Gerando arquivos MPEG no Kino para criar DVD

Publicado por edson em 23/02/2010

[ Hits: 5.635 ]

 


Gerando arquivos MPEG no Kino para criar DVD



Após diversas tentativas de editar vídeos para transformá-los em DVD, sempre usando Linux, consegui um resultado que considero satisfatório, considerando o equipamento que tenho, para muitos obsoleto. Uso um Pentium 4 de 2 Ghz com 2 GB de memória, com o Linux Debian 5.0.4 Lenny. Quero compartilhar esse conhecimento porque para chegar a esse resultado tive de fazer muitas tentativas e testar muitas dicas que encontrei na internet.

O grande problema com os programas disponíveis para editar vídeo no Linux são os codecs, que nem sempre são instalados com o programa editor. Às vezes o programa funciona normalmente, mas o resultado final não tem a qualidade desejada.

Após instalar o Debian Lenny, última versão stable, acrescentei as seguintes linhas ao arquivo /etc/apt/sources.list:

#Debian Multimedia (pacotes do mplayer, vários codecs e outros pacotes)
deb http://www.debian-multimedia.org stable main
deb-src http://www.debian-multimedia.org stable main

Na seção "Som e Vídeo" tenho instalados, sempre usando o Synaptic, os seguintes programas:
  • Avidemux
  • Audacity
  • DeVeDe
  • Brasero
  • K3b
  • Kaffeine
  • Kino
  • Mplayer
  • Totem (reprodutor de filmes)
  • VLC media player

Além de outros.

Alguns desses programas instalam alguns codecs por default, não sei exatamente quais, mas são úteis. Quando o Kino é instalado junto com esses programas, funciona melhor com mais recursos do que quando instalado isoladamente. Para a captura dos vídeos uso o formato Raw DV com o programa Kino, através de uma conexão firewire (IEEE1394) ligada à minha câmera Sony DCR-HC40, que grava os vídeos em fita MiniDV. Após a captura faço a edição no próprio Kino, que é muito fácil e intuitivo. Feita a edição é só usar a opção Export do Kino para salvar o arquivo em formato DVD, com as seguintes características:
  • Export
  • Aba  MPEG
  • File Format: 8 - DVD
  • Deinterlace: YUV Deinterlace

A opção YUV Deinterlace faz toda a diferença na qualidade final do vídeo mpeg. A renderização do arquivo original para mpeg é um pouco demorada. Em meu computador leva em média 8 minutos para cada minuto do vídeo capturado e editado. Após a geração dos arquivos mpeg é só usar o programa DeVeDe para autorar o DVD e gerar uma imagem .ISO ou gravar diretamente no disco DVD.

Espero que seja útil para alguém.

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

Ligar e desligar o monitor por linha de comando

Autalizando o PORTS do FreeBSD com o portupgrade

Vim não está acentuando o texto

Firefox: adicionar add-ons baixados previamente

Gilberto Gil representando a comunidade

  

Comentários
[1] Comentário enviado por aleksandre em 24/01/2011 - 13:22h

Para exportar seus vídeos em mpeg no kino a única exigência é de se ter o pacote mjpegtools instalado. Não é necessário instalar todos esses aplicativos que você mencionou. As demais dependências são instaladas automaticamente na instalação do kino.



Contribuir com comentário