Criando playlist de músicas MP3 manualmente

Publicado por Fernando T. Da Silva em 04/06/2013

[ Hits: 16.875 ]

Blog: http://meumundotux.blogspot.com.br/

 


Criando playlist de músicas MP3 manualmente



O formato do arquivo de uma playlist usado por muitos players de MP3 (como o Winamp) é um arquivo de texto ASCII, com a extensão m3u, que é reconhecida por diversos players de áudio e vídeo como arquivo de playlist.

Alguns tipos de playlist incluem o caminho completo do MP3, além de tags, linguagem XML, vários códigos aleatórios de números e porcentagem dependendo do player em que a mesma foi criada; mas você pode criar uma playlist manualmente bastante simples, que será aceito por todos ou a maioria dos players, bastando que tenha apenas os nomes dos arquivos e que fique um abaixo do outro, com o nome completo, incluindo a extensão MP3 e devendo o arquivo ter a extensão m3u.

Para criar manualmente a playlist, execute o comando abaixo dentro do diretório onde estão os MP3:

ls -1 *.mp3 > lista.m3u
$ cat lista.m3u

Clássico desconhecido.mp3
Coral da turma.mp3
Para sempre.mp3

Criando playlist no player VLC

Vá no menu Mídia > Abrir pasta, dentro da pasta desejada clique em "Abrir", depois clique no botão "Play", para tocar todos os MP3 desta pasta.

Para salvar a playlist:

Acesse o menu Mídia > Salvar Lista de Reprodução, salve a lista na mesma pasta em que está os MP3, digite um nome para o arquivo e a extensão xspf que é o formato padrão do VLC para playlist com linguagem XML.

Criando playlist no player Audacious

Acesse o menu Playlist > Playlist Manager..., clique no botão "Renomear" para mudar o nome padrão, após clique em "OK". Feche a janela "Editor de Lista de Reprodução" e na janela principal do Audacious, clique no botão de sinal mais (+), acesse a pasta desejada onde estão os MP3, e mantendo pressionado a tecla Ctrl vá clicando em cada um dos MP3 desejados ou caso queira selecionar todos os arquivos da pasta mantenha pressionado a tecla Shift ao clicar no primeiro e vá até o último arquivo e clique no mesmo, depois clique no botão "Adicionar".

Pronto, sua playlist está criada e salva.

Para criar mais de uma playlist, repita exatamente os mesmos passos, podendo até utilizar a mesma pasta e criar playlists para gêneros como samba, pagode, rock, etc, adicionando os arquivos correspondentes na playlist de cada gênero.
Linux: Criando playlist de músicas MP3 manualmente  Linux: Criando playlist de músicas MP3 manualmente
NOTAS:
  • Sempre que você iniciar o Audacious automaticamente sua playlist já é exibida na abertura.
  • O Audacious utiliza outros códigos para gerar o seu próprio formato de playlist, mas ele também reconhece as playlist de formato m3u e xspf.
  • As playlists salvas pelo Audacious ficam em : ~/.config/audacious/playlist.

Reproduzindo as suas músicas favoritas pela playlist

Players de linha de comando.

Com MPlayer:

mplayer -playlist lista.m3u

Com mpg123:

mpg123 [email protected] lista.m3u -C

Teclas:
  • d :: voltar
  • f :: próximo
  • l :: lista todas as músicas
  • q :: quit
  • h :: ajuda das teclas

Players com interface gráfica.

Com o VLC:

Menu Exibir > Lista de Reprodução, clique no botão "Play" na parte inferior e na janela "Abrir Mídia", clique em "Adicionar", localize o arquivo lista.m3u e clique em "Abrir". Depois clique em "Reproduzir".

Repita o mesmo procedimento quando for abrir a lista noutro dia.

Você pode abrir rapidamente sua playlist pelo menu Mídia > Abrir Mídia Recente... se ela tiver entre os 10 últimos arquivos memorizados.

Dica:

Você também pode abrir mais rapidamente qualquer arquivo de playlist m3u ou xspf pelo VLC, indo diretamente no menu Mídia > Abrir Arquivo já que estes formatos de arquivos são reconhecidos automaticamente como playlist de músicas.

Com o Gnome MPlayer:

Menu Arquivo > Abrir, localize o arquivo lista.m3u e clique em "Abrir".

A playlist também pode ser aberta pelo menu Arquivo > Abrir Recente, se a mesma ainda estive memorizada.

Dica também publicada em:
Outras dicas deste autor

Conky - Configuração personalizada

Desligando automaticamente o touchpad na inicialização do Xfce 4

xbindkeys - Solução para os atalhos configurados no Salix 14.1

Instalação do driver NVidia proprietário no Salix 14.1

Backup incremental com cp

Leitura recomendada

Instalando libdvdcss sem suporte no seu Linux

Montando servidor VoIP com Elastix

Simple Screen Recorder no Funtoo

CUPS lento - solução para pausa entre um job e outro via IPP

Instalando e configurando o Tuxguitar 1.0

  

Comentários
[1] Comentário enviado por lcavalheiro em 06/06/2013 - 13:13h

Boa chapinha! É o terminal mostrando seu poder!



Contribuir com comentário