Criando USB boot para instalação do Debian

Publicado por Yuhu Huul em 14/05/2019

[ Hits: 313 ]

Blog: https://yuhuuhubreakingon.blogspot.com/

 


Criando USB boot para instalação do Debian



Para contribuir e ampliar comunidade de usuários Linux, aqui um simples código que pode ser utilizado para criar um USB boot.

A utilização de ISO híbrida é necessária. Nem todas as ISOs vêm nesse formato. O qual permite a você tratá-la de duas formas.

É importante entender que a diferença dos formatos de dados simples, uma imagem de disco ISO vai funcionar corretamente segundo a fonte de descarga e também o tipo de descarga que você realizou. Por isso recomendo fazer uma descarga via Torrent.

Logo o USB deve estar formatado em MBR, com o sistema de arquivos FAT32 e desmontado.

A formatação do pendrive, segundo seu sistema operativo, podem ser muitas. O mesmo pode não precisar de instalar programa nenhum. Os sistemas já têm sua própria ferramenta de formatação de arquivos.

O sucesso é fazer o correto, é escolher as opções às quais vão entregar em nossas mãos um sistema de arquivos limpo. Nos sistemas de software livre GNU/Linux, segundo o entorno gráfico, seja KDE, Gnome, Xfce etc., a ferramenta e suas opções tem diferenças de uso. No sistema operativo Windows, é muito mais simples devido em grande parte à utilização de desenho padrão e não posso dizer que é melhor nem mais rápido.

MBR não é o único sistema de reconhecimento padrão para formatar um disco.

O MBR é um "standard" antigo, que todos certamente conhecem e é o padrão mais comum. Computadores mais recentes suportam o esquemas GPT que é uma evolução do anterior, por isso ainda é um esquema muito utilizado nos computadores. Não suporta redundância. A tabela de partições do MBR é guardada apenas num único local.

Tabela de Partição GUID (Globally Unique IDentifiers) é um padrão para o layout da tabela de partições em um dispositivo de armazenamento físico usado em um PC desktop ou servidor, como uma unidade de disco rígido ou uma unidade de estado sólido. O Windows XP e versões anteriores do Windows, não podem (sem modificações) ler ou escrever em unidades formatadas com uma tabela de partição GUID, no entanto, Windows Vista e Windows 7 possuem esta capacidade. E você pode instalar mais das limitadas 4 partições primárias do estândar MBR.

Suporta até 128 partições primárias. As tabelas de partições são gravados no início e no final do disco para redundância. A redundância extra permite mais resiliência contra a corrupção. No caso do MBR se ficar corrompido todo o disco vai se comprometer.

Utilizar GUID vai estender a vida útil do teu disco. Não é interessante?

Em muitos casos, para realizar operações com discos, é necessário deixar a unidade desmontada, a diferença do sistema Windows, nós temos que fazer isto na maneira manual a qual não é tradicional, seja por comando de terminal ou utilizando uma ferramenta gráfica.

No meu caso, meu diretório de descargas está na carpeta media/Descargas, não no diretório $HOME e o nome do arquivo que contém a imagem ISO é: debian-live-9.8.0-i386-xfce.iso

Abra o terminal e faz o seguinte comando:

sudo dd if=/media/Descargas/debian-live-9.8.0-i386-xfce.iso of=/dev/sdb

Segundo, você pode ter mais de um HD ou um pendrive na consola, vai ser diferente de /dev/sdb. Por isso, é bom fazer uma pesquisa nos discos montados utilizando a ferramenta de discos.

Isto vai tomar um tempo, dependendo do tamanho da imagem ISO.

Sendo que o comando "dd" não mostra uma barra de avanço, é só questão de esperar.

Ao finalizar vai aparecer um mensagem parecida com a seguir:

3891776+0 registros de entrada
3891776+0 registros de saída
1992589312 bytes (2,0 GB) copiados, 926,156 s, 2,2 MB/s


Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

VPN ponto a ponto com chaves estáticas

Leitura recomendadíssima!

Criando legendas para seus vídeos

Netflix no Debian Wheezy

Ejetando e desmontando CDROM

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts