conf (permissões) e as configurações das impressoras ficam em /etc/cups/printers.conf (nome da impressora, compartilhamento, descrição).

O CUPS também pode ser configurado pela WEB, é só acessar a máquina do servidor CUPS pela porta 631. Ex: http://192.168.1.1:631.

Vamos mostrar alguns comandos então:
  • lpq => mostra todas as impressões que tem na fila;
  • lpr => limpa afila de impressão;
  • cat teste.txt >> /dev/porta (lp0) => imprime o arquivo teste direto na impressora.

Adicionando impressoras

Impressora local:

# lpadmin -p impressoralocal -E -v parallel:/dev/lp0 -m arquivo.ppd

Impressora smb:

# lpadmin -p impressorasmb -E -v smb://micro/nome_do_compartilhamento -m arquivo.ppd

Impressora ip:

# lpadmin -p impressoraip -E -v ipp://ip_da_impressora -m arquivo.ppd Obs.:
  • -p => impressora;
  • -E => habilita e aceita os jobs;
  • -v => caminho da impressora;
  • -i => interface que irá responder;
  • -D => Descrição da impressora.

Configurando impressora padrão:

# lpadmin -x impressora

Parar/iniciar impressora:

# /usr/bin/enable impressora
# /usr/bin/disable impressora


OBS.: Ao parar a impressora, continua recebendo impressões e mandando para a fila, apenas não imprime.

Rejeitar/aceitar impressões:

# /usr/bin/accept impressora
# /usr/bin/reject impressora


Obs.: Ao rejeitar a impressora, não imprime e nem manda as impressões para a fila. Rejeita as impressões.

Liberar impressora por usuário/grupo:

# lpadmin -p impressora -u allow:all
(libera a impressora para todos usuários)

# lpadmin -p impressora -u allow:user1,user2
(liberar a impressora apenas para o user1 e user2)

# lpadmin -p impressora -u deny:user1,user2
(bloqueia a impressora para user1 e user2)

# lpadmin -p impressora -u deny:user1,grupo2
(bloqueia a impressora para user1 e grupo2)

Na parte 2 irei mostrar como se analisar os logs do CUPS.

Outras dicas deste autor

Mostrando seu prompt para outro usuário

Redundância de links v0.1

Implementando servidor de horas no Linux

SSH (PuTTY) automatico pelo Windows

Leitura recomendada

Você conhece o NetbootCD?

Sabayon Linux: A distro mais completa e bonita

Turbinando Firefox

Instalar driver NVIDIA 185.19 no Ubuntu Linux

Gerando relatórios do PosgreSQL usando o PgFouine


Comentários
[1] Comentário enviado por chimico em 03/06/2008 - 18:28h

Parabéns, afinal o grande poder do Linux está na linha de comando!

[2] Comentário enviado por edirlf em 04/06/2008 - 22:39h

Opa, que artigo massa. Espero que chegue logo essa segunda parte.
Parabéns, e favoritos nele.

[3] Comentário enviado por turn4round em 30/01/2009 - 09:15h

Boa dica. Mas... e a segunda parte??

xP

Favoritos tb.

[4] Comentário enviado por fabiocs em 27/07/2012 - 10:13h

Muito bom... estamos aguardando a segunda parte.
Obrigado



Contribuir com comentário