XFCE 4.4 - Desktop alternativo a dupla KDE/Gnome

O novo XFCE 4.4 é um desktop leve que dispõe de uma série de utilitários e inovações que o torna uma boa alternativa para aqueles que acham pesado rodar um KDE ou Gnome como desktop. Neste artigo veremos como instalá-lo numa máquina rodando o Debian Etch com 256 MB de RAM.

[ Hits: 68.187 ]

Por: Thiago Cangussu em 27/03/2007


Introdução



O XFCE 4.4 é um desktop leve que inclui gerenciamento de janelas, gerenciamento de arquivos, plugins, editor de texto, calendário com gerenciador de compromissos e uma série utilitários (veja a lista em http://www.xfce.org). Entre algumas funcionalidades desta nova versão estão o carregamento de dispositivos usb e cds/dvds automaticamente só que sem montagem, permitindo ao usuário decidir qual dispositivo monta e o suporte nativo a transparências.

Esta nova versão deixou de ser um patinho feio para se transformar num desktop agradável para aqueles que desejam leveza e funcionalidade sem abrir mão de um bom visual, mas sem ter que consumir "litros" e mais "litros" de memória RAM para isso, já que hoje em dia não se roda bem o KDE ou Gnome com menos de 512 de RAM.

O XFCE ainda tem a vantagem de ser baseado na biblioteca GTK, a mesma do Gnome, o que permite você usar os aplicativos desenvolvidos para o Gnome, inclusive temas e plugins, sem perda de desempenho. Além disso o processo de instalação de vários aplicativos, como por exemplo o Beryl, é a mesma que no Gnome.

Neste artigo veremos como fazer do XFCE 4.4 seu desktop usando o Debian Etch num micro com 256 MB de RAM.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Instalação
   3. Configuração
   4. Personalização
   5. Considerações finais
Outros artigos deste autor

Engage - o dock do E17 - instalando no Debian Etch

Leitura recomendada

ASTNAGIOS 2.0 + FAN - Solução completa para monitoramento

Abrindo um servidor X dentro de outro

QEMU - Para rodar Windows pré-instalado

Editor de textos / IDE Geany

Como criar pacotes para o Arch Linux (parte 2) - pacotes svn e cvs

  
Comentários
[1] Comentário enviado por SMarcell em 27/03/2007 - 08:44h

Cara! Uso o Xfce desde a versão 4.2 e posso afirmar: Ele é simplesmente fantástico, não troco ele por nada!

Recomendo a todos que dêem uma olhada nele, vale a pena! :)

Falou!!!

[2] Comentário enviado por tiagotavares em 27/03/2007 - 09:25h

Só discordo com uma coisa, que o Gnome e o KDE são quase que inúteis com menos de 512MB, aqui na máquina uso o GNOME com 256MB compartilhado com o video on-board ainda por cima, e o desempenho é ótimo, o mesmo ocorre com o KDE, acho que talvez o XFCE se aplica mais a computadores com menos de 256MB.

Abraços!

[3] Comentário enviado por tenchi em 27/03/2007 - 09:27h

Muito legal o artigo. O xfce simplismente inovou muito nessa última versão. Deixou de ser somente mais um Gerenciador de janelas para ser um ambiente desktop completo. Não concordo totalmente com você sobre os requisitos mínimos dos ambientes. Eu uso o KDE num duron com 512 megas de ram (menos a memoria compartilhado do video), e o sistema roda quase que perfeito. É claro que não uso aquele monte de frescuras, como aquela centena de barras do superkaramba, mas o sistema roda normalmente, sem nenhuma falta de desempenho. O sistema inteiro não consome nem 80mb depois do boot.
O xfce roda bem com 128 de ram sim ;). Não é preciso necessariamente apelar para um *box quando se tem uma máquina assim. Até um windows XP roda nessa configuração (só o sistema, sem antivirus nem nada).
Já o Gnome tem ficado mais lento até do que o próprio KDE com o passar do tempo. Fenomeno estranho esse... rsrs.
Eu usei um Xfce durante um bom tempo, mas parti para o kde por estar usando muitos aplicativos em Qt, principalmente na época que o xfce não tinha um gerenciador de arquivos muito bom, que era o xffm. Mas agora que ele incluiu no pacote o programa Terminal e o editor de textos mousepad (que antes eram avulsos). Os recursos de montagem automática também vieram em ótima hora, o que vai ajudar muitos usuários a migrarem para o desktop linux.
Ao que parece, ao menos em funcionalidade, o xfce está virando algo como o gnome, talvez um gnominho, embora eu ache sua interface mais intuitiva que a do segundo. Mas isso é só questão de gosto.
Uma discussão sobre o lançamento do xfce4.4 em:
http://br-linux.org/linux/xfce-4.4-com-outros-olhos

Para favoritos...
Flw.

[4] Comentário enviado por tenchi em 27/03/2007 - 09:30h

Vamos ver agora quando o pessoal do Enlightenment vai lançar um estável... Pq as coisas estão indo cada vez mais devagar... Pena, para um ambiente tão bom quando o E.

[5] Comentário enviado por versurix em 27/03/2007 - 11:51h

Com certeza o XFCE é mais rápido que KDE ou Gnome.
Uso Dreamlinux e já tem versão 4.4 porém vou fazer algums personalizações do texto para saber como fica.
Se quiserem testar o Dreamlinux entre no site http://www.dreamlinux.com.br/portugues/index.html

[6] Comentário enviado por Phantom X em 27/03/2007 - 15:56h

Bom artigo, mas o consumo de memória poderia ser pela metade. KDE/GNOME funcionam bem em 256MB, XFCE funciona bem em 128MB e os *box em 64MB ou até menos.

[7] Comentário enviado por PCMasterPB em 28/03/2007 - 17:46h

Ótimo artigo cara. Sou fã do XFCE desde que começei a usar o Suse 9.3 Professional e sempre me interesso por artigos falando dele. Vlw. ;D

[8] Comentário enviado por p0ng em 29/03/2007 - 17:00h

e você ainda pode fazer com que o XFCE carregue as libs do KDE e do Gnome, fazendo com que os programas rodem até mais rápidos (alguns só funcionam com essa opção ativada).

[9] Comentário enviado por versurix em 30/03/2007 - 18:03h

No XFCE funcionou muito bem o Compsite porém eu tenho o Gnome, incluindo a linha do Composite no xorg como faço para deixar transparente as janelas?

[10] Comentário enviado por fernandoamador em 08/04/2007 - 23:43h

Ótimo artgo...

[11] Comentário enviado por cangussu.br em 10/04/2007 - 23:58h

versurix,
no Gnome vc faz isso através do Beryl, Compiz ou Metacity.

[12] Comentário enviado por juliomortandela em 11/11/2007 - 09:01h

?comentario=XFCE na veia! faz tempo que eu o adotei como meu desktop definitivo.

[13] Comentário enviado por albfneto em 11/06/2008 - 02:37h

O XFCE, hoje, quase um ano depois de seu artigo, começa a ser muito usado por algumas distros, como desktop default!
alguns o consideram o substituto de gnome, principalmente os que acham gnome pesado e pouco bonito!

[14] Comentário enviado por slackmen em 20/10/2008 - 15:11h

Comecei a usar o XFCE a pouco tempo e gostei muito dele. Rápido e prático. Mas tem uma coisa que falta nele:
No KDE tem a opção 'iniciar nova sessao' pra poder logar outro usuario em outro VT. Mas o XFCE nao tem nenhuma opçao relativa a isso. Ouvi que tem q instalar o GDM pra essa funcionalidade aparecer, mas eu uso o KDM e não quero mudar de gerenciador de login.
Se alguem souber de algum comando (mesmo que seja no terminal mesmo, não me importo) pra iniciar outra sessao ao mesmo tempo(sem fechar a anterior) de OUTRO usuario me diga que ja estou sem esperança e quase voltando para o KDE.

Valeu1

[15] Comentário enviado por removido em 16/02/2010 - 00:51h

Melhor artigo sobre XFCE 4 que eu vi até agora, parabéns

[16] Comentário enviado por albfneto em 20/03/2011 - 20:52h

O XFCE 4.8 eśtá muito bom, nunca foi tão estável e nem tão fácil de configurar.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts