Linux slogan
Visite também: BR-Linux.org · Dicas-L · Doode · NoticiasLinux · SoftwareLivre.org · UnderLinux



» Screenshot
» Login
Login:
Senha:

Se você ainda não possui uma conta, clique aqui.

Esqueci minha senha



Artigo

10 dicas para aprender a programar por conta própria
Linux user
m3ocs-d4rksun
22/11/2005
Bem, estou aprendendo a programar por conta própria, e vejo que a introdução à área é muito difícil para alguns. Pensando nisso, bolei esse texto com 10 dicas para ajudar as pessoas que desejam aprender a programar por conta própria.
Por:
[ Hits: 119196 ]
Conceito: 9.6   41 voto(s)41 voto(s)41 voto(s)41 voto(s)41 voto(s) + quero dar nota ao artigo

Introdução

Primeiramente, quero dizer às pessoas que estão querendo aprender a programar que tenho alguns "macetes" para não desanimar, justamente por mim ter desanimado algumas vezes no meio do aprendizado, daí criei esses métodos para poder continuar e como vi que deu certo comigo, talvez deva possa dar certo com outras pessoas também.

1. Tenha um objetivo. Você tendo um objetivo para aprender a programar fica muito mais fácil, anote em algum lugar numa folha ou até mesmo num arquivo de texto seu objetivo e quando estiver desanimado, leia. Ou até mesmo algo que você viu, alguém programando, etc. Não aprenda a programar por motivos bobos, como esse por exemplo: "Tenho que programar para ser "hacker"...", por que um hacker não é o que a mídia diz ser, por isso procure saber o que é realmente um hacker.

2. Não se assuste. Quando você vê algo novo na linguagem que você está programando, sempre pense: isso é fácil... por que nem tudo é tão difícil quanto se aparenta ser.

3. Sempre veja exemplos de pessoas que já programam, você pode aprender com os exemplos e até evoluir os exemplos, essa é uma razão pra mim usar sistema open source.

4. Sem um professor, você mesmo determina o seu tempo de aprendizado para cada capítulo. Nunca avance sem ter aprendido o capítulo anterior. Caso você não esteja conseguindo aprender um capítulo, tente outra em outra hora que sua mente esteja mais descansada. Não se apresse, por que você será um eterno aprendiz.

5. Use sempre comentários em seus programas, isso te ajudará a fixar a função dos comandos.

6. Tenha uma boa lógica e um bom raciocínio. Tendo uma boa lógica e um bom raciocínio, você terá mais facilidade a aprender a programar. Programação não é baseada em só decorar os comandos como alguns pensam e me disseram, é preciso muito mais do que decorar os comandos, por isso ter uma boa lógica é fundamental. Uma boa coisa para evoluir a lógica é o raciocínio é a matemática.

7. Tire suas dúvidas com pessoas que já programam, se você não conhecer ninguém, na internet mesmo você pode encontrar.

8. Se você resolver estudar lógica de programação, no começo você certamente vai achar bobeira, pois não pare de estudar, no futuro isso vai fazer muito sentido.

9. Não evolua maus hábitos. Para não evoluir maus hábitos, é muito importante ver como uma pessoa que programa há muito tempo se comporta. Mas cuidado ao seguir os exemplos, dependendo do nível da pessoa que o programou.

10. Bem, essa última dica é pessoal, não sei se vai funcionar com vocês, essa dica foi uma pessoa da internet que me deu e funcionou comigo. Beba café quando estiver programando, ouça uma variedade de músicas calmas, mas quando estiver cansado (não desanimado), beba refrigerante e tome sorvete bem gelado, isso esfria a cabeça.

Por: Abreu, Rodrigo
E-mail: darksunrba@gmail.com
MSN: darksunrba@gmail.com

   




Páginas do artigo
   1. Introdução

Outros artigos deste autor

Leitura recomendada

Comentários
[1] Comentário enviado por fdavid em 22/11/2005 - 07:50h:

Reforço os itens numero 1 e 6!
Sou programador a mais de 10 anos e sempre quando vou aprender uma nova linguagem, antes criu um projeto que desejo desenvolver, atualmente estou aprendendo PHP e o objetivo com ele é e-commerce.

Costumo dizer que tendo logica voce programa até uma pedra, hoje por conta da internet, conhecer uma nova linguagem ficou facil.


[2] Comentário enviado por removido em 22/11/2005 - 08:43h:

gostei da frase: "Não se apresse, por que você será um eterno aprendiz.". isso eh a mais pura verdade...


[3] Comentário enviado por xultz em 22/11/2005 - 09:51h:

Cara, por tudo que há de mais sagrado, se depois de um mim tem um verbo no infinitivo, você deve usar "eu".
Assim, na introdução "por mim ter desanimado" ter está no infinitivo, logo a frase fica "por eu ter desanimado". A mesma coisa acontece em "essa é uma razão pra mim usar sistema open source" e em mais alguns pontos do texto.
Desculpe ser chato corrigindo esse tipo de coisa, mas é doído ver um erro assim, e um texto profissional não pode ter este tipo de coisas.
Considere uma crítica construtiva, por favor.

No geral, teu texto está bem legal.


[4] Comentário enviado por fernoliv em 22/11/2005 - 09:52h:

É isso ai Rodrigo, parabéns pela força aos novatos!

Abraço,

Fernando.


[5] Comentário enviado por analfabeta em 22/11/2005 - 09:55h:

Desculpe a crítica, mas o texto merece uma mais atenta revisão ortográfica. Mas o conteúdo preserva-se. Parabéns, pois eu aprendi a programar sozinha mesmo. . .


[6] Comentário enviado por dudus em 22/11/2005 - 12:34h:

Engraçado esse último comentário vir exatamente da analfabeta... rs


[7] Comentário enviado por sidsodre em 22/11/2005 - 13:23h:

Para quem quer começar a programar em PHP e trabalha com Windows, uma otima é baixar o programa easyPHP-1.8. Ele instala (com next next finish) o Apache, o PHP e o Mysql.
Dai com uma apostila básica de PHP, vai ficar craque rapidinho.
Importante: tem q ter visão lógica.


[8] Comentário enviado por caralegal em 22/11/2005 - 14:14h:

Não sou programador profissional, os poucos programas q fiz foi na faculdade, mas meu professor smpre deu dois conselhos...
1- Não reinvente a roda (tipo não criar funções q ja existem, reutilize)
2- Evitar o uso de loops, isso é má lógica d programação

Espero q tenha contribuido.....aquele abraço!!!


[9] Comentário enviado por matroska em 22/11/2005 - 15:38h:

nuss muito brita isso coloquei teu artigo no meu favoritos veio! vlw =) no favoritos do meu Navegador viu!!! to pensado ate em colocar em HOME =P


[10] Comentário enviado por matroska em 22/11/2005 - 15:43h:

essa 10 e a melhor =) vlw


[11] Comentário enviado por matroska em 22/11/2005 - 15:45h:

aff kra to ate emocionado postando 3 vez.. esse artigo e lindo!! o melhor artigo no VOL sem duvidas... 10... 100... 1000000000000000000000000!!!!!!!!!


[12] Comentário enviado por hernanes em 22/11/2005 - 16:38h:

Com certeza a opção 10 colaborou muito em varios projetos que desenvolvi
Parabens!!


[13] Comentário enviado por cbov em 22/11/2005 - 17:54h:

as dicas são boas, eu sou um que aprendeu a programar sozinho, porem depois que entrei na faculdade e descobri uma coisa chamada "algoritimos" eu me pirei, pq foi o que eu acabei aprendendo sozinho sem saber que esse era o nome da coisa... é isso que voce esta chamado de logica de programação, resumindo. entendendo bem algoritimos a linguagem de prog é so sintaxe, (ps: orientação a objetos tb é outra coisa que vale a pena estudar depois de pegar bem algoritimos)


[14] Comentário enviado por humbhenri em 22/11/2005 - 19:37h:

Pode parecer q eu to querendo polemizar mas na minha opinião a gente só aprende a programar sofrendo. Então se você quer aprender a programar como um profissional começe com no máximo um gvim e o compilador, nada de debugador, nem gdb etc. Aprende a depurar seu código apenas com prints, isso mesmo, pra saber o q acontece com uma variavel taca um printf. Só. Programaçao Orientada a objetos é mamão com açúcar, então comece com uma linguagem poderosa e sem frescuras como C ou se quiser radicalizar parta logo pro assembly. Python, basic etc só te deixam com vícios ruins. Se achar C difícil, comece com Pascal. O importante não é a linguagem, o importante é não ficar dependente de IDEs visuais e tal. Aprendi isso por experiência e observação. Na minha faculdade um aluno tava fazendo um trabalho de combinaçao de nao sei o que. Fez em python, demorou 2 dias pra fazer e calculor q o programa levaria 4 dias para terminar. Daí meu professor pegou o mesmo problema, fez o programa em sed e shell em 4 minutos de o programa gastou 20 minutos para terminar.


[15] Comentário enviado por freakcode em 22/11/2005 - 19:59h:

Programação É por conta própria... um curso superior em informática ou um curso específico te ensinam a metodologia ou macetes de algum ambiente de desenvolvimento / bibliotecas.


[16] Comentário enviado por cbov em 22/11/2005 - 20:16h:

bom eu so dei a minha opnião,e ps: tb concordo que tem ums bitolados por OO que nao sabem o que os Objetos fazem internamente ....
mas a questao do editor ... nao existe o melhor, o melhor e o que voce conhece bem ... pessoalmente gosto do vim tb mas isso nao diz nada.
e na minha faculdade deixa muito a desejar na questão programação. eles ensinam mais a liguagem do que a programar, dai se formam ums caras programando em delphi achando que é a melhor linguagem do mundo.
mas lembrando tb que cada problema existe uma liguagem que melhor resolve o problema.


[17] Comentário enviado por m3ocs-d4rksun em 23/11/2005 - 00:21h:

aee.. é bem legal ver um artigo que eu mesmo fiz aqui no VOL... bem legal... falow ae..

obrigado pelas opniões..


[18] Comentário enviado por grafh em 23/11/2005 - 00:30h:

Não sei se ajuda mas quem for aprender a programar sozinho deve começar com uma linguagem mais simples. pelo menos para ter uma idéia de como as coisas funcionam pra quem começa agora vale apena tentar fazer seus próprios scripts em shell porque já é um começo.pois entre fazer um script em shell de uma calculadora e bem mais fácil do tentar fazer o código fonte de um emulador de PS2 em linguagem c ou c++ .a e tem mais uma coisa quando você estiver aprendendo a programar vale apena pensar que isto e um treinamento para você se tornar um cavaleiro JEDI da computação mas lembre se muito, seus pensamentos influenciaram nas suas decisões do futuro você escolhe.

ou você tem a força ou você tem o lado negro da força



[19] Comentário enviado por alicornio em 23/11/2005 - 02:04h:

Oi povo

Concordo com alguns pontos levantados nos comentários: o m3ocs-d4rksun precisa de 10 dicas de português para escrever corretamente um artigo. :-); usar apenas editor de texto e compilador (NADA de IDE); aprender sem pressa e do mais simples (óbvio); a linguagem pouco importa o que interessa é o algorítmo. Bem, foi pensando nesse último que resolvi dar minha dica. Para quem nunca fez um printf("Hello Word!"); sugiro a leitura desse livro: http://americanas.com.br/cgi-bin/WebObjects/BookStore.woa/wa/prod?pitId=157801
, não estou fazendo propaganda, só quero indicar o primeiro degrau
para aqueles que querem programar mas não sabem nem descompactar um arquivo (não riam, isso existe :-). O bom entendimento de algorítmos é fundamental. Esse livro vai ajudar a você que não sabe nem para que serve uma variável.

Quando você estiver fera minha recomendação é esse livrinho: http://www.submarino.com.br/books_productdetails.asp?Query=ProductPage&ProdTypeId=1&ProdId=166575&ST...
:-p

Quanto ao que disse o caralegal no item 2... Olha loops não significa má lógica de programação não... Claro, desde que usados corretamente. O que seria da computação sem os loops? :-)

Aos que estão radicalizando, como disse o humbhenri, a minha dica é fazer um programa bem simples em C e depois compilar usando a flag -S do gcc. Isso gera um arquivo texto com o código em assembly, daí é só comparar os dois fontes e descobrir como realmente funciona um programa.

Até

Thiago


[20] Comentário enviado por go3th3 em 23/11/2005 - 02:13h:

Eu incluiria tambem uma boa leitura(nao-tecnologica) claro, pra agucar a mente...
p.s.: teclado desconfigurado, s/acento, foi mauz :P


[21] Comentário enviado por thiago.souza em 23/11/2005 - 10:35h:

Eu acho que aprender a programa é muito importante nos dias de hoje... Acredito que tendo a lógica tudo é possível...

A Minha dica é:
" Antes de pegarem uma linguagem, procure entender a Lógica de Programação, pois ñ adianta querer começar a programar sem a lógica...
Procure pelos algorítmos, e comece usando o Pascal, que para aprender lógica e linguagem, é muito bom" ...

Valeu Galera


[22] Comentário enviado por durfos em 23/11/2005 - 10:51h:

É galera programar sem ter noção alguma de lógica é meio complicado. Acredito que programar é uma arte, sinceramente eu não consigo encarar como o meu ofício diário, gosto tanto de programar que quando percebo já terminou o meu expediente e quando estou em casa no conforto eu tenho que encarar um C/C++ e SDL.

Mas encarando esse artigo de uma forma mais saudável, eu não aconselho tomar café durante o ato de programar, pois pode estragar seus dentes, viciar em cafeína e causar úlcera, se ouvir músicas que não seja tão alto para não estragar seus tímpanos e quando a lógica parecer complexa e sem resposta, vá bater perna, pense em outra coisa, tente fazer algo diferente e relaxe, quando você estiver bem relaxado ai sim pense na lógica.

Dessa forma que eu programo, sei que ainda tenho muito que aprender, mas tenho orgulho de dizer que já tive alguns avanços consideráveis. Afinal já são 3 anos de programação e 1/2 ano profissionalmente.




[23] Comentário enviado por gutuffy em 23/11/2005 - 13:47h:

Cara eu concordo acho que tomar cafe pode trazer problemas mas ao mesmo tempo nao dispenso um cafezinho quando o sono bate ou quando estou programando.Bom o artigo esta legal e acho que para programar temos de ter uma motivacao mesmo.
Comecar a programar ja e um bom sinal.


[24] Comentário enviado por removido em 23/11/2005 - 16:13h:

A 10ª dica funciona com cerveja? rs
Artigo muito bom.

Abraço


[25] Comentário enviado por vandoloko em 24/11/2005 - 00:36h:

aeee linux man mando na parada ae auehiua
viajei nisso aki --> 4. Sem um professor, você mesmo determina o seu tempo de aprendizado para cada capítulo. Nunca avance sem ter aprendido o capítulo anterior. Caso você não esteja conseguindo aprender um capítulo, tente outra em outra hora que sua mente esteja mais descansada. Não se apresse, por que você será um eterno aprendiz.

mandoo
ae issu ae ajuda mtaum mermu..
eh nois


[26] Comentário enviado por Cybertitan em 24/11/2005 - 01:37h:

Artigo muito bom, =].

Eu adorei esta dica:

" 9. Não evolua maus hábitos. Para não evoluir maus hábitos, é muito importante ver como uma pessoa que programa há muito tempo se comporta. Mas cuidado ao seguir os exemplos, dependendo do nível da pessoa que o programou. "

E tambem gostaria de deixar 2 dicas para o pessoal:

- Se organize, pois ter milhares de codigos nao organizados e nem bem documentados nao levam a lugar nenhum, alem de perda de tempo.

- Desista do Windows, e nao seja maquinado a interface visual, isto somente torna as pessoas massa de manobra, procure entender o que esta sendo feito por de tras de cada tela, e na hora que vc se sentir cansado, pense, vc possui uma vida la fora.

Obs: Desculpe pelos acentos. Maldito teclado =]


[27] Comentário enviado por in54no em 26/11/2005 - 16:01h:

Eh, isso ai, otimo artigo...
Concordo com o post acima...
Desista do Windows, e nao usem ferramentas mascaradas (hehe dahora o termo para uma IDE neh!?)
Mas eh isso ai!


[28] Comentário enviado por carloscr em 28/11/2005 - 18:15h:

Nossa brigadu pela dica vou tentar novamente e vou conceguir seguindo estes concelhos


[29] Comentário enviado por agk em 29/11/2005 - 16:54h:

Muito boas as dicas, quem quer consegue.


[30] Comentário enviado por pitt3r_p4rk3r em 02/12/2005 - 17:32h:

uhuhu

Bom artigo...

Apesar de não ser um bom programador... ou nem mesmo me considero um programador...

o Item 4 é o que me falta...

Parabéns...

o Item 4 pra mim seria exatamente como vc disse... meu problema é a força de vontade de estudar sozinho...
com alguns amigos eu estudo e me desenvolvo facil...
mais sozinho eu ....
xa pra la


parabens... :D


[31] Comentário enviado por r4f43l.m0r43s em 06/01/2006 - 21:33h:

num sei programar nem meu "video-k7". vou seguir esssas dicas e ver se aprendu. :)



[32] Comentário enviado por josemar_mariano em 12/06/2006 - 15:34h:

tenha isso, faça aquilo, puxa... é como você ver alguém pobre e dizer pra ele, "olha seja rico que sua vida vai melhorar", antes de sentar na frente de uma micro e sair digitando um monte de comandos, aprenda logica, se você não souber logica, por mais que conheça a fundo uma linguagem qualquer, nunca será um programador.
Segue um link que pode ajudar
http://www.apostilando.com/download.php?cod=411


[33] Comentário enviado por zottoz em 20/06/2006 - 22:34h:

aprendi a programar em Basic ontem :p


[34] Comentário enviado por damnsmall em 08/08/2006 - 16:00h:

Cara, legal, gostei a pacas!!! Eu também to começando a programar sozinho, tá ligado? Mas olha, já aprendi HTML, JavaScript, e to começando Shell Script. Não é uma tarefa fácil, pq sem professor é foda, mas eu sempre penso quando tow com dúvida ou com algum problema horrorível: "cara, os professores pegam o material da net, então é da net e na net que eu vou buscar ajuda, não vou parar aqui!" e continuo arduamente, entendeu? Claro que a gente sempre encontra os esnobes, mas neles a gente pisa depois, entendeu?. O que você falou que eu acho muito importante foram os pontos 3 e 7. Exemplos e programadores mais experientes, ou ainda exemplos de programadores experientes. Cara é isso aí... Parabéns, valeu!!!


[35] Comentário enviado por removido em 08/11/2006 - 12:53h:

"inteligente não é aquele q sabe muito de pouca coisa, e sim aquele que sabe um poco de muita coisa", essa é minha dica, nao adianta achar c# é a melhor linguagem do mundo, você tem liberdade pra escolher o que encaixa melhor no seu contexto, eu automatizo tudo aqui em shellscript e fasso plugins pro xchat em python, pra web uso o php, é isso ai, vamo aprender q conhecimento nunca é demais


[36] Comentário enviado por fsapo em 22/01/2007 - 13:16h:

Olá,

Eu iniciei um projeto de um blog que tem como objetivo ensinar a programação para usuários leigos, estou postando uma "lição" por dia e tentando explicar o máximo possível o porque de cada coisa em vez de apenas a linguagem, e também estou ensinando 2 linguagens ao mesmo tempo, C# e Python, para mostrar a quem quer aprender que programação não depende da linguagem e sim da lógica.

Se quizerem dar uma olhada o endereço é:

http://aprendaaprogramar.blogspot.com


[37] Comentário enviado por maro em 26/01/2007 - 20:03h:

toda dica é boa, mas vai ai um link de ouro de como aprender a proigramar. http://www.phpbrasil.com/articles/article.php/id/937 lá fala sobre php é um artigo massa, show de bola
té mais confira


[38] Comentário enviado por vvvdracula em 09/02/2007 - 05:58h:

valeu pelas dicas
;)


[39] Comentário enviado por eltonbsousa em 14/06/2007 - 00:12h:

Minha sugestão:
* Use um bom livro, um livro dá uma base melhor do que aprender em apostilas. Se você não tiver condições de comprar, pegue emprestado em uma biblioteca.
* Aprenda lógica de programação (algoritmos), um bom roteiro de estudo você encontra no site do Manzano, autor do livro “Algoritmos – Lógica para Desenvolvimento de Programação de Computadores” da editora Érica (muito indicado para iniciantes). Segue o link do site:
Programação - Como Estudar
http://www.manzano.pro.br/estuda.html


[40] Comentário enviado por andrezakastro em 13/11/2007 - 16:36h:

Preciso de ajuda urgente: Cursei até o terceiro período em ciência da computacão, mas tranquei o curso pq naum aprendi a programar, estou pensando em voltar mas não sei se devo pelo mesmo motivo do trancamento.Gostaria que me ajudassem c/ vossas opiniões.Obrigada a todos que aceitarem contribuir.


[41] Comentário enviado por removido em 15/01/2008 - 15:59h:

Bom nada a é dificil a nao ser que voce a deixa de torna-la facil :)


[42] Comentário enviado por removido em 25/01/2008 - 08:44h:

olá pessoal, eu aprendi a programar sozinho, comecei aos 11 anos de idade em foxPro e clipper, quem se lembra? rs... depois fui me aperfeiçoando, c/c++, asm, pascal, vb(por ondem de força maior), agora estou indo muito bem, obrigado, em shell script e quero pirar mais pra frente em outras linguagens(somente SL), pois isso é o futuro... nunca desanimen pois aprender sozinho é um trabalho duplo, mas a recompensa é dupla também, afinal vc pode bater no peito e dizer que tem muita raça, e só pra terminar, aprender sozinho não é pra qualquer um, somos privilegiados... he he he. graças a Deus.

um frote abraço a todos. e vamos nessa com o SL


[43] Comentário enviado por Sun City em 30/05/2008 - 10:50h:

Olá pessoal, quero agradecer a todos que passaram as dicas de links e sites, estão me ajudando muito, pois quero aprender a programar, mas não sei nem descompactar um arquivo, como alguém já disse aqui, haha, um abraço.


[44] Comentário enviado por Sun City em 30/05/2008 - 10:51h:

A propósito, alguém poderia me explicar o que é loop?
valeu!


[45] Comentário enviado por hra em 10/07/2008 - 15:59h:

Minha colaboração para quem quer aprender, seja programação ou qualquer outro algo:

1. Escolha uma técnica com o qual você tenha alguma afinidade, seja uma linguagem, uma ferramenta ou outro algo. Escolha por afinidade e não por modismo.

2. Exercite essa técnica até a mecanização plena do ato. Bons creadores, sejam programadores, escritores, arquitetos, pintores, escultores, enfim, bons profissionais da creação, quando se colocam a produzir o algo novo, já o elaboraram mecanicamente em suas mentes, e apenas o desenvolvem no processo da exteriorização, por isso que os programadores ganharam o rótulo de desenvolvedores. Repetir muitas vezes um ato o torna mecânico e automático. Um mestre de artes marciais disse certa vez: "Um movimento se aprende repetindo corretamente por 1000 vezes. E se domina após repetir 1.000.000 de vezes COM PERFEIÇÃO".

3. Abandone a técnica. Isso provavelmente vai chocar até os mais velhos, mas é fato, quem se prende a técnicas morre com elas.

Três ensinamentos que eu normalmente só daria a meus filhos, mas o mundo está mudando, é hora de dividir os conhecimentos.

Boa sorte a todos nós.


[46] Comentário enviado por lsilveira em 23/07/2008 - 16:19h:

estou iniciando no mundo do php e vou seguir algumas dicas dele , algumas coisas eu ate ja faço , não sento pra programar sem uma coca cola do meu lado !!!


[47] Comentário enviado por estevao_90 em 04/08/2008 - 15:29h:

É mt boa as dicas...
agora fiquei em dúvida: em um comentário, dizem que um professor recomendou não usar loops...
mas meu professor diz que o loop é a essência da programação... tudo que é repetitivo demanda a programação.
Logo loops e recursividade são muito usados...
e agora?
abraços!!!!


[48] Comentário enviado por ranzes em 05/08/2008 - 17:01h:

Bem tirando todos os erros de português....
Tudo que foi colocado é a lógica para quem gostaria de se aventurar na programação de forma autônoma.
Agora:
Artigo != Dica




[49] Comentário enviado por Thiago Madella em 07/08/2008 - 14:39h:

Good .....very good friend.


[50] Comentário enviado por hanami em 10/08/2008 - 00:16h:

Tenho 12 anos de programação... atualmente sou gestor, mas de vez em quando bato um código em Cobol ou em VB.
A 12 anos atrás aprendi a programar em Basic brincando de fazer jogo de perguntas... algo bem simples para testar o comando IF e variáveis, mas é um bom começo, ainda mais para mostrar para quem não conhece programação e mostrar que você que fez.
Ai comecei a pegar os códigos em Qbasic (acho) do Nibbles e do Monkey do DOS (alguém é dessa época) e alterar os jogos...
Depois no colégio aprendi Clipper e Cobol tendo aulas mesmo... já no estágio, fui fuçar no VB e coloquei como objetivo fazer um jogo de caça níqueis... ele acabou evoluindo para um poquer com Inteligência artificial para blefar e daí já fui montar um sisteminha de cadastro gravando banco de dados...
Mais recente, quando já estava trabalhando somente com cobol quis aprender HTML e ASP e formei uma turma na internet... esse foi o objetivo para o site e fui colocando as funções aos poucos...

Bom... o que quero dizer é que, se for como eu que não gosto de ler um livro e ficar escrevendo código para mostrar "Olá Mundo", pensa numa coisa fácil, como um jogo de perguntas e respostas, trabalha a lógica dele e depois procura no livro os comandos de impressão na tela, de receber resposta e de comparar dados... vai conseguir dar o pontapé inicial...


[51] Comentário enviado por Teixeira em 18/08/2008 - 08:20h:

Fora os erros de Portugues, que os colegas comentaram, tenho apenas que elogiar sua iniciativa em escrever suas dicas. Parabens!

Acho que e' interessante o programador conhecer razoavelmente bem umas duas ou tres linguagens diferentes, pois assim podera' saber qual delas usar para melhor fazer um determinado programa.
Algumas linguagens sao melhores, outras piores para determinadas finalidades.

Pode parecer obvio, mas Cobol, Clipper ou HTML nao sao as melhores linguagens para jogos.

Para manipular uma pequena e despretenciosa base de dados, Clipper sera' infinitamente mais razoavel que Cobol, pois o tempo empregado em desenvolvimento e depuracao sera' muito menor.

Basic nao lida bem com bases de dados, mas e' muito boa quanto a matrizes e vetores.

Certos programas exigem um "pulo do gato" para que se possa escapar dos loops em carater emergencial.
Nesse caso, nada de Pascal, pois sua estrutura e' extremamente disciplinada e nao o permite, de forma alguma.

Por isso, acho que quem aprende Basic (por exemplo) deve tambem aprender Pascal, para saber lidar com estruturas diversas.

E de posse desse conhecimento, o programador evitara' colocar-se em becos sem saida, e tambem a escolher o melhor caminho para chegar a um melhor resultado.

Concordo em que nao se deve tentar reinventar a roda. Eu mesmo, apos completar o curso de Assembly, vi-me na obrigacao de fazer uma rotina de extenso numerico, para o sistema de emissao de duplicatas.
Isso me deu muito trabalho mental e muitas horas de depuracao.
Uma semana depois o gerente da industria de computadores, ao tomar conhecimento disso, prometeu mandar-me duas rotinas prontas, uma para duas linhas de texto, e outra para tres linhas.
Ele cumpriu rapidamente a promessa, mas ja' era tarde.
O programa ja' estava rodando com a minha rotina.

Acontece que quem trabalha com informatica esta' sempre no meio do fogo e tem de fazer tudo para ontem...

A proposito, minha primeira linguagem foi o Assembly, cujo curso foi feito junto ao fabricante do computador.
Tambem fiz um cursinho de Cobol, outro de Basic.
Dai' em diante, tornei-me autodidata, e ai' entao fui APRENDER Cobol e Basic...

Tenho como fatores determinantes para se aprender qualquer coisa na vida, a determinacao e a motivacao.


[52] Comentário enviado por leandrojf em 18/08/2008 - 17:53h:

gostei cara...estou querendo aprender programar a tempo, se tu puder me dar mais umas dicas ai eu agradeço...meu msn é: leandrojf15@hotmail.com


[53] Comentário enviado por Anderson SF em 20/08/2008 - 21:33h:

Bicho.. fiquei com vontade de programar, o problema é que odeio matematica, tem solução ou é melhor partir pra outro ramo, tipo eletronica? (nessa as equaçoes são menos complexas).

Belo artigo.
Parabens!


[54] Comentário enviado por dylon em 26/08/2008 - 08:55h:

parabens pelo artigo cara!! estou fazendo um tecnico de desenvolvimento e quinta feira esta programando em Delphi e simplesmente travei, não conseguia mais fazer nada!! intao comecei a ouvir musica e tudo ficou mais facil!! café não não gosto!! mas musica, sorvete e refrigerante, vou adotar tbm!! vlw cara!!


[55] Comentário enviado por saimonsaigon em 10/09/2008 - 17:42h:

Gostei da sua forma de como dar dicas aqueles que estao iniciando na area de logica de programacao,dando incentivo, e isso ai.


[56] Comentário enviado por regis_apache em 22/09/2008 - 17:16h:

kkkkkkkkkkk a numero dez foi demais, um amigo meu gosta de tomar umas e já outro gosta de um fuminhu, mais conhecida como canibsativa rsrs


[57] Comentário enviado por joaomc em 22/09/2008 - 18:41h:

(ver abaixo)


[58] Comentário enviado por joaomc em 22/09/2008 - 18:43h:

- Evite dicas como: "Comece com C! Python te deixa com vícios ruins!". Besteira. Comece com linguagens simples, senão você vai desanimar e desistir. Não corra antes de andar.
- Evite o uso de loops: Errado. Aprenda um pouco sobre lógica de programação e *ordem de complexidade*. Aí você vai entender quando um loop não é uma boa idéia.
- Não saia programando que nem um maluco. Você pode poupar muita dor de cabeça se gastar um bom tempo no papel e caneta, tentando descrever os algoritmos que utilizará.
- Evite atalhos que causam pesadelos de manutenção. Gaste um pouco mais de tempo desenvolvendo algo que solucione o problema de uma forma mais flexível.
- Cuidado com o excesso de flexibilidade. Não invente muita moda. Não complique demais as coisas que não devem ser complicadas.


[59] Comentário enviado por albertguedes em 17/10/2008 - 00:13h:

Realmente, essa do "loops" foi de doer.
Não sei que diacho de programa pode ser escrito sem loops !
E "programação" não é sinonimo de "linguagem" de programação.
A linguagem é o que se usa pra programar.

Como disse nosso colega cbov, programar é desenvolver um "algoritmo".
Esse é uma parte da ciência da programação, que é um tanto matemática. Mas o segredo é esse, a programação está intimamente ligada á matemática através dos algoritmos. Tanto em lógica como em técnica.
Aprendam matemática e não terão problemas com nehuma linguagem.


[60] Comentário enviado por M4conheiRoX em 17/10/2008 - 09:50h:

Muito bem bolado mano
=D
Para quem fuma um tbm e muito bom fuma antes de programar!
_\|/_
uHuuu
ftz


[61] Comentário enviado por d4n1 em 26/10/2008 - 22:42h:

Boas dicas! Ser autodidata é o caminho!
Lembrando que, tendo a lógica basta apenas se adaptar a sintaxe da linguagem! Pratique muito, desenvolva projetos e assim evoluirá! Programar é pura lógica e matemática!


[62] Comentário enviado por cassimirinho em 18/11/2008 - 16:07h:

Nao concordo com item 10.

Mas é isso aí, já passei por isso várias vezes.

PS: Esse faker é um zé ruela maconheiro de meia tigela. Peguei raiva.


[63] Comentário enviado por niska em 01/12/2008 - 20:27h:

oi pessoal

quero m dedicar a programaxao, axu a uma coisa facinante, sera k alguem m pode ajudar? qual us livros a ler ou qual u programa a usar, gostaria de saber algumas dicas.

obrigadu


[64] Comentário enviado por info24hs em 17/12/2008 - 10:24h:

Olá, vou tentar seguir seus conselhos, não gosto de programação, mas agora sou obrigado a faze-lo.. Vou tentar o vestibular em janeiro para fazer a distancia na Unopar, sou ruim na matemática e fraco no raciocinio... me deseje boa sorte heheh :)


[65] Comentário enviado por cassimirinho em 17/12/2008 - 12:30h:

Então info24hs você está perdido, se não é bom em matemática e raciocínio lógico você vai cair de paraquedas no lugar errado.

Tive vários colegas de faculdade assim.

Sofreram absurdo.


[66] Comentário enviado por lolzfusion em 21/12/2008 - 14:48h:

oi,

estou aprendendo programação sozinho tambem... mas nao sou muito bom em matematica, mas o raciocínio lógico considero relativamente fácil(em relaçao a programação). Matematica é tao importante assim em programação ou ela apenas da uma "foça"?


[67] Comentário enviado por albertguedes em 21/12/2008 - 14:57h:

lolzfusion, toda vez que você faz uma operação matemática está fazendo uma programação mental, tente multiplicar 32 x 64 , pode ser no papel mesmo , e vai perceber que todos os elementos de um programa estão presentes nos passos que você dá pra realizar a programação.

Quando Alan Turing criou sua "maquina de Turing" , ele estava querendo dizer exatamente isso, que todo processo de cálculo segue um programa.

Em resumo, programação É matemática, porque segue o mesmo processo.
Quanto mais matemática você souber, melhor programador você será.

Claro que não precisa ser um formado em matemática pra programar, mas sem matemática, você não vai entender o que é programação de verdade, e pode até ficar limitado.


[68] Comentário enviado por Al-x em 30/12/2008 - 13:16h:

Valeu!


[69] Comentário enviado por felipeborges em 30/12/2008 - 20:21h:

Excelente, principalmente o último tópico quanto a alimentação. Eu só vi meu conhecimento "engrenar" quando o Café passou a fazer parte da minha vida! =D


[70] Comentário enviado por albertguedes em 30/12/2008 - 20:35h:

Imagina, sem café não existiriam programadores. hehehe


[71] Comentário enviado por lindrix em 13/01/2009 - 22:12h:

Oi a todos. Esse é o meu primeiro post neste site. A questão de programar é aprender bem algoritmo, que indica o caminho a ser seguido para construir alguma coisa de software. No redentorista, a minha turma foi forçada a treinar muito com papel e lapis, fazendo códigos em portugol. Lá pareceu uma chatisse, mas hoje agradeço muito ao meu professor por isso. Saber algoritmo permite que você trabalhe com qualquer linguagem, até assembler, se entender as diferenças de cada uma....
Eu já sou diferente, programo e penso mais rápido com um rock clássico ou uma música cheia de melodias. O conselho é tornar o local onde usa o micro pra programar o mais confortável possível, e em horas frias, como de madrugada.... rsssssssssssssss.


[72] Comentário enviado por fabioarnoni em 14/01/2009 - 05:45h:

Hehehehehehehehe muito bom o Artigo e bem polêmico também. A única maneira de aprender a programar é apanhar mesmo, não desistir jamais, o resto você descubrirá por si mesmo. Abraços !!!


[73] Comentário enviado por librarian em 15/01/2009 - 20:33h:

Meus dois centavos:

Consiga bons livros-texto. Comece com Introdução à Lógica, de Irving Copi. Saboreie o livro, não o devore. APRENDA lógica formal, diagramas de Venn e DEPOIS avance para algoritmos. Dê preferência a um livro-texto de algoritmo que foque na linguagem que você quer aprender; esses livros de algoritmos genéricos são bons, mas não se equiparam a um focado ao Java, ao C#, etc. Se tiver grana, compre um livro de Deitel e Deitel, aqueles Como Programar. São ótimos para quem está começando nisso de programação por serem independentes de plataforma (na maioria das vezes).

Aprenda uma linguagem por ano. São tantas as linguagens que você pode ficar sem saber para onde vai. Se Python está na moda, Java é onipresente, e C# se encontra em qualquer GNOME com tomboy. Se C é ágil, COBOL tem ainda mercado, e Haskell é coisa de doido. Se Ada é saudosista, Lua é boa para jogos, e Fortran é bom para astrofísicos. Enfim, são tantas linguagens que um novato pode se complicar. Eu mesmo se aprendi programação com VB, hoje me enrosco com Python, namoro o C# e resolvo meus problemas mesmo com Java.

Uma terceira dica que dou (fora dos dois centavos :) Não se deixe prender por preconceitos. É melhor focar no usuário que na ideologia. Programar software livre de código aberto não significa programar para Linux, significa programar para beneficiar totalmente o usuário, independente da plataforma (livre ou proprietária) que ele execute.


[74] Comentário enviado por alfameck em 30/01/2009 - 22:28h:

Não se apresse você será um eterno aprendiz


[75] Comentário enviado por jcs1 em 06/02/2009 - 16:29h:

Eu aprendi Basic num CP200, depois utilizei un TK85 ..meu primeiro PC foi um Hyundai (nem sei se é era assim mesmo que se escrevia) com
processador 8088 de 4 MHz de Clock ..com turbo ia pra 8MHz ..memoria de 360Kb e HD (Winchester!) de 32Mb rodando com DR-DOS ´
(naquela época eu já boicotava a M$) com isso aprendi GW-Basic ..em seguida passei pela fazer do Q-Basic e Turbo-Basic (editando Nibbles).
Na faculdade de Engenharia Quimica, aprendi Pascal (creio que era Turbo Pascal 7) ..depois disso veio o VB. Nessa época, o editor de HTML
era o HotDogPro ..era tudo na unha ..pra mudar cor era um parto ..alguém lembra ?
Fazendo uma disciplina de mestrado, aprendo FORTRAN em 2 semanas para poder resolver os problemas de engenharia.
Aí veio o Linux ...primeiro Mandrake 8 e Conectiva 7 (acho que eram esses!) num K6II 500.
Aí parei com esses vícios de programação ... faz muito que não escrevo 1 linha ..estou pensando em aprender uma linguagem ..
sempre tive vontade de C ..quem sabe ..se alguém tiver uma dica de um livro on line legal ..talvez eu retome!
ha sim, legal as dias ...


[76] Comentário enviado por edphp em 08/02/2009 - 19:55h:

É isso ai, aprender a programar não é muito fácil, ainda mais sozinho, mas se esforçe não é um bicho de 7 cabeças, eu aprendi object-pascal, php, java e um pouco de c sem a ajuda de ninguém, muitas coisas que aparentavam ser difícil de aprender, hoje ajudam em muito, como orientação à objetos, para aprender é muito difícil, mas depois que acostuma você não quer mais usar um paradigma como procedural e etc...
Apenas um lembrete, se quiser aprender progamação, aguente as conseguencias, póis ela vicia!!!


[77] Comentário enviado por admtempos em 20/02/2009 - 10:04h:

sim concordo com vc. para ser tornar uma verdadeiro programar leva tempo, a pessoa ter ter uma boa logica, com a logica fica facio aprender qualquer linguagem de programação e para melhor aprendezagem e bom procurar algum forum referente a linguagem que vc quizer aprender


[78] Comentário enviado por jramosvb em 23/02/2009 - 12:07h:

Tá aí uma boa maneira de começar. Eu, que sempre tive curiosidade em aprender programação, mas achava que nunca conseguiria. Gostaria de aprender PHP, porém, nem lógica de programação eu sei. Mas agora tomei ânimo e vou me aventurar...


[79] Comentário enviado por Bezerk em 04/03/2009 - 14:25h:

Uma outra boa dica é nunca querer começar a programar com Java. Tem muita gente que discorda mas java pra iniciante é pedreira!!


[80] Comentário enviado por removido em 10/03/2009 - 19:21h:

Amigo... Eu não programo...
Mas uso a cabeça pra caramba também tentando resolver um monte de problemas e inventar soluções.

Sinceramente, a última dica é muuuito valiosa! E sempre deu certo comigo!

Abraços!


[81] Comentário enviado por removido em 13/03/2009 - 10:23h:

otimo obrigado pela ajuda brother


[82] Comentário enviado por Dizimisth em 17/03/2009 - 17:48h:

so queria dizer que gostei muito desse artigo,me ajudou a tirar umas ideias erradas sobre progamacao.
Valeu Mesmo


[83] Comentário enviado por andrezc em 09/04/2009 - 12:02h:

Também parendi a programar sozinho, confesso que também já desanimei muitas vezes.


[84] Comentário enviado por Teixeira em 06/05/2009 - 06:43h:

Apenas para esclarecer, é perfeitamente possível programar sem loops, apenas com subrotinas.
(Na verdade, e no frigir dos ovos, os loops SÃO subrotinas).
A diferença é que os loops estão na mesma sequência do código, enquanto as subrotinas ficam fisicamente em algum lugar separado, de ounde são "pescadas" duranta e execução.
Na prática, e sob o ponto de vista lógico, dá no mesmo.
Sempre haverá um mecanismo de controle do desvio, que apontará para a linha seguinte ou para outra qualquer que se tenha determinado para isso.


[85] Comentário enviado por thiago_program em 08/05/2009 - 17:55h:

Acho que tem mais uma que está implícita. Participar da comunidade.

Abraço


[86] Comentário enviado por premoli em 08/05/2009 - 19:37h:

Boas dicas darksunrba, precisamos de palavras animadoras como as suas! As linguagens que você tem estudado lhe trarão muita coisa boa. Viva o Linux!


[87] Comentário enviado por The fabio em 15/05/2009 - 01:01h:

Primeiramente quero parabenizá-lo pelo seu artigo.
As dicas citadas são muito úteis para auto ditadas (eu sou um deles), portanto seu artigo é útil para mim e para muitos outros que estejam começando nessa área, que no começo é um caminho cheio de pedras.


[88] Comentário enviado por removido em 25/05/2009 - 17:09h:

parabens muito bacana


[89] Comentário enviado por CaioSerrano em 18/06/2009 - 23:13h:

Cara ,Muito bom mesmo, isso pode ajudar até quem esta desanimado com a informatica se for pensar em um sentido geral.


[90] Comentário enviado por fernandoamador em 08/07/2009 - 20:15h:

Interssante o artigo.


[91] Comentário enviado por manoserpa em 20/07/2009 - 17:00h:

Muito bom, parabéns.


[92] Comentário enviado por juniorphy em 24/07/2009 - 10:07h:

Excelente Motivação ...

Pra mim que estou começando no mundo linux ... ajudou ....

Essa do Sorvete é nova ... kkk

Valeu ...


[93] Comentário enviado por LisandroGuerra em 04/08/2009 - 14:48h:

Dicas singelas mas de valor.


[94] Comentário enviado por Luan Techio em 06/08/2009 - 16:16h:

Excelente tutorial muitos dessistem antes mesmo de começar se lerem esse tutorial a maioria vai achar interessante aprender um pouco mais antes de dessistir...


[95] Comentário enviado por removido em 10/08/2009 - 13:06h:

Muito bom mesmo colega! Só tenho a acrescentar que muita gente poderia contribuir até de formas mais simples, por exemplo, eu instalei o banco de dados do open-office e estou tentando reproduzir o que eu fazia anteriormente em ms-access. Até agora tive sucesso pois os dois aplicativos tem muito em comum.
PS. De onde você tirou esse nick "m3ocs-d4rksun"?


[96] Comentário enviado por eloilton em 25/08/2009 - 09:04h:

Sem duvida o obetivo "q segura as pontas pra n desanimar" e o kfé tbm hehehehe...
Boas dicas!


[97] Comentário enviado por jlvidals em 16/09/2009 - 07:41h:

Vale a pena lembrar que é preciso aprender uma linguagem...
Eu falei linguagem!!!! Logo... parta pra o C/C++ de cara.


[98] Comentário enviado por fabulozox em 22/09/2009 - 15:46h:

Como outro, também gostei das dicas, muito interessantes.


[99] Comentário enviado por fisicorj em 24/09/2009 - 11:01h:

Muito legal a iniciativa. Programação não é dificil. o problema e a força de vontade em aprender.


[100] Comentário enviado por stack_of em 28/09/2009 - 15:55h:

Bom artigo, ótimos conselhos, mas existem controvérsias em alguns pontos.
Certa vez li um artigo muito interessante, "Como aprender a programar em 10 anos". Vale a pena conferir, aqui uma tradução em português:


http://pihisall.wordpress.com/2007/03/15/aprenda-a-programar-em-dez-anos/


[101] Comentário enviado por k33p em 13/10/2009 - 03:03h:

8. Se você resolver estudar lógica de programação, no começo você certamente vai achar bobeira, pois não pare de estudar, no futuro isso vai fazer muito sentido.


Sem isso vc não anda... "é obrigatorio estudar lógica d prg. o nome já diz td."

é claro vc precisa gostar de Matemática.. pq td gira em torno disso


[102] Comentário enviado por urvald em 20/10/2009 - 16:05h:

10 DICAS PARA APRENDER PROGRAMAÇÃO POR CONTA PROPRIA
Tenho curso de COBOL e BASIC.Estou mudando de WINDOWS para LINUX.
Vou partir para programação UNIX. Li todas as idéias sobre as 10 DICAS foram de muito utilidade. Porem pouco foi mencionado sobre AUTO-DIDATA.
Todos que penssão em aprender sozinho já são auto-didata.
Só para lembrar ( QUANDO NASCE COM A “FORÇA”;JÁ É UM JEDA; E UM JEDA SABE DISSO) --> AUTO-DIDATA
( QUANDO NASCE SEM A “FORÇA”;DIZ MUITO TÁ LIGADO; E USAM DROGAS ).
dursistem@bol.com.br


[103] Comentário enviado por rruella@sapo.pt em 25/10/2009 - 14:14h:

e se eu quiser aprender sozinho por onde começo? o que é preciso ter instalado?


[104] Comentário enviado por rene em 19/12/2009 - 18:42h:

Acho que para quem está começando o importante não é aprender uma linguagem em si, mas sim os fundamentos básicos de computação. Acho a linguagem C ótima para se começar (foi minha primeira linguagem, muitos podem preferir o Pascal para um começo), aprender pelo menos Algoritmos e Estruturas de Dados é essencial, ensinará a pessoa a ser um programador, e não um escritor de código.


[105] Comentário enviado por carlotres em 20/12/2009 - 11:04h:

ótimo Artigo , mostra a calma que um programador deve ter ao estar trabalhando , também gostei da ideia de se ter um projeto pensado antes de qualquer começo , ter tudo isso definido para haver um começo e o fim.


[106] Comentário enviado por analfabetizado em 03/01/2010 - 19:50h:

Acho que faltou um tópico, meu conselho é seguir ou não todas estas dicas mas sobretudo e desde o começo procurar perceber como VOCÊ aprende algo, como faz para lembrar, entender e o que te leva a se interessar pelo que está fazendo, isto muda muito de pessoa pra pessoa e embora possa não parecer muito prático no começo depois ajuda a economizar tempo. Pode ser que você aprenda melhor ouvindo música, depois de ler um pouco sobre outros assuntos, ou de madrugada.
Traçar metas ajuda a manter o foco mas pode ser que você goste de coisas sob pressão e não consiga seguir uma rotina por muito tempo, o importante é que não pare de aprender, procure perceber como isso funciona com você e vá "refinando" o modo como acontece. Na verdade esta é a única dica que um auto-didata realmente pode seguir, aprender sobre como você aprende. E isto precisa já estar acontecendo quando você lê uma dica.



[107] Comentário enviado por slack felix em 30/01/2010 - 19:33h:

Uma boa prática para quem está começando é lingar-se mais nos conceitos do que na linguagem em si, já que na maioria dos casos, fora os comando específicos, programar em uma linguagem A ou B é a mesma coisa.

- Nomes, Vinculações, Tipos de dados e suas verificações, escopo;
- Expressões e instruções de atribuição;
- Estruturas de controle (seleção, iteração);
- Criação e utilização de rotinas (funções);
- Orientação a Objetos;
- Manipulação de Exceções;




[108] Comentário enviado por aand em 13/02/2010 - 23:03h:

Poxa, pessoal fico muito grato por disponibilizarem experiências. E a minha situação é essa: fiz a prova do enem e consegui uma bolsa de 50% em uma determinada faculdade aqui em São Paulo no turno da manhã, não conheço pessoas que programam a não ser pela web, trabalhava de frentista na parte da tarde, tenho uma folga a cada três domingos, as quartas que tenho disponível na semana quando trabalho aos domingos vou para a faculdade. Acho que estou me lamentando muito, mas para aprender a programar já tentei começar a programar com C quando fiz o curso técnico no senai e não achei tão simples assim. Li um trecho de um livro americano do titulo: "Aprenda a programar em dez anos". Cheguei a colocar esta publicação em algumas comunidades no orkut mas seus moderadores excluíram este tópico por ser desmotivador, penso eu. Mas no fundo mesmo imagino que no meu ritmo seja dai para lá. E por mais que eu tente avançar, parece que estou andando em círculos. Na faculdade formam-se panelas e quando se tenta entrar nos grupos onde há pessoas mais experiente, os grupos estão "fechados" (antes que alguém pense, eu não tenho problema de relacionamento ). Neste semestre pessoas que conheciam menos que eu, passaram por mérito de alguém graças as notas dos trabalhos em grupo. E eu por fracasso próprio fiquei de dp em duas matérias por não querer ficar nas costas de ninguém. Os que passaram pelo conhecimento alheio estão errado, mas eles não irão pagar a mais do que o previsto, não precisarão de mais um semestre para pegar o "canudo" e neste ritmo terminarão no tempo previsto. Enquanto eu e mais uns três se "lascaram".
Para finalizar eu prestem atenção à uma composição do Almir Sater que diz: "Penso que cumprir a vida seja simplesmente compreender a "marcha" e ir tocando em frente." Antes de realizar qualquer ato que requer conhecimento, aconselho a muitos que devem perceber a "marcha" e seguir em frente. Abraços à todos.


[109] Comentário enviado por pintado_71 em 19/07/2010 - 15:52h:

sim gostei do trópico eu a prendi a programa EN Java vendo vídeo aula e tomava muito café e coca cola e só saia da frente do PC quando estava muito irritado e hoje estou na Espanha trabalhando com Java


[110] Comentário enviado por antuerpiano em 13/09/2010 - 16:40h:

É isso, sair fora desse mundo Windows, do Visual, Microsoft e tal, aprender a programar com o Linux. Aos que reclamam do teclado devido acentos ou que não estão funcionando algumas teclas o teclado da Microsoft é de excelente qualidade.
Muito obrigado pelo artigo, muito bom.


[111] Comentário enviado por krummer em 25/12/2010 - 22:28h:

adorei o artigo... estou me formando como técnico em redes no final de janeiro e sem duvidas oq mais me facinou nesse curso foi ter conhecido o universo linux.. jah no começo do ano estarei me matriculando em um curso de programação pois acho extremamente necessario entender programação (ainda q n seja essa minha função) tendo em mão um sistema aberto... acabei de criar essa conta apos ler o artigo e apartir de hj estarei sempre dando uma passadinha akie... =)


[112] Comentário enviado por adrax em 20/10/2011 - 12:23h:

Bom dia!

Galera,

alguem sabe um método mais fácil para aprender programação em c?


[113] Comentário enviado por albertguedes em 20/10/2011 - 12:53h:

@adrax O jeito mais fácil de aprender qualquer linguagem é praticando. Primeiro arrange um projeto e depois se dedique a fazê-lo em C e vai aprendendo o que precisa dele conforme vai fazendo.

Faça por exemplo, um editor de texto simples em C. Na verdade, de simples não tem nada um editor de texto, mas enfim, quando terminar, vai estar sabendo C pra caramba. =)


[114] Comentário enviado por quetzacoltl em 02/11/2011 - 22:26h:

Parabéns maninho, qnts anos se passaram e seu post continua recebendo elogios, era exatamente isso q tava procurando, estava muito desanimado,mas seu comentário me deu o " gás " que tava precisando.


[115] Comentário enviado por Miqueloti em 20/03/2012 - 15:16h:

A dica de número 1 é meio óbvia, ninguém vai conseguir se forçar aprender algo se não for para atingir um objetivo. Simplesmente não rola você se esforçar para algo que não vai lhe ser útil para nada, o cérebro nunca vai assimilar o conhecimento.

Agora, as dicas 2, 3, e 6 na minha opinião são as que mais contam no aprendizado.

No meu caso especificamente, principalmente o que me fez evoluir foi a dica 3. Tive (e ainda tenho) a sorte de poder trabalhar com exímios programadores, e frequentemente os mesmos deixavam scripts sob minha responsabilidade para a execução de tarefas em servidores de grandes aplicações. Ao utilizar o meu tempo livre para destrinchar o código destes scripts, conheci muitas funções, técnicas e lógica de programação empregadas pelos programadores mais experientes, que tornam o trabalho de programar um simples jogo de quebra cabeças onde basta encaixar pequenas peças montadas para eliminar aquele "problemão" que tínhamos até outrora.

Então amigos, fica a minha dica. Cada um tem sua melhor forma de aprender, uns com os livros, outros tentando fazer seus próprios projetos e procurando ajuda nos momentos que emperram, já tentei várias abordagens, mais a minha curva de aprendizado foi bem melhor quando passei a estudar o código dos outros programadores.


[116] Comentário enviado por Teixeira em 01/05/2012 - 10:45h:

Apesar de ser a dica 1 "meio óbvia" (e de ser este um tópico exumado), já vi algumas pessoas que estavam fazendo cursos apenas "por estar", "por fazer", e cujos pensamentos estavam eternamente nas nuvens (mas nunca "na nuvem").

É igual à música do Ary Barroso "ah, esse coqueiro que dá coco": Parece pleonasmo, mas tem coqueiro que não dá coco de jeito nenhum.

É necessário portanto ter um objetivo, uma direção, e uma metodologia específica para alcançá-los.
Em marketing chamamos a isso de "Metas e Planos", e que são a chave para qualquer forma de sucesso.

Quero realmente aprender a programar, ou o que eu quero é só tirar uma onda de nerd por aí?
Quero ser um programador, ou quero apenas ocupar um banco em um curso qualquer?
Quero ser um bom profissional, ou quero apenas honrar a grana que meus pais estão gastando ao me colocar em um curso?

Cada um saberá responder de acordo com aquilo que se tenha em mente.
Dificuldades sempre existirão.
Para alguns serão IMPECILHOS, para outros serão meros DESAFIOS.


[117] Comentário enviado por souzarm em 19/07/2012 - 13:58h:

Excelente.
Intenção e conteúdo nota 1.000.
Porém a concordância (Português) está devendo.
"Mim" deve ser bem estruturado. (...) "justamente por mim ter desanimado algumas vezes no meio do aprendizado" (...).
O correto é "justamente por eu ter desanimado algumas vezes no meio do aprendizado. E por aí vai.

Parabéns M3ocs-D4rksun


[118] Comentário enviado por 14mth3blu35t4r em 12/07/2013 - 20:05h:

Obrigado pelas dicas :D
A 6 e a 10 são essências.



Contribuir com comentário


  
Para executar esta ação você precisa estar logado no site, caso contrário, tudo o que for digitado será perdido.
Responsável pelo site: Fábio Berbert de Paula - Conteúdo distribuído sob licença GNU FDL
Site hospedado por:

Viva o Linux

A maior comunidade Linux da América Latina! Artigos, dicas, tutoriais, fórum, scripts e muito mais. Ideal para quem busca auto-ajuda em Linux.