Criando um blog com o CakePHP 2.2.1

Este tutorial visa a criação de um pequeno blog como aplicativo de exemplo no Framework CakePHP, versão 2.2.1. Ele é bem resumido e em português, seguindo os passos da documentação oficial. Também compartilho o script final que criei na elaboração do tutorial. O intuito deste artigo é facilitar os primeiros passos com o Framework CakePHP.

[ Hits: 18.566 ]

Por: Ribamar FS em 20/07/2012 | Blog: http://ribafs.org


Banco de dados - Configuração do banco



Banco de dados

Precisaremos de:
  • Servidor Web rodando;
  • Servidor de Bancos de dados (usaremos o MySQL);
  • Conhecimento básico de PHP;
  • Conhecimento básico do padrão MVC: http://book.cakephp.org

Download:

Estrutura de Arquivos

Descompacte no diretório "web" e renomeie para "blog".

A estrutura de arquivos da versão atual é esta:
  • /app
  • /lib
  • /plugins
  • /vendors
  • /build.properties
  • /build.xml
  • /index.php
  • /README

Para aprender sobre a estrutura de arquivos do Cake:

Criando o Banco de Dados

Criar um banco no MySQL com nome "blog" e este conteúdo:

# Primeiro, crie a tabela posts:
CREATE TABLE posts (
     id INT UNSIGNED AUTO_INCREMENT PRIMARY KEY,
     title VARCHAR(50),
     body TEXT,
     created DATETIME DEFAULT NULL,
     modified DATETIME DEFAULT NULL
);

# Então adicione alguns posts para testar:
INSERT INTO posts (title,body,created)
     VALUES ('The title', 'This is the post body.', NOW());
INSERT INTO posts (title,body,created)
     VALUES ('A title once again', 'And the post body follows.', NOW());
INSERT INTO posts (title,body,created)
     VALUES ('Title strikes back', 'This is really exciting! Not.', NOW());


A escolha dos nomes da tabela e dos campos não é arbitrária, mas sim para atender à convenção de nomes do CakePHP.

Quando atendemos à convenções dos nomes do Cake, tiramos vantagens dos seus recursos e evitamos configurações.

Mais sobre as convenções do Cake:

Configuração do banco

Esta é a primeira e última configuração que faremos.

Copie o arquivo: /app/Config/database.php.default

Para: /app/Config/database.php

Edite o arquivo: /app/Config/database.php

Apenas configure o 'array $default', como abaixo:

  public $default = array(
       'datasource' => 'Database/Mysql',
       'persistent' => false,
       'host' => 'localhost',
       'login' => 'root',
       'password' => 'mysql',
       'database' => 'blog',
       'prefix' => '',
       //'encoding' => 'utf8',
  );


Após salvar, já poderá ver o site do blog com: http://localhost/blog

Recebemos dois avisos (Notice) sobre salt e Seed. Por segurança, o Cake pede que alteremos estes dois valores para quaisquer outros.

Edite o arquivo: app/Config/core.php

E altere a linha 187:

Configure::write('Security.salt', 'DYhG93b0qyJfIxfs2guVoUubWwvniR2G0FgaC9mi');


    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Banco de dados - Configuração do banco
   2. Criando posts
   3. Validação dos dados
   4. Excluindo posts - Rotas
Outros artigos deste autor

Lista de extensões preferidas para Joomla!

Leitura recomendada

Ninguém planeja fracassar, mas muitos fracassam por não planejar

Lista de extensões preferidas para Joomla!

JOOMLA no openSUSE em 10 passos

Debian com Apache, PHP4, PHP5 e MySQL

Uma introdução à biblioteca GD

  
Comentários
[1] Comentário enviado por rony_souza em 20/07/2012 - 16:45h

Excelente tutorial!

[2] Comentário enviado por ribafs em 20/07/2012 - 16:47h

Muito grato pela força caro Rony!

[3] Comentário enviado por adrianoc em 15/10/2012 - 23:08h

Parabéns pelo artigo, gostaria de recomendar estes sites para um melhor suporte, http://book.cakephp.org/


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts