Migração braçal do joomla para outro servidor

Publicado por Robson Niedson em 16/01/2008

[ Hits: 10.467 ]

Blog: http://www.niedson.com

 


Migração braçal do joomla para outro servidor



Como escrevi no artigo "Migração de dados no Joomla", que esclarece mais sobre a migração no Joomla, disponível aqui no VOL. A melhor maneira de se fazer a migração de maneira manual (sem auxílio de componente) é da seguinte forma:

Instale um novo Joomla, nesta dica estamos falando de migração da mesma versão, então faça um backup dos seus dados antigos, e faça o INSERT para esta tabela.

Você poderá encontrar a seguinte mensagem, ao fazer o teste:

"The page you are trying to access does not exist"

Isso esta ocorrendo provavelmente porque algum diretório está sem permissão de escrita e execução para acessar o diretório, geralmente isso ocorre com o diretório "components", que não tem permissão execução, foi o que aconteceu comigo. Após vasculhar os fóruns e não achar a solução resolvi navegar pelo meu editor de sites, e este diretório não estava conseguindo ser acessado justamente devido não ter permissão de EXECUÇÃO.

Como vocês sabem, os servidores LINUX possuem o CHMOD como um sistema de segurança muito eficaz para segurança dos arquivos, com ele você define quais arquivos podem ser acessados por terceiros e qual o tipo de permissão ele poderá fazer com o arquivo (executar, ler ou escrever).

No caso do Joomla, é necessário que vários diretórios como o "components", além da permissão de escrita, também possam ter permissão de leitura e execução.

Por isso aquela mensagem de erro é porque o diretório não pode ser lido e por isso, o componente que exibe o fluxo das notícias, menus e outros não funciona.

Se você não conhece, ou não lembra mais, relembre os atributos de permissão do CHMOD.

---------

RELEMBRANDO ATRIBUTOS DE PERMISSÃO DO CHMOD:

O chmod atua basicamente sobre três níveis; usuário 'u', grupo 'g' ou outros 'o'. Tanto pode usar letras como o modo octal para permissões. O modo octal (descrito abaixo) usa números de 0 (zero) a 7 (sete). Usa também letras para designar 'r' leitura, vem do Inglês 'read', 'w' gravação, vem do Inglês 'write' e 'x' vem do Inglês 'execute'.

Para arquivos (-)
0 (zero) permissão negada
1 permissão de execução
2 permissão de gravação
3 permissão de gravação e execução
4 permissão de leitura
5 permissão de leitura e execução
6 permissão de leitura e gravação
7 soma de todas as permissões

Para diretórios (d)
0 (zero) permissão negada
1 permissão para entrar no diretório
2 permissão para gravar dentro do diretório
3 permissão de entrar e gravar no diretório
4 permissão para listar o conteúdo do diretório
5 permissão de listar e entrar no diretório
6 permissão de listar e gravar no diretório
7 soma de todas as permissões

Outras dicas deste autor

Problemas com a tradução no Drupal (CMS)

Leitura recomendada

[RESOLVIDO] Links e botões que não funcionam no navegador

Gmail - Como evitar que emails do VOL sejam bloqueados

Codificação Hexadecimal On-Line

Serviço online de scanner de portas

Pegar o id de um elemento com javascript

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário