Tabelas: como colocar uma dentro da outra

Publicado por Sergio Teixeira - Linux User # 499126 em 03/01/2008

[ Hits: 8.726 ]

 


Tabelas: como colocar uma dentro da outra

O terror de todos aqueles que, por algum motivo, ainda usem HTML é ter de criar e manipular tabelas.

A dica pode parecer muito óbvia, mas passa despercebida por muitos.

Se tiver que criar uma tabela dentro de outra já existente, coloque-a entre as tags <td> e </td>.

Dentro de sua nova tabela, faça o que bem entender.

Lembre-se, porém, de que a largura da nova tabela deve corresponder à largura da "td width", portanto o melhor é colocar table width = 98%.

Experimente!

Outras dicas deste autor

Opera 8.0 no Basic Linux 3.5

Usos reais para um velho 386

Um pouco sobre bits e bytes

Mais uma mini-distribuição: SliTaz GNU/Linux

Brincando com HTML - tag MARQUEE

Leitura recomendada

Serviço online de scanner de portas

Web-ICQ no GNU/Linux - Como colocar no site e criar botão para executar

W3Schools.com: tutoriais, referências e exemplos voltados para a web

Codificação Hexadecimal On-Line

Testando sempre o Firefox mais recente


Comentários
[1] Comentário enviado por comechao em 03/01/2008 - 16:41h

"por algum motivo, ainda usem HTML", Todo desenvolvedor web tem que saber e usar html não? Quem (que trabalhe com web) é que não sabe usar tabelas!!!!???

[2] Comentário enviado por Teixeira em 04/01/2008 - 11:55h

Entendo seu ponto de vista.
No entanto, existem aqueles que, mesmo conhecendo HTML, evitam tanto quanto possível o uso de tabelas.
Seja porque dá muito trabalho, seja porque em meio a tanto código, a possibilidade de erros é maior.
Mas escrevi essa dica com base em reclamações de alunos de cursos de HTML que acham que isso é "um terror", "um bicho de sete cabeças".
Desenvolvedores profissionais, por outro lado, estão adotando "tableless", css e ferramentas wysiwyg, que praticamente escrevem o código sozinhas...
Quando eu estudava Assembly, minha principal dificuldade (depois dos terríveis fluxogramas) eram os tais "index registers".
Eu tinha direito a 16 horas de análise, portanto chamei o analista e ele em menos de meia-hora esclareceu tudo o que eu precisava saber ( e que por algum motivo eu me recusava a aprender ).
Faltava apenas cair a minha ficha.
Minha intenção é apenas a de ajudar aos que ainda se enrolam com esse coisinha chamada tabela.



Contribuir com comentário