Man pages em formatos de arquivos digitais

Publicado por Ricardo Brito do Nascimento em 12/09/2007

[ Hits: 8.720 ]

Blog: http://brito.blog.incolume.com.br

 


Man pages em formatos de arquivos digitais




É possível converter as man pages do Linux para arquivos digitais e assim ter um arquivo imprimível e portável, o qual poderá ser visualizado mais tarde no ghostview, GNU evince, adobe acrobat reader ou qualquer outro visualizador de formatos digitais.

man pages em PS (PostScript)

PostScript é uma linguagem de programação especializada para visualização de informações, ou uma linguagem de descrição de páginas, originalmente criada para impressão e posteriormente modifica para o uso com monitores ('display PostScript').

A linguagem fornece uma máquina de pilha e comandos específicos para o desenho de letras e figuras, incluindo comandos de traçado e formas de representação de imagens. Foi desenvolvida pela Adobe, tendo como inspiração uma linguagem desenvolvida na Xerox, a InterPress.

O Linux trabalha com o formato PS nativamente.

Podemos obter o arquivo em formato postscript da seguinte forma:

man "comando" -t > "NomeDoArquivo.ps"

A opção -t formata a página em PostScript. O pipe redireciona os dados PS para um arquivo. Esta opção usa "/usr/bin/groff -Tps -mandoc" para formatar as páginas do manual. A saída deste comando pode ter ainda de ser processada por outro antes de a poder imprimir. Exemplo:

$ man ls -t > ls.ps

Transforma a man page do comando 'ls' em um arquivo PostScript chamado 'ls.ps'.

BUGS
  • -t só funciona se existir o programa troff ou equivalente.

man pages em PDF (Portable Document Format)

PDF é um formato de arquivo desenvolvido pela Adobe Systems para representar documentos de maneira independente do aplicativo, hardware, e sistema operacional usados para criá-los. Um arquivo PDF pode descrever documentos que contenham texto, gráficos e imagens num formato independente de dispositivo e resolução.

O PDF é um padrão aberto, e qualquer pessoa pode escrever aplicativos que leiam ou escrevam PDFs. Há aplicativos gratuitos para Linux, Windows e Macintosh, alguns deles distribuídos pela própria Adobe.

PDF pode ser traduzido em português como Formato de Documento Portátil.

Podemos obter o arquivo em formato pdf, a partir do ps, da seguinte forma:

$ ps2pdf ls.ps ls.pdf

O comando ps2pdf converte o formato ps para o formato pdf, possibilitando a independência de sistema operacional.

Imprimindo o arquivo direto do terminal:

$ lpr ls.ps
$ lpr ls.pdf


Possíveis dependências:

$ apt-get install -y evince ghostscript groff
$ yum install -y evince ghostscript groff


Referências:
Outras dicas deste autor

Java no Ubuntu 11.10

Centos5 com repositório yum do pbone

Instalando o plugin Java6 da Sun no Ubuntu Linux

Gerenciando histórico de comandos no GNU/Linux

Múltiplos downloads

Leitura recomendada

Configurando dispositivo wireless Atheros 5006EG no Ubuntu Gutsy

Roteamento com marcação de pacotes

Aumentando LV (Logical Volume) e RS (File System) sem causar indisponibilidade

Linux ou Windows: como, onde e por que?

Conversão de decimais em binários e vice-versa

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts