Usar, usando

Este artigo é para você que quer usar Linux, mas tem medo de doer. Sério, o Linux desktop está aí e veio pra ficar. Acompanhe minha experiência e tome coragem para mudar.

[ Hits: 19.018 ]

Por: Rodrigo Alineri Araujo em 18/05/2006


Testemunho



A princípio você pode até pensar que é mais um daqueles desabafos de quem teve ou está tendo uma experiência com Linux, e aí você diz: Isso não tem cara de artigo! Depende do seu ponto de vista. Acho que está mais para um testemunho de fé.

Acredite, a maioria das pessoas ainda pensa que computador é "Windows, Word, Excel e PowerPoint". Pior ainda, quando se pergunta onde ela fez tal trabalho, a resposta vem como uma facada:

- "Digitei no Windows !!!"

Aí começo a ter sintomas de infarto, mas graças ao meu revolucionário desfibrilador portátil, dou algumas esfregadas e TUFFF!!!, e volto ao normal.

Falando sério, o que acontece não é culpa das pessoas, é da cultura. E as "escolas" de informática são as mais responsáveis pela manutenção dessa cultura. Explico. O usuário (que já vem com uma parcela de culpa) chega no balcão da Bit Company e diz que quer fazer um curso de informática, a atendente vendo sua cara de otário, lhe propõe o "pacote básico" onde é composto por quem?, quem?, quem?... Windows, Word, Excel e Powerpoint..., opa, zuinnnnn!, TUFFFF!!! Ahh, estou melhor agora, que revolução hein!

Vamos fazer uma pequena viagem até a terra do Tio Sam. Qual sistema operacional, ou melhor, qual o computador que manda no pedaço? Se você respondeu Windows, só porque o Bill mora lá, pode voltar pro "Mobral" cara. Faça um teste, pergunte a uma criança AMERICANA de oito anos o que é um Macintosh, e ela te responde na lata:

- "It's computer. My father has one!

Tudo bem, admito que algumas vão responder que é uma maçã, ou melhor dizendo, It's apple! e tudo se explica.

O Linux foi concebido com a clara proposta de se introduzir um "sabor" do Unix nas mãos dos mortais, sem aquela pretensão de dar uma rasteira nos outros SOs de desktop (mas já dando), mas se pararmos para pensar, verá que é a ordem natural das coisas.

Realiza. Acabo de instalar a distro FRIGOLEI SAMBANGA LINUX 5.2.3.3.9.56, que comprei na banca do seu Joaquim e, ao reiniciar meu PC vejo algo diferente, o Lilo, que chamo carinhosamente de "porta do prazer". É onde falava pro Windows que não era a vez dele. Sou designer gráfico e tinha Windows instalado em meu micro e no micro da empresa com a desculpa de que não havia softwares para essa área no Linux, estava redondamente enganado.

Tive meu primeiro contato com Linux quando era administrador de sistemas em um laboratório de análises clínicas, lá usava o Red Hat e um banco de dados sapateando em cima dele. Mas, na condição de servidor, não podia fuçar muito nele devido ao contrato com nosso suporte técnico, que por questões de segurança, não me dava muitas liberdades.

Como ainda não tinha computador em casa, resolvi fazer minha estação de cobaia (escondido do chefe) instalando o Red Hat 6.0. Penei muito mesmo, pois a instalação dele ainda não era muito amigável, e aquela "parada" de particionar o disco me deixou de cabelo em pé por duas semanas. Fiz backup de tudo e encarei o bicho, instalando, configurando uma coisa aqui, outra ali, adicionando pacotes, resolvendo bombas e tudo mais.

Além de gerenciar o servidor, também estava começando a fazer trabalhos de design gráfico para esta empresa, no que fui tomando gosto pela coisa, mas por hora teria de abandonar precocemente minha recente paixão por motivos que dispensam explicações. Neste meio tempo me dediquei integralmente ao design, aprendendo os principais aplicativos existentes no mercado como Illustrator, Photoshop, PageMaker, InDesign, e outros mais.

O tempo foi passando, passando e, entre uma conversa aqui e outra ali nos IRCs da vida comecei a perguntar sobre design em plataforma Linux, uma vez que era um sonho particular poder trabalhar com design no ambiente que mais gostava. Para minha surpresa, começaram a aparecer dicas de aplicativos que ainda não tinha ouvido falar: Inkscape, Gimp, Scribus e outros.

Pronto, minhas preces foram ouvidas, então comecei a "perobar" pela net atrás destes aclamados. Hoje trabalho em uma instituição de ensino, que por sua vez é responsável pela produção do material didático de toda sua rede. Temos um setor de produção de textos, digitação, tratamento de imagens, equipados com 45 estações rodando Windows e aqueles aplicativos da "suíte" Adobe citados anteriormente e ainda com Microsoft Office.

Tenho lido e ouvido muitos casos de sucesso envolvendo a implantação de ambiente Linux onde antes reinavam outras plataformas, mas todos estes casos (pelo menos os que vi) tratam de aplicações como terminais de Internet, PDVs, terminais de consulta em lojas de departamento, caixas eletrônicos, mas nunca tinha ouvido falar em empreitadas mais "pesadas".

Tenho feito muitos testes com essa "suíte" que montei e posso dizer com toda a segurança, o Linux é capaz SIM de realizar essas tarefas e digo mais, com muito mais rapidez e eficiência.

Um dia desses, peguei um módulo de nosso material e fiz todo o processo que envolve sua produção: digitação, tratamento das imagens, criação dos desenhos e diagramação. Para finalizar, gerei um PDF e levei para a empresa. Pedi para o responsável pela saída dos Lasers Film que substituísse aquele mesmo módulo já diagramado no Indesign, por aquele que tinha feito, introduzindo então o PDF. Saída perfeita, sem nenhum problema com fontes, separação de cores, nada. Levei o filme para a Gráfica para a revelação da chapa, acompanhando todo o processo (parecia que estava aguardando o nascimento do meu primeiro filho na maternidade) até sua impressão. Quando vi o resultado, suspirei e disse para mim mesmo: - Feito em Linux!

Após essa experiência, retirei o Windows de meu PC definitivamente.

Chegamos ao ponto crucial. A empresa onde trabalho tem 45 estações de produção conforme tinha dito acima, mas com cópias piratas de todos os softwares. Houve até uma época em que foram solicitados orçamentos para licenciamento dos principais, mas... quando o chefe viu os preços, tive de emprestar meu desfibrilador pra nele.

"Enquanto isso na sala de justiça"... comecei a elaborar um projeto que envolvia todo um processo de substituição de plataforma e pacotes de softwares para um ambiente livre, que compreende além da troca de sistema, treinamento para os funcionários deste setor, que teriam de "desmamar" do Windows. Este projeto ainda esta em desenvolvimento, mas acredito que, com muita perseverança, muito diálogo e espírito inovador vou conseguir vencer o fantasma do preconceito, quebrando a resistência de alguns dinossauros, o que é natural em mentes dominadas pelo demônio...:P

Quando meu projeto começar a ser implantado (Medalha, medalha, medalha !!!), vou informando a vocês todos os detalhes.

Concluindo, se você está passando por uma situação parecida, não desista, o Linux, já consagrado em ambientes de servidor, hoje está num estágio muito maduro e perfeitamente produtivo no quesito desktop. Muitas pessoas têm medo do mudar, ficam receosas. Sabe qual o melhor jeito de você usar Linux? Usando.

   

Páginas do artigo
   1. Testemunho
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Funtoo Linux - Pré-instalação

30 motivos para usar o Linux

10 dicas para aprender a programar por conta própria

Uma análise do software livre e de sua história

Leve introdução às linguagens de programação

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fernandus em 18/05/2006 - 13:55h

Excelente!!

[2] Comentário enviado por kest em 18/05/2006 - 14:28h

De fato um bom artigo!!! Estarei pensando nos proximos dias como colocar linux nas estaçoes da empresa onde trabalho. A duvida vai ser apenas uma. Como rodar o aplicativos comerciais.:P Vou ver se faço isso com o wine. Se alguem tiver uma ideia de como fazer me avisa aí.

[3] Comentário enviado por bosetti em 18/05/2006 - 14:28h

"Aí começo a ter sintomas de infarto, mas graças ao meu revolucionário desfibrilador portátil, dou algumas esfregadas e TUFFF!!!, e volto ao normal."
Cara... c tem q arranja um desses pra mim, hauhauhua

[]'s
Rafael Bosetti

[4] Comentário enviado por rick001_7 em 18/05/2006 - 14:42h

Kara, tenhu uma disign aki na empresa, e ela tá até com vontade de colocar o pinguim no pc dela, por causa do softwares que ela usa, consegui achar alguns pra linux , mas outros como o flash,n consegui de geito nenhum... se vc puder me ajudar aê, valew....

bom artigo aí man... muito bom mesmo!!!

[5] Comentário enviado por andreceara em 18/05/2006 - 15:51h

Cara, boa sorte pra voce. Espero que consiga.

Eu tambem estou tentando mudar minha lanhouse. Muitas dificuldades com os jogos, mas aos poucos vai dando certo.

bom artigo!!!

[6] Comentário enviado por JefersonLopes em 18/05/2006 - 15:59h

Muito bom artigo cara, realmente é a mente das pessoas que lhes aprisionam . Mas as coisas estão mudando, principalmente agora com ótimas distribuições e novos recursos nas interfaces gráficas, sem contar é claro os ótimos aplicativos FreeSoftware sitados no artigo.

Flw

[7] Comentário enviado por brevleq em 18/05/2006 - 16:40h

É isso aí!!!

Eu por exemplo já uso o linux como meu desktop a muito tempo e só me sinto bem quando eu to vendo o pinguim na minha frente!!!

hehe!!!

[8] Comentário enviado por removido em 18/05/2006 - 17:18h

Grande matéria

eu também pensava assim:
- Será que não vou poder jogar en Linux?
- e o OpenOffice, terei de usá-lo?
- e quanto ao reconhecimento de periféricos?

São coisas que eu "chutei o pau da barraca", e é bem quando você consegue fazer um trabalho de qualidade dentro do Linux, e como vc mesmo disse digaobsd:
- Foi feito em Linux

Mudanças são sempre boas, pois como dizia o filósofo:
"Depois da tempestade é que vem a calmaria"

Eh esta a nossa função de "Linux Users", é desmistificar o senso comum do Linux.De achar que tudo feito em linux, por ser "Free" vai ser esculhambado.

Boa Matéria
flw!

[9] Comentário enviado por leoberbert em 18/05/2006 - 17:41h

Muito bom.. Gostei pra caramba do Artigo... Continue a escrever estes assuntos que assim quem sabe o pessoal resolve migrar pra cá.

Vlw!!!

[10] Comentário enviado por Dausacker em 18/05/2006 - 18:32h

Belo depoimento, amigo! Linux é muito bom, o problema é com os usuários que acham que tem que usar Window$. Sou iniciante em Linux (estou usando Suse) e a cada dia fico mais contente. Abandonei o Window$ Xuxa Park que usava e não me arrependo. Aprender a dominar a ferramenta é questão de tempo.

[11] Comentário enviado por pink em 18/05/2006 - 19:42h

Excelente, mto loko, adorei seu artigo já faz parte dos meus favoritos. AMEI.... Muitos acham que Linux é sistema feito para hackers e que windows é bem mais fácil etc, isso era o que eu pensava, hoje já abandonei o rwindows e uso 100% Linux ainda o tenho instalado para aqueles momentos em que agradeço aquele dia 01/03/04 que me libertei e vejo como é grande a potência Linux(eu tinha um dom magnífico de atrair vírus...). Já passei por preconceitos com o sistema do pingüin, eh isso não desista e boa sorte no seu projeto...e seja feliz! :)

[12] Comentário enviado por gregh em 18/05/2006 - 21:44h

heheheeh
Desabafa cara..
faz be
:P

[13] Comentário enviado por removido em 18/05/2006 - 22:31h

Aqui na empresa coloquei um firewall simples e com alguns filtros eliminei os virus da empresa um problema que eles tinham que achavam que seria impossivel de resolver(1a. maquina GNU/Linux).
apos isto me chamaram pra configurar uma rede windows com mais seguranca, tirei o samba da manga e uma rede com windows funcionando rapida e segura... (2a. maquina linux)
ai sugeri, este programa que vcs rodam eu tambem faco ele rodar no linux, usei o dosemu e o ssh pra rodar o principal programa da empresa feito em Fox , no computador do patrao pela internet via putty(para eles) e o programa rodava mais rapido que no rWim (instalado localmente),(com isto fui contratado pra trabalhar nesta empresa como gerente de TI) com isto o patrao pediu para colocar uma loja toda em linux, bem tenho 2 meses na empresa e 3 lojas 100% linux (ainda nao 100% GNU pois usa o fox que e codigo fechado) (14 maquinas com linux) pinguim,].
Bem, estou reescrevendo o programa em fox para o php+PostgreSQL e a surpresa veio quando o patrao me chamou pra uma reuniao: -(outra empresa) Nos vamos colococar pra vcs venderem cartao telefonio on-line vcs baixam um programa e controlam as vendas..
a pergunta do patrao:
- Roda em linux pq ate o final do ano todas as lojas estarao em linux...
- (outra empresa) A maioria dos clientes de grande porte estao adotando o linux, pode conversar com nosso setor de TI pq ja temos software para linux!

Get the facts..

OBS: sao as 3 lojas que funcionam 24Hs e ate hoje nao ligaram para pedir suporte.
OBS 2: ja migrei tambem 2 computadores do pessoal que trabalham em suporte na empresa:
- tem jeito de instalar este linux no computador la em casa? o churrasco e a cerveja eu garanto....

[14] Comentário enviado por caiovinic em 19/05/2006 - 01:32h

Parabéns velho! :-P
Muito bom seu artigo!
Este eh mais um exemplo de por quê o Linux vem crescendo e sendo adotado por mais e mais pessoas.

[15] Comentário enviado por nits em 19/05/2006 - 08:18h

Excelente "desabafo". Estou começando a migrar um laboratório aqui na universidade para Linux também. Vai dar trabalho, pois usamos muito programas específicos para a área de engenharia elétrica, mas não desistirei!

[16] Comentário enviado por leovieira em 19/05/2006 - 08:22h

Bother !
Excelente iniciativa !!
assimm que terminar o projeto publique pois
assim como você muitos passam tambem pelo
mesmo problema e tb possuiem a mesma pespectiva de inovaçao
Parabens pelo Artigo

[17] Comentário enviado por tenchi em 19/05/2006 - 09:31h

Ah... Muito bom o artigo...
O pior também é que a maioria de nós quando entramos num curso de informática, aprendemos que o nome do nosso HD é C:.... Muito bom.... kkkk.

[18] Comentário enviado por digaobsd em 19/05/2006 - 09:49h

Pessoal, muito obrigado pelos comentários e elogios.
Imaginava que havia pessoas na comunidade com situações semelhantes à minha, mas nem TANTO !! he he he he.

Um grande abraço a todos.

PS: Mando noticias do projeto.

[19] Comentário enviado por genioloco em 19/05/2006 - 09:55h

São de artigos como este que precisa o mundo Linux.
Que evidenciem o mundo Linux e mostrem que há sim um mundo não Microsoft na Informática.

[20] Comentário enviado por lucianodrosda em 19/05/2006 - 09:57h

E, com tudo isso, ainda temos que aguentar os otários da veja criticando as acoes do governo em prol do software livre...

[21] Comentário enviado por atamaro em 19/05/2006 - 10:47h

cara muito legal msm.
vc vai conseguir não tenho duvida
e o seu chefe vai ficar muito satisfeito
equanto a essa dificuldade de treinamento
sempre se pode ensinar uma coisa nova pra uma mente aprisionada
e so mostra a pilula vermelha...

[22] Comentário enviado por lugh em 19/05/2006 - 12:18h

Cara parabéns pelo "desabafo"

Trabalho em uma ONG onde temos doações de licenças Windows XP + office 2003 em 24 maquinas, e mesmo assim tendo tudo legalizado, estamos começando a fazer a migração de windows para linux. Bom ai vc me pergunta pq?
Simples sou contratado aqui para melhor a qualidade de "vida" destes "mortais" (maquinas) e possibilitar um melhor desempenho, e com isso um cara me lota de virus a maquina todo santo dia e todo santo dia to lá eu dando um format c: enfim, o que faço para resolver isso? como falei LINUX, pois oq to querendo dizer podemos até ter tudo legalizado mas cade a qualidade? cade a segurança? bom isso não existe em um sistema que nos aprisiona. E é por este motivo qualidade, segurança e agilidade que estamos migrando nosso parque de maquinas em breve.


Parabens pelo artigo!!!!

[23] Comentário enviado por nickmarinho em 19/05/2006 - 14:05h

Com certeza é exatamente o que o nosso amigo Rodrigo falou.
Eu trabalhava com Windows, desde o 95 até o Xp.
Achava lindo o gráfico e tudo nele me agradava.
Sou programador de php, e aqui na empresa tinha um rapaz que tinha windows xp e Debian/Linux na máquina dele.
Eu muito curioso disse que queria um dia desses instalar o Linux na minha máquina também, e como temos um pouco de liberdade aqui poderia fazer, pois bem !
O "grande dia" chegou, instalei o Linux, uso ele até hoje aqui na empresa, faz 1 ano isso.
Semana passada comprei um HD novinho de 80gb só pra ele, e já considero o Linux como um filho.
Tudo nele é melhor, sem falar que divulgo na facul o Linux para os meus amigos e já consegui convencer 2 deles a instalarem para tentar usar. (blá, quando eles virem a maravilha que vão ter nas mãos, kkk).
É isso ai gente, eu era preconceituoso, achava que tudo no mundo era Microsoft (arghh !!!), hoje penso totalmente diferente !!!
Abraço !!!

www.lucianomarinho.com.br

[24] Comentário enviado por vandeci em 19/05/2006 - 15:07h

Parabéns pelo artigo. O negócio e tratar os preconceituosos.

[25] Comentário enviado por slipkd em 20/05/2006 - 10:02h

Isso ai galera, na empresa onde trabalho é o mesmo esquema, consegui botar em servidores o linux, com samba, agora vem vindo o sistema novo usando o postgree, logo eu vou querer migrar tudo para linux, converso com o pessoal e me chamam de louco pois os usuários estão acostumados com o Lindão/Ruwindows/Windows...., mas e ai, te pergunto, só porque o bendito esta acostumando com o IE, Outlook não posso mudar ? claro que posso, tanto que coloco Firefox, Thunderbird, programas alternativos para eles usarem e ir se acostumando com as mudanças ....

O sistema da empresa é em DOS ainda, imagina a migração para interface gráfica ? vai ser um "caos", então vamos por partes, migração de sistema e depois Linux, tenho que trabalhar mais com a parte gráfica na qual estou entrando agora e pouco à pouco, eu fiquei tão emaravilhado quando conheci linux e as muitas coisas que se faz com um bash que ainda estou desvendando ele, fazendo tudo nele, esses tempos peguei o jeito de compilar o kernel, que maravilha, enfim, não importam o que me dizem, se o usuário não se agregar paciencia, chega de visão limitada, temos que mudar, temos que crescer e o Linux nos dá essa liberdade...

Abraços

[26] Comentário enviado por cakind em 22/05/2006 - 10:02h

Excelente tópico. Gosto muito de usar linux, mas tive de abandoná-lo por dois motivos:
1º) Minha esposa usa um programa para converter texto em braile, este não roda no linux nem emulando. Mas como ele não esta mais fazendo uso dele, deixou de ser um problema.
2º) Tenho uma Multifuncional da lexmark aqui em casa (X5150), esta sim não funciona nem a pau no linux, já tentei de tudo e nada, teste no fedora, no Mandriva, Mandrake, Ubuntu, Debian, Slackware, Conectiva, Suse, Kurumim e nada, não funcionou em nenhum deles. Se alguém no mundo Linux já conseguiu fazê-la funcionar em alguma distro, por favor me ajudem. Meu e-mail é cak2002br@yahoo.com.br. Estou usando no momento apenas distros linux Live cd (Kurumim, Big Linux entre outras). Desde já antecipo meus agradecimentos.

[27] Comentário enviado por lmarcosleite em 22/05/2006 - 14:40h

Parabéns. È motivante para quem está engantinhando no Linux.

[28] Comentário enviado por agk em 26/05/2006 - 14:16h

O GNU/linux está crescendo em vários aspectos e a medida que o número real de usuários for aumentando as empresas vão começar a produzir mais softwares para ele.
Parabéns pelo artigo, muito bom.

[29] Comentário enviado por elidianemf em 25/10/2006 - 00:23h

Parabéns, adorei seu artigo. És claro, objetivo e determinado! Muito bom, diria mais, excelente!!! Super motivante!


obrigada, aplicastes em mim uma boa dose de: USE MAIS AINDA LINUX!

hehe

[30] Comentário enviado por vvvdracula em 09/02/2007 - 04:39h

Um artigo de grande ajuda para todos, de incentivo e coragem prá mudar
; )

[31] Comentário enviado por JotaHostNet em 04/04/2007 - 06:59h

Inspirador...


Tenho um escritório de WebDesign, estava em duvida para migrar para o linux ( apesar do meu SO ser original), acho q vou vender o antigo e instalar um linux.

Vlw pelo incentivo!

[32] Comentário enviado por jstequino em 19/06/2007 - 15:42h

Parabéns pelo artigo.

Quem ler e continuar com medo de usar o linux tem que se matar.....

Força, Liberdade e Persistência, esse é o meu lema.

[33] Comentário enviado por alex.sk8r em 08/08/2007 - 16:24h

É isso mesmo ! Fiquei muito impressionado com o sistema ! Principalmente depois que vi o Complz rodando, matador ! Fiquei todo empolgado ! Na hora associei o lançamento do Vista ! Vislumbrei os efeitos do Mac, mas quando fui configurar no meu... Necas :( ! Tenho certeza que se as pessoas vencerem o pré-conceito certamente e o Linux pode dominar, partindo do príncipio que as pessoas adoram coisas grátis, mas que funcione !
Parabéns pelo artigo.

[34] Comentário enviado por f_Candido em 07/09/2007 - 22:06h

Perfeito.
Vlws

[35] Comentário enviado por slipkd em 10/09/2007 - 07:02h

A parada cultural é dura, mas só usando mesmo pra saber, pra jogar de vez os mitos bill no lixo ...

viva o gnuuuuuuuuuuuuuuuu :-D

[36] Comentário enviado por gabiluz em 17/12/2007 - 11:46h

Muito bom o seu artigo! Realmente todos os dias enfrentamos situações de preconceito contra o software livre.. mas nada que com o tempo mude.. :)

[37] Comentário enviado por azevedoac em 17/07/2009 - 23:38h

Eu comecei aprender usando tb: primeiro foi o kurumin, depois o ubuntu e agora o fedora. Ficou claro pra mim que o filme matrix realmente é real...reflete nossa realidade: engoli a tal da pílula azul e acordei do ruindow$..Vi realmente como o Bill gates comanda nossa mente com comandos automáticos e amputam nossa vontade...é tudo vomitado pra você...muito boa a sua experiência. Usuários do ruindow$ são verdadeiros ZUMBIS!!! Abcs - parabéns pelo site!

[38] Comentário enviado por possiventura em 08/12/2009 - 09:14h

rodrigo,
muito obrigado
ubuntu
tadeu
p.s. viva o kurumin ...que ajudou ( ajuda ) a conhecer linux

[39] Comentário enviado por julianoazevedo em 25/08/2010 - 14:45h

No início tive medo, mas aos poucos navegando por sites e baixando incontáveis tutoriais resolvi abandonar de vez o Windows 100% pirata e adotar definitivamente o Linux no micro de casa. Tenho instalado o Fedora 13, Sabayon 5.3 e o Ubuntu 10.04. Estou empenhado em estudar o Linux em várias plataformas diferentes de pensamento.

[40] Comentário enviado por smartlinux em 11/09/2011 - 19:50h

Que vergonha estou, agora em 2011 ... pensando assim!! Pelo menos não uso mais no meu trabalho apesar de rodar algumas aplicações pelo wine estou bem. Meu computador pessoal também está com Linux, mas com GRUB gerenciando a inicialização para quando precisar na faculdade do Windows... Complicado ainda é escutar seu amigo pedindo para "formatar" seu computador, isso igual a instalar o windows.

[41] Comentário enviado por KitsuneLady em 13/02/2016 - 17:53h

Hahaha adorei o artigo! Dei boas risadas, e é verdade, Linux é apaixonante <3 Uma vez usando você não consegue mais voltar para o Windows. Parece que o Windows nasceu dos vírus D: É uma ótima plataforma, mas muito vulnerável, todo dia tinha que passar o antivirus :p


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts