Como restaurar o arquivo "/dev/null"

Publicado por Daniel Zaia Manzano em 01/03/2013

[ Hits: 6.879 ]

 


Como restaurar o arquivo "/dev/null"



Os arquivos "/dev/null" e "/dev/zero" são arquivos especiais do sistema. Em linhas genéricas, tudo que for redirecionado para eles é descartado.

Exemplo:

echo "teste" > /dev/null

Este recurso é muito usado em shell scripts, quando não queremos que uma saída de erro seja mostrada na tela.

Exemplo:

rmdir pasta_vazia pasta_cheia 2>/dev/null

Neste caso, o comando rmdir emitirá um erro quando tentar apagar o diretório "pasta_cheia", mas a mensagem de erro será redirecionada ao arquivo "/dev/null". Ou seja, o usuário não verá a mensagem de erro na tela.

Tentando seguir esta linha de raciocínio, tentei mover um arquivo comum para "/dev/null" para ver qual seria o resultado:

# mv teste.txt /dev/null

O resultado foi que o arquivo "/dev/null" foi sobrescrito e deixou de ser "especial". E isso pode fazer com que algumas aplicações tenham comportamentos estranhos.

Para recriar o arquivo "/dev/null", ou "/dev/zero", da forma correta:

# mknod -m 666 /dev/null c 1 3
# mknod -m 666 /dev/zero c 1 5


Para mais informações, consulte:

man null

Outras dicas deste autor

mii-tool - Verificando conectividade de cabo de rede

Montando partições NTFS com permissão de leitura e escrita

FIGlet - Letras grandes no modo texto

lshw - Obtendo informações de hardware

Como selecionar absolutamente todo o conteúdo de um diretório no modo texto

Leitura recomendada

O Plymouth Splash não funciona?

Problemas com winbind depois de atualizar Windows 2000

Resolvendo problemas com a pasta "Área de Trabalho"

Transformando o CentOS numa distro desktop

Configurando o "Audio Preview" do Nautilus no Debian 5.0 (Lenny)

  

Comentários
[1] Comentário enviado por julio_hoffimann em 01/03/2013 - 11:40h

+1 pela manpage (man null)

Abs.



Contribuir com comentário