Compilando a última versão do WINE no Linux

Publicado por Eduardo Fonseca Velasques em 11/02/2009

[ Hits: 9.765 ]

Blog: http://eduveks.blogspot.com

 


Compilando a última versão do WINE no Linux

Para quem não sabe, o wine permite rodar aplicações Windows em Linux/BSDs sem precisar de uma cópia do SO da Microsoft, sendo possível rodar a maioria dos programas desenvolvidos para Windows no Linux.

Wine quer dizer: "Wine Is Not an Emulator!" Ele não é um emulador por que ele não emula a arquitetura de processadores do Windows, o Intel x86. Ele simplesmente consegue executar os binários do Windows na arquitetura em que está rodando, como uma ponte entre os binários daquele e o sistema nativo em que ele está rodando (Linux/BSDs), independente da arquitetura do processador.

O Ubuntu tem o wine disponível no repositório oficial, mas nunca é a versão mais recente. Como estão sempre melhorando para rodar melhor os programas Windows, convém mantê-lo atualizado.

O wine pode consumir bastante recursos da máquina, dependendo das aplicações que ele vai rodar (jogos por exemplo). Por estas e outras o melhor é estar sempre com a versão mais recente e compilada para ter melhor desempenho.

1) antes de mais nada, instale as dependências do wine:

$ sudo apt-get build-dep wine (estas dependências não são completas)

2) baixe e execute o arquivo de script de dependências correspondente a sua versão do Ubuntu (no meu caso):

$ wget http://winezeug.googlecode.com/svn/trunk/install-wine-deps.sh
$ chmod +x install-wine-deps.sh
$ sudo ./install-wine-deps.sh


3) faça o download da última versão do arquivo de source (.tar.bz2) do wine.

4) extraia o arquivo baixado (ex.: wine-NOVA-VERSÃO.tar.bz2):

$ tar -xvjf wine-NOVA-VERSÃO.tar.bz2

5) através da console, entrar na pasta de sources do WINE e fazer:

$ cd wine-NOVA-VERSÃO
$ ./configure


6) se no final do "./configure" obtiver o seguinte alerta:

configure: WARNING: No OpenGL library found on this system.
OpenGL and Direct3D won't be supported.

7) então os links simbólicos da libGL não devem estar corretas, analise com:

$ ls /usr/lib/libGL* -o

8) é preciso que o link simbólico /usr/lib/libGL.so -> /usr/lib/libGL.so.XXX.XX esteja a apontar para a versão mais recente da libGL, onde "XXX.XX" é a identificação desta. Caso exista o link simbólico remova-o:

$ sudo rm /usr/lib/libGL.so

9) agora crie o link simbólico para a versão mais recente que tiver:

$ sudo ln -s /usr/lib/libGL.so.XXX.XX /usr/lib/libGL.so

10) repita o passo "5", o ./configure sem o alerta.

11) dependências e configurações feitas com sucesso, agora só falta compilar e instalar:

$ make depend && make
$ sudo make install


Pronto!

12) será criado a entrada do "wine" no menu de programas. Através da console é só executar:

$ wine ARQUIVO_EXECUTÁVEL_DO_WINDOWS.exe

Clique no link para ver a lista dos programas suportados e o nível da qualidade de execução.

Outras dicas deste autor

Apache 2.2 - Modules

Ubuntu iniciando o Compiz e placa Nvidia com antialiasing

Script Python para consumir Web Services em .Net

Cedega 5.1

GlassFish vs Apache

Leitura recomendada

VirtualBox no Fedora 20

Exibindo vídeos no xmms (com mplayer instalado)

Instalando o Grub-Customizer

Istanbul - Gravando Área de Trabalho

Imprimindo no OpenOffice


Comentários
[1] Comentário enviado por Daniel_Oreia em 17/10/2010 - 02:01h

Ola estou tentando atualizar o WINE mas não estou conseguindo.
A versão do meu Ubuntu é 10.04, segui todas as sequencias a cima, porem quando chega a parti de extrair não sei onde devo extrair o arquivo.
Tentei extrai em algum dos diretórios e quando passo o comando tar -xvjf wine-1.1.32.tar.bz2
da a seguinte mensagem.

tar: wine-1.1.32.tar.bz2: Não é possível open: Arquivo ou diretório não encontrado
tar: Erro não é recuperável: saindo agora
tar: Child returned status 2
tar: Saindo com estado de falha devido a erros anterior

Não tenho tanto conhecimento em Linux se alguém poder me ajuda ficarei agradecido.

meu Email: daniel-a-santos@hotmail.com



Contribuir com comentário